Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Informática > Saiba como compartilhar sua internet banda larga

Saiba como compartilhar sua internet banda larga

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Informática
Comentários: 1
Saiba como compartilhar sua internet banda larga

Antigamente, poucas residências possuíam mais de um computador. A conexão com a internet era discada e, em raros casos banda larga, mas com uma velocidade pequena. Porém, a realidade dos dias de hoje é bem diferente. Mais de um computador por residência é algo até comum, e em pouquíssimos casos não se utiliza internet banda larga.

Mas, com essa nova realidade, surgiu também a necessidade de ambos os computadores navegarem na internet ao mesmo tempo, causando mais custo aos usuários por terem que solicitar um ponto adicional para suas operadoras de banda larga. Porém, há diversas soluções para isso. Uma das mais comuns e simples é a criação de uma pequena rede doméstica, sendo esse o assunto abordado nessa matéria, auxiliando-o a criar a sua. Confira!

Equipamentos necessários
Para começar, será necessário um roteador. Caso seu modem tenha essa função, você já está no caminho. Conforme a quantidade de computadores que iram se conectar ao router, serão necessários alguns cabos de rede.

O roteador será o dispositivo responsável por “pegar” o sinal de seu modem e dividir para os demais computadores conectados a ele. Um detalhe importante na hora de adquirir o seu, é verificar se a quantidade de portas do aparelho é suficiente para a sua necessidade.
No caso de um modem que já possua a função de rotear o sinal, você só necessitará de um hub/switch para fazer a conexão de seus computadores se não houver portas suficiente. Verifique no manual do aparelho ou contate o fabricante para verificar se seu dispositivo possui essa função.

Agora, compre em alguma loja de informática, os cabos de rede com conectores RJ-45. Aqueles azuis ou cinza. Eles conectaram os computadores ao seu roteador ou hub/switch.
Com seus equipamentos em posse, ligue seu modem (já configurado e acessando a internet) ao roteador (também configurado), conectando o cabo de rede na porta costumeiramente chamada “WAN”. Porém, se possível consulte o manual do router antes de fazer esse procedimento. Agora, pegue os outros cabos e conecte-os nos computadores e em qualquer porta do roteador.
Agora, quem será responsável por fornecer o IP para suas máquinas é o roteador. Por isso, é necessário verificar se as configurações de sua placa de rede estão corretas. Para isso, acesse o “Painel de Controle” e depois vá em “Conexões de rede”.

Na janela que se abrir, procure pelo ícone “Conexão Local” ou algo similar e clique com o botão direito do mouse sobre ele, acessando a opção “Propriedades”. Na próxima caixa de diálogo que aparecer, localize “Protocolo TCP/IP”, selecione-o e vá em “Propriedades”. Aparecerá uma nova janela, onde você deverá ativar as opções “Obter endereço de IP automaticamente” e “Obter endereço de servidores DNS automaticamente”. Confirme todas as janelas clicando em “OK” e repita esse procedimento para todas as máquinas que farão parte da rede.

A partir de agora, sua internet banda larga está compartilhada para os demais computadores. Vale ressaltar que a banda de sua conexão será dividida igualmente para todos os computadores que estiverem navegando ao mesmo tempo.


Lucas Souza

Título: Saiba como compartilhar sua internet banda larga

Autor: Lucas Souza (todos os textos)

Visitas: 0

639 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • André BelacorçaAndré Belacorça

    10-10-2012 às 01:49:47

    é uma boa maneira de apanhar Internet claro, e bom texto, explica bem e deixa a pessoa talvez capaz já de o fazer, banda larga não é muito difícil como se pensa, é facílimo, nem é só para quem sabe, qualquer um o faz.

    ¬ Responder

Comentários - Saiba como compartilhar sua internet banda larga

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Estratégia do arco-íris

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Serviços
Estratégia do arco-íris\"Rua
Pessoas comuns estão a descobrir novas estratégias que supostamente fazem dinheiro rápido. Mas, a verdade da questão é que, isso é quase impossível. Ao longo de sua jornada de negociação, vai experimentar algumas vitórias e derrotas. Então, vejamos uma das estratégias que irá produzir mais vitórias do que derrotas: a estratégia do arco-íris. Esta é uma estratégia muito poderosa que qualquer um pode utilizar, especialmente novatos lá fora. Se é novo no comércio de opções binárias e gostaria de ganhar dinheiro online, esta é a estratégia ideal para si.

A estratégia do arco-íris envolve um período de 6, 14 e 26 períodos, períodos de média móvel exponencial. Estes permitem filtrar os movimentos menores no mercado e dar-lhe uma visão clara da tendência.

O mercado está numa tendência alta quando o período de 6 EMA está no topo dos 14 períodos EMA e dos 26 períodos EMA. A tendência baixa ocorre quando as EMA cruzam-se. Agora, os 26 períodos EMA devem estar no topo da EMA de 14 períodos. Em tendências altas, os comerciantes devem concentrar-se principalmente em opções de compra.

Uma opção de compra pode ser acionada quando o preço para baixo remonta à EMA 14 e começa a mover-se para cima. Uma opção de venda pode ser acionada quando o preço refaz para cima, e os períodos EMA 14 começam a mover-se para baixo.

As vantagens desta estratégia é que muitos dos sinais são precisos e não requerem muita análise para fazer um bom negócio. Com a gestão de risco adequada, pode fazer desta a sua principal estratégia. Mas, antes de tomar essa decisão, saiba que existem algumas desvantagens. O preço às vezes pode ir além dos 14 períodos de EMA. Alguns comerciantes podem não saber como reagir a isso.

Além disso, mesmo se os mercados são tendências, ainda existe a possibilidade de dar sinais falsos, mas com a gestão de riscos aplicadas, esses sinais falsos não causam muito dano. Combinar esta estratégia com coisas como Fibonacci, linhas de tendência ou médias móveis podem ajudar a reduzir as chances de perdas.

Em geral, a estratégia do arco-íris é um grande indicador. Ele faz maravilhas nos mercados de tendências e é muito fácil de usar para os comerciantes de todos os níveis. No fim de contas, é apenas uma questão de fazer uma boa gestão de risco. É uma ótima estratégia para iniciantes começarem a usar e obterem vitórias, experiência e bastante dinheiro.

Pesquisar mais textos:

Jerónimo Diogo Magalhães

Título:Estratégia do arco-íris

Autor:Jerónimo Diogo Magalhães(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios