Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > O Passado Sexual Influencia?

O Passado Sexual Influencia?

Categoria: Outros
Visitas: 4
Comentários: 8
O Passado Sexual Influencia?

Os tempos são outros, comparados com os de outros tempos. A verdade é que o que julgávamos normal há uns anos atrás, é hoje coisa fora de moda. Dentro deste leque de coisas, encontra-se naturalmente o sexo.

Ultrapassámos, enquanto sociedade os preconceitos, tabus e vergonhas relativamente ao sexo, e se assistimos, tão fogosamente à transformação que o “Big Brother” trouxe às nossas vidas, estamos prontos para ultrapassar muitas outras coisas.

Este programa televisivo, mostrou aos mais jovens que a sua atitude era comum, mas mostrou principalmente aos mais velhos quais as atitudes normais da camada mais jovem da altura. Os comportamentos adquiridos numa sedução, num flirt e naturalmente no sexo.

As vidas dos concorrentes foram expostas e nunca mais voltaram a ser as mesmas, puro e simplesmente porque toda a gente com que se cruzasse lhes conhecia os gostos e as atitudes descontraídas de quem vive fechado numa casa. Esta ideia leva-nos a uma outra. Como serão as relações de amor destes concorrentes depois da saída de um concurso? Influenciará o passado da pessoa que vamos tendo ao nosso lado?

Um passado influencia em qualquer relação, mais não seja porque somos feitos dele, ou seja, se o nosso passado tivesse sido diferente, a nossa presença no presente era sem dúvida diferente. Quanto a isto não restam dúvidas.

Se em outros tempos as mulheres casavam virgens e imaculadas e se assim não fosse a vergonha era mote de conversa, hoje em dia uma mulher ter mais do que um parceiro sexual é perfeitamente normal e diga-se, saudável.

Os homens queriam-se másculos e altivos, e hoje, nada como um homem arranjado e cuidado.

As diferenças na influência começam exactamente por aqui. Pela forma como se apresentam. Ninguém quer uma relação com alguém que tem um passado pesado e que mesmo com o passar do tempo, carregue cruzes e fantasmas, mas alguém sem passado também é enfadonho.

Naturalmente que nenhum homem quer manter uma relação com alguém que seja conhecida sexualmente pelo bairro onde mora. O passado sexual influencia, e isso é certo, e se não acontece numa fase inicial, vai acontecer mais dia, menos dia.

Alguém experiente será alguém à partida que sabe o que quer da vida e isso trás algumas vantagens ao sexo. O passado influência, mas será de forma positiva ou negativa? Julgo que a resposta está na própria pergunta. Que tipo de passado tem?


Carla Horta

Título: O Passado Sexual Influencia?

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 4

772 

Imagem por: ginnerobot

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 8 )    recentes

  • SophiaSophia

    26-05-2014 às 05:39:53

    O passado sexual influencia sobremaneira numa relação. A pessoa que teve vários parceiros, certamente, conviverá com lembranças em sua mente por anos. O cérebro possui um espaço que é chamado de "amígdala", é ele que registra nossas fortes emoções sentidas e deixa gravado como se as novas sensações não mais causasse prazer. Por isso, muitos desses praticantes sexuais sofrem por não terem mais prazer e não saber gerar prazer ao seu companheiro!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoJorge

    24-07-2012 às 10:13:35

    Falo enquanto homem. Não quero para mim uma mulher que já tenha namorado meio mundo e que tenha se deitado com ele. Mas e se ela gostar de mim e me for fiel para sempre? Quantas vezes acontece serem as mais santas e sem passado complicado a meter o pé em ramo verde? Ás vezes o que parece não é.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoMiriam

    23-07-2012 às 12:17:23

    Tudo isto passa muito por cada um de nós. Claro que já não se vive numa sociedade em que as mulheres casam virgens e em que os homens podem procurar outras fora de casa. Isto era o normal à 40 anos atrás. As coisas estão diferentes. Mas aqui vou ter de concordar com a Katrina. Não podemos permitir que a sociedade mande e desmande na nossa vida. Nós temos relações, sejam sexuais ou não, com quem quisermos. Temos (e concordo com ela mais uma vez) é de ter cuidado na forma como nos expomos para que o passado sexual, a influenciar, não seja de forma desastrosa.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoKatrina

    23-07-2012 às 12:17:04

    “Imagine uma fechadura que é aberta por uma unica chave em relação a uma fechadura que se abre a qualquer chave. Qual portão se sente mais seguro?” – Pergunto eu agora – E quantas fechaduras é que essa chave já abriu? O número de chaves ou de fechaduras pouco interessa. Interessa sim como as coisas são feitas. O que se tem de ter cuidado é na forma como se faz a coisa. Eu se tenho vários namorados ao longo da vida não tenho de dar contas a ninguém, mas claro não posso ferir suscetibilidades. Com descrição e sem escândalo eu quero lá saber se foram 10 chaves ou 20 fechaduras. Isto parece-me conversa de homem que julga que a mulher só pode conhecer um e que ele pode conhecer muitas porque é homem. Muitas vezes julgamentos fáceis em telhados de vidro.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoCarla

    19-07-2012 às 13:02:50

    Boa tarde Sr. Pedro,
    Quando no texto se falou no Big Brother, não no sentido de se ensinar alguma coisa boa ou má. Foi no sentido de mostrar que este programa mostrou coisas em direto aos quais nós enquanto sociedade não estávamos habituados a ver, mas que de facto sempre existiram (naturalmente não eram era expostas). O que se quer dizer no texto é se passado uma exposição destas, as pessoas conseguem levar uma vida normal, ou se a exposição leva a relações falhadas ou a consequências idênticas. O passado sexual influencia, claro que sim. Ninguém quer casar e constituir família com alguém que já é conhecida por uma grande exposição sexual. O mesmo acontece com s homens. As mulheres de hoje que queiram uma relação séria, vão ou não acreditar no chamado pinga-amor lá da rua?

    ¬ Responder
  • pedropedro

    16-01-2011 às 05:06:29

    Que me desculpen quem assiste este lixo de programa chamado BBB. Não sou moralista e nem machista, mas todo mundo sabe, que a intenção deste lixo que passa na globo e de manipular uma sociedade sem cultura e mostrar ao povo um monte de idiótas que nada servem como habito, sem contar que as mulheres são selecionadas para depois servir de objeto em filmes pornos etc...Dizer que bbb ensina algo sobre sexo é uma absurda loucura.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoaninha

    16-07-2012 às 13:16:04

    Alguém aqui disse que o bbb ensina alguma coisa de sexo? me parece que o pedro leu ao contrario. antes de dar sugestão sobre moralidade, lê como deve se.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoEugenio

    28-03-2010 às 16:58:45

    Carla Horta, Boa tarde!
    Imagine uma fechadura que é aberta por uma unica chave em relação a uma fechadura que se abre a qualquer chave. Qual portão se sente mais seguro?
    Um abraço,
    Tenho 57 anos

    ¬ Responder

Comentários - O Passado Sexual Influencia?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: ginnerobot

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios