Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Como determinar o Período Fértil?

Como determinar o Período Fértil?

Categoria: Saúde
Comentários: 1
Como determinar o Período Fértil?

O organismo feminino é muitas vezes uma incógnita. Sermos compreendidas pelas nossas mudanças de humor por causa da menstruação é um assunto que muitas vezes nos deixa aflitas. Sentimo-nos incompreendidas e ouvimos dizer muitas vezes que exageramos ou somos lamechas.

O que realmente acontece é que o nosso organismo, enquanto mulheres nos prega surpresas, desconfortos e muitas vezes dores.

Com o passar dos anos, os mitos ficaram para trás. No tempo das nossas avós, não se devia tomar banho e muito menos lavar os pés. Nos dias de hoje, evitar os duches, para mais em alturas como estas de período menstrual, são impensáveis. Outro dos mitos era avaliar a data precisa do período fértil, para assim evitar relações sexuais e consequentemente uma gravidez indesejada. Nada mais errado e as contas saiam muitas vezes furadas. Gerações de mulheres, deu á luz graças a estas contas tão difíceis de fazer e prever.

Mas o que é afinal o período fértil? O ciclo feminino pode ser dividido em duas partes. A do 1º dia da menstruação até meio do ciclo (mais ou menos 14 dias) representa a primeira parte sendo a segunda parte a de ovulação até à próxima menstruação. O que ocorre é que na 1ª fase, a mulher prepara o seu organismo para a fecundidade através da hormona de nome foliculina. Na segunda parte, a hormona produzida é a progesterona, a hormona produzida. É conhecida como hormona da gestação, pelo que o risco de engravidar é total.

Um período fértil é sempre difícil de avaliar com precisar. Mas afinal, como fazer todas estas contas, para que pelo menos possamos ter uma ideia de quando será?

As contas não são fáceis de fazer, pois cada mulher é um ser, e o chamado período fértil ao 14º dia pode ser na realidade de 12 ou 16 (o ciclo vai de 12 a 16 dias). Mas vejamos na realidade como podem ser feitas de uma forma geral, dando um exemplo muito simples.

Imagine que hoje é dia 15 de Março e tem o 1º dia da sua menstruação. Se o seu ciclo menstrual for de 30 dias, a sua próxima menstruação será no próximo dia 15 de Abril, certo?

Sendo a média do período de ovulação de 14 dias (os tais que podem ir de 12 a 16), ande 14 dias para trás da próxima menstruação, ou seja, dia 01 de Abril (15 Abril menos 14 dias).

Outra forma é verificar durante os dias prováveis, a sua temperatura corporal. A temperatura desce ligeiramente nos dias de ovulação, ou seja mais férteis.


Carla Horta

Título: Como determinar o Período Fértil?

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

681 

Imagem por: redstamp.com

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Cristiane MelloIlda Madureira

    23-06-2010 às 15:14:12

    Sendo eu uma menina muito inexperiente,no que diz respeito a sexualidade, posso afirmar que o conteúdo que aqui encontrei é muito útil. Obrigado

    ¬ Responder

Comentários - Como determinar o Período Fértil?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: redstamp.com

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios