Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Como escolher um colchão

Como escolher um colchão

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Outros
Comentários: 1
Como escolher um colchão

Você sabia que uma boa noite de sono estimula vários processos metabólicos no organismo? Mas, esses efeitos não podem ser obtidos se a cama não for confortável. Atualmente, já é possível encontrar vários tipos de colchões e travesseiros. E, em meio a tantas novidades, basta escolher o que melhor se adapta ao seu corpo, ou seja, aquele que deixa a coluna mais alinhada. Confira dicas e saiba como escolher um colchão.

Fique atento às características de cada colchão:
Espessura: 15 cm já é o suficiente para proporcionar uma noite confortável.
Altura da cama: ela deve ficar, no mínimo, a 30 cm do chão. Essa distância garante uma ventilação adequada.
Estrado ou box? O estrado traz mais vantagens no quesito circulação de ar, o que ajuda a prevenir irritações na pele provocadas pelo excesso de suor.
Tamanho: o colchão pequeno restringe os movimentos durante a noite.

Tipos de colchão:
Mola: a armação é composta por fios de aço inox com formato cilíndrico, cônico ou bicônico. Pode durar até 3 anos.
Espuma: existem diversos modelos, desde os mais duros até os extramacios. É preciso mantê-los sempre secos e só podem ser utilizados por, no máximo, 5 anos.
Látex: este são compostos por borracha derivada da seringueira, se molda facilmente ao corpo e volta ao formato inicial sem resistência. Deve ser trocado a cada 10 anos.
Alternativos: podem ser de ar ou de água, mas que não são recomendados para o uso diário, salvo em casos de indicação médica.

Glossário:
Bonnel: sistema de molas mais antigo e tradicional, com fios de aço.
Compensado: tipo de madeira mais comum na fabricação de camas, inclusive da box.
Densidade: definição técnica para o peso que a espuma pode suportar.
Double side: o famoso colchão dupla face. Os dois lados podem ser usados sem preocupação.
Dupla densidade: colchões com faces distintas. Normalmente, um lado é firme e o outro é extrafirme.
Jacquard: tecido empregado para forrar travesseiros, fronhas e lençóis.
Pocket: molas ensacadas de forma individual.
Poliframe: armação de espuma utilizada como suporte, principalmente para colchões de mola.

Como cuidar?
- O colchão precisa ser trocado de acordo com o tipo de material utilizado em sua fabricação. Podem durar de 3 a 10 anos.
- é aconselhável substituir os travesseiros a cada 2 anos para evitar a proliferação de bichos como ácaros, que causam problemas respiratórios.
- Caso o colchão ou travesseiro molhe, deixe secar ao sol. Não os deixe úmidos para evitar a proliferação de micro-organismos.
- Se possível, aquira uma capa antiácaro. Coloque-a sob a fronha e os lençóis para proteger contra alergias. Lave-as toda semana.


Rua Direita

Título: Como escolher um colchão

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 0

805 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Colchão Certo

    16-03-2013 às 11:34:20

    Adorei esta matéria. Parabéns.

    ¬ Responder

Comentários - Como escolher um colchão

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Contador de moedas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Material Escritório
Contador de moedas\"Rua
O mundo dos negócios exige um grande dispêndio de energia e muitas horas de trabalho. No entanto hoje já é possível fazer recurso da alta tecnologia para poupar tempo e dinheiro. O recurso às funções do computador para o comércio facilita e atrai muitos clientes para empresas e comerciantes. No que diz respeito a contas é possível fazer uma contagem rápida e eficaz do dinheiro, sem passar horas a contar e com o risco de engano. É por isso que cada vez mais pessoas ligadas a negócios e serviços optam por adquirir um contador de moedas. Deste modo sabem que poupam tempo e não falham na sua contagem.

Dos inúmeros equipamentos que a alta tecnologia põe ao dispor, este é sem dúvida um equipamento que beneficia em muito o trabalho de muita gente. Por ser pequeno é muito cómodo e exige pouco espaço, ou melhor pode ser colocado em qualquer lugar.

Torna-se evidente que as novas tecnologias vieram para simplificar a vida e trazem muitas vantagens, rentabilizam e poupam tempo. No caso do contador de moedas, sem enganos, falhas e complicações. É o ideal para ter num escritório de uma empresa, em escolas, cafés, pastelarias, salões de jogos, bancos, cinema, serviços financeiros e de tesouraria e outros ligados a serviços públicos e privados.

Em resumo, se está ligado a qualquer trabalho de comércio ou serviços pode poupar muto tempo e problemas apenas colocando um equipamento destes no seu espaço de trabalho. As suas vantagens são inúmeras, em especial: permite realizar uma contagem rápida das moedas dividindo-as e fazendo a sua soma, conta o total das moedas, o valor total em cada tipo de moedas e a quantidade de todas as moedas.

Contem e separa no mínimo duzentas e vinte moedas por minuto, sem erro, conta e separa tudo no mesmo equipamento, permite alimentar o aparelho com quantidades entre as trezentas e quinhentas moedas de cada vez e continuar a adicionar mais moedas enquanto está a contar. Além disso o aparelho pode ser programado para separar um número de moedas predeterminado.

O seu design é bastante inovador e resistente. Os materiais de elevada qualidade, de fácil ligação e paragem automática.

Possui uma elevada funcionalidade, baixo consumo (70W), pouco peso, aproximadamente quatro kg, velocidade ultra rápida, pequena dimensão e estão todos certificados pela EU. Deste modo também possuem garantia, são fáceis de usar e de arrumar.

As suas funções práticas permitem que o contador de moedas possa estar em qualquer lugar.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Contador de moedas

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios