Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Eventos > O Dia de S. Valentim

O Dia de S. Valentim

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Eventos
Comentários: 1
O Dia de S. Valentim

O amor merece ser celebrado todos os dias. No entanto, convencionou-se existir um dia para celebrar a união entre os casais. Existem diversas datas para esta comemoração, que variam entre o 14 de fevereiro ou o 12 de junho. É um dia especial para milhões de casais por todo o mundo, independentemente de raça, sexo, credo ou estatuto.

As histórias de amor inspiram o nosso dia a dia. Quem nunca ouviu a história de Cleópatra, rainha do Egito que se apaixonou por Júlio César, Imperador Romano, ou ainda a história do amor impossível vivido entre Romeu e Julieta? Foi a força do amor que levou estes casais, entre muitos outros, a cometerem atos impulsionados pelo sentimento pela cara-metade.

Existem diversas figuras associadas a esta data. São Valentim é o santo padroeiro dos namorados. De acordo com a lenda, Caldeus II, imperador romano, impôs a proibição de casamentos de modo a que os jovens não tivessem qualquer impedimento aquando da ida para a guerra. No entanto, existia um bispo romano que continuava a realizar casamentos em segredo. Depois de São Valentim ter sido descoberto e preso, jovens casais enviavam-lhe bilhetes para a prisão a afirmar que continuavam a acreditar no amor.

Outra figura emblemática associada a este dia é Cupido, deus romano do amor. Este jovem deus tinha por hábito esconder-se na floresta e atirar setas ao coração das pessoas que passavam, fazendo com que elas se apaixonassem.

De acordo com a lenda, Vénus, a mãe de Cupido, invejava a beleza de Psique, uma rapariga mais bela do que ela. Assim, pediu a Cupido para atirar uma seta a Psique para que esta se apaixonasse pelo homem mais feio que existisse. Cupido acedeu ao pedido da mãe, mas ao atirar a seta, errou o alvo e acertou em si próprio, passando a ficar ele apaixonado pela rapariga. Uma vez que um deus não se podia unir a uma mortal, Cupido foi falar com Zeus para tornar Psique imortal, não havendo assim impedimentos para a união dos dois.

Existem muitas histórias associadas a este dia, mas a história mais bela é a que cada casal faz para si, são as recordações que vêm à memória. O primeiro beijo, a primeira noite, aquele fim de semana…

Compara-se o amor a uma flor, se não for tratada e regada constantemente, acaba por morrer.
O amor é um pouco assim, tem de ser constantemente tratado e renovado. Por isso, o Dia de S. Valentim é um ótimo pretexto para esta renovação. No entanto, há outros trezentos e sessenta e quatro dias ao longo do ano em que uma pequena surpresa, um sorriso ou uma carícia podem preencher mais a pessoa amada do que qualquer prenda…


Luís Seco Passadouro

Título: O Dia de S. Valentim

Autor: Luís Seco Passadouro (todos os textos)

Visitas: 0

661 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Joana SaavedraJoana Saavedra

    06-02-2010 às 07:11:53

    Olá Fofinhos!
    A minha figura mitológica não é o Cupido mas sim Eros...da Grécia antiga.
    Nest dia dos namorados vou apostar na Rua Direita, principalmente nesta loja que customo frequentar a craftedfavors.com

    ¬ Responder

Comentários - O Dia de S. Valentim

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Saiba como fazer divulgação a partir de casa e tenha sucesso

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Publicidade
Saiba como fazer divulgação a partir de casa e tenha sucesso\"Rua
Para todos os tipos de negócios, produtos ou serviços, se pretende obter resultados é fundamental divulgar. Não adianta ficar preso a ideia de que o seu trabalho é bom se ninguém sabe que ele existe. Seria como ter uma biblioteca contendo todo o tipo de informação sobre os mais variados temas no fundo do mar, ou no meio de uma floresta desconhecida. Afinal, o que faria com tanta informação se não tem acesso a ela?

Vamos entender o seguinte; quanto maior o número de pessoas receberem diariamente informação sobre o negócio em questão, maior a possibilidade de retorno, mesmo que seja de 1% ou menos. O mais importante é se fazer presente e não perder o foco, o que significa que, mesmo o retorno parecendo ser relativamente pequeno, sem nenhuma divulgação, seria um fracasso.

Dicas para fazer divulgação:

Primeiro é preciso determinar quais os veículos irá utilizar como ferramenta de marketing, depois, quanto tempo irá empregar nessa tarefa e criar um script (texto) de abordagem e apresentação que seja atraente, porém não muito extenso.

Com a oportunidade que a internet nos dá atualmente, é o meio de divulgação mais rápido, barato e prático que se pode ter, porém, não se empolgue muito. É preciso seguir alguns passos para que de fato dê certo. Usar a internet como mecanismo para divulgar, não é ficar atirando para todos os lados sem seguir uma estratégia que funcione como porta de atração.

Então, comece criando um site ou blog e contrate um serviço de hospedagem, os sites grátis têm extensão do fornecedor, o que pode tirar a característica de algo profissional, mas lembre-se de registrar um domínio, há muitos serviços de hospedagem com preço baixo.

Faça inscrição nas principais redes sociais e atualize todos os dias, é uma ótima ferramenta.
~
Crie anúncios e insira nos sites de classificados, como por exemplo, aqui no Rua Direita, que é grátis e tem grande número de visitações diárias.
Prepare uma campanha de incentivo usando o YouTube, com um vídeo explicativo de no máximo 2 minutos. O mais importante aqui é despertar o interesse para que visitem o site.

Faça uma lista de todos os seus contatos e envie informativo por e-mail, mas cuidado para não praticar spam, ou seja; enviar para quem não conhece ou não lhe autorizou. Telefone para os amigos e familiares e conte as novidades sobre o trabalho com simpatia e entusiasmo. Peça a eles indicação para que possa também falar com os contatos deles e o principal; acredite no sucesso, se empenhe com seriedade e determinação.

Pesquisar mais textos:

*lss Cabelos *

Título:Saiba como fazer divulgação a partir de casa e tenha sucesso

Autor:*lss Cabelos *(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios