Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Arte > A Catedral de Notre Dame

A Catedral de Notre Dame

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Arte
Comentários: 1
A Catedral de Notre Dame

A Catedral de Notre Dame em Paris é a mais sumptuosa igreja, construída em toda a era gótica.
Não haja dúvida que a arte gótica é de uma rara beleza, muito exótica, caracterizada por rendilhados muito bonitos, esculturas, colunas e vitrais raros.

A igreja catedral de Nossa Senhora, conhecida por categdral de Notre Dame, ergue-se na Ile de la cité, local préviamente ocupado por duas antigas igrejas, dedicadas a Santo Estêvão e a Santa Maria, cujas origens remontam ao século V.

Contudo, a construção desta igreja iniciou-se só no século XII , tornando-se um modelo para as catedrais góticas da Europa.

O seu tamanho parece muito maior do que é, devido às suas naves laterais duplas e capelas laterais . As suas torres de modelo ocidental contêm enormes portais altamente decorados, com detalhes esculturais.

O que distingue esta catedral é o fato de ter uma distinta flexa de madeira e chumbo, em vez de uma torre central. Os telhados são compostos por 1.326 placas de chumbo, que pesam cerca de 200 toneladas.

Ela é tão conhecida e bela que desde sempre foi visitada por imensos peregrinos, que aí afluíam a fim de ver a milagrosa imagem de Santa Maria, o santuário e São Marcelo.
Durante a revolução Francesa foi demolida, tendo sido profundamente restaurada pelo arquiteto Viollet-le-Duc, que lhe imprimiu a imagem atual.

A sua excepcional beleza distinguíu-a sempre das outras, da mesma época e contuinua a ser ainda hoje associada ao romance de Vitor Hugo, chamado "o Corcunda de Notre Dame".
Apesar do seu interesse turístico , é também uma igreja funcional, com um design muito bonito.

Além de local turístico, é um templo religioso, e ainda a igreja-mãe de uma diocese, e um centro de peregrinação.

O seu interior alberga um tesouro, coro, estátua de Santa Maria, galo de cobre, altar e naves laterais.
Uma distintivo primordial é que catedral recebe a coroa de espinhos de Cristo, que Napoleão ofereceu. Ainda hoje é exibida, sempre na primeira sexta-feira do mês, o que faz com que ocorra muito mais gente afim de assistir.

Além de ter uma grande importância a nível arquitetónico, o seu interior é riquíssimo e decorado com famosos vitrais medievais.

Foi ainda considerada o primeiro templo da razão, onde o ser supremo de robespierre foi adorado. Isto porque, antigamente o napoleão era adorado com um ser superior e supremo.


Pedro gil Ferreira

Título: A Catedral de Notre Dame

Autor: Pedro gil Ferreira (todos os textos)

Visitas: 0

669 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Daniela VicenteDaniela Vicente

    17-09-2012 às 20:36:54

    eu já fui à catedral de Notre Dame, em Paris, no ano passado, eu fiquei muito contente por ter visto aquele ícone do gótico parisiense. e foi muito engraçado estar numa ilha no meio de Paris, rodeada pelos lados pelo rio. por fora, o edifício parece maior do que o interior ao que temos acessos, fiquei um pouco desiludida com o interior. gostei, contudo, dos espectáculos com uma índole religiosa. parabéns pelo seu texto.

    ¬ Responder

Comentários - A Catedral de Notre Dame

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A arte de trabalhar a madeira

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Serviços Construção
A arte de trabalhar a madeira\"Rua
A carpintaria constitui, digamos assim, a arte de trabalhar a madeira. É claro que, de acordo com o produto final, se percebe bem que uns carpinteiros são mais artistas do que outros…

Às vezes nem se trata tanto dos pormenores, mas mesmo de desvirtuar o que era a ideia inicial e constava da encomenda. Mal comparado, quase se assemelha à situação daquela aspirante a costureira que pretendia fazer uma camisola para o marido e, no fim, saíram umas calças!

Na construção civil, a madeira é utilizada para diversos fins, temporários ou definitivos. Na forma vitalícia (esperam os clientes!) incluem-se estruturas de cobertura, esquadrias (portas e janelas), forros, pisos e edifícios pré-fabricados.

Quase todos os tipos de madeira podem ser empregues na fabricação de móveis, mas alguns são preferidos pela sua beleza, durabilidade e utilidade. É conveniente conhecer as características básicas de todas as madeiras, como a solidez, a textura e a côr.

Ser capaz de identificar o género de madeira usado na mobília lá de casa pode ajudar a determinar o seu real valor. Imagine-se a possibilidade de uma cómoda velha, que estava prestes a engrossar o entulho para a recolha de lixo, ter sido feita com o que hoje se considera uma madeira rara.

É praticamente equivalente a um bilhete premiado do Euromilhões, dado que se possui uma autêntica relíquia! Nestes casos, a carpintaria entra na área do restauro e da recuperação. Afinal, nem tudo o que é velho se deita fora…

Por outro lado, as madeiras com textura mais fraca são frequentemente manchadas para ganhar personalidade. Aqui há que remover completamente o acabamento para se confirmar a verdadeira natureza da madeira.

É assim também com muita gente: tirando a capa, mostram-se autenticamente. Mas destes, nem um artificie com “bicho-carpinteiro” consegue fazer nada…!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:A arte de trabalhar a madeira

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    23-09-2014 às 13:23:35

    Uma excelente técnica que penso ser muito bonito e sofisticado. A arte de trabalhar madeira está sempre em desenvolvimento e crescimento.

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    01-06-2014 às 05:18:46

    É ótimo o trabalho com a madeira. Pode-se perceber grandes obras que se faz com ela. Realmente, é uma verdadeira arte!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios