Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Ferramentas > Transporte as ferramentas de uma forma segura

Transporte as ferramentas de uma forma segura

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Ferramentas
Visitas: 24
Comentários: 1
Transporte as ferramentas de uma forma segura

As ferramentas são utensílios que capacitam o Homem para a realização de tarefas que, de outra maneira, ele não conseguiria levar a cabo com tanta segurança e eficiência. Não obstante, antes de iniciar o uso de qualquer ferramenta, é preciso conhecer o trabalho a executar, bem como ter uma ideia geral dos tipos de ferramentas mais adequados à prossecução dos seus objetivos, evitando ou amenizando possíveis riscos de acidentes decorrentes do manuseio.

Os incidentes ocorridos com ferramentas manuais são bastante comuns e consubstanciam, nomeadamente, golpes nas mãos ou em partes do corpo mais expostas, choques, entrada de partículas para os olhos, esforços exagerados, contactos com a corrente elétrica,... A principal causa prende-se com uma utilização desajustada da ferramenta, manutenção imprópria, produtos de baixa qualidade ou portadores de defeitos, transporte deficiente e falta de uso de luvas ou equipamentos de proteção.

Há que verificar sistematicamente: as condições dos cabos e respetivo encaixe, à procura de hipotéticas rachadelas (martelos, serras, limas, chaves de fendas), atentando ainda no formato, peso e dimensão, para aferir acerca da sua adequação (do ponto de vista ergonómico); as bocas e os braços de ferramentas como alicates, chaves e outros; os dentes de limas e serrotes; a existência de proteção isolante (no caso de equipamentos elétricos; se as ferramentas de corte (facas, tesouras, …) estão afiadas. Paralelamente, é recomendável usar ferramentas que não soltem faíscas em ambientes com gases inflamáveis e não utilizar as ferramentas para fins para os quais não foram projetadas, bem como munir-se sempre com luvas, óculos de proteção, calçado adaptado (que pode evitar o esmagamento dos pés), etcétera.

Para transportar as ferramentas de uma forma segura, é aconselhável socorrer-se de caixas, bolsas e cinturões especialmente fabricados para o efeito. As ferramentas afiadas requerem a utilização de bainhas. Nunca se devem colocar ferramentas nos bolsos da roupa que se tem vestida, e a subir e descer escadas, convém deixar, pelo menos, uma mão livre e cuidar para que, na iminência de uma queda, não haja azo a ferimentos provocados por lâminas ou pontas aguçadas. Adicionalmente, as ferramentas devem ir de tal modo acondicionadas que não ameacem cair nem lesionar quem as transporta.

Da manutenção das ferramentas consta a reparação dos defeitos, preferencialmente por um profissional especializado. Consertos provisórios conduzem, vulgarmente, a acidentes, mais cedo ou mais tarde.

No que respeita às ferramentas elétricas, para além das precauções de carácter geral, é importante acautelar cabos em mau estado (fios sem proteção ou com fita-cola), assim como a ligação direta dos cabos condutores às tomadas. JAMAIS se devem manipular ou alterar os dispositivos de segurança dos aparelhos, quer se trate da instalação elétrica ou da própria ferramenta (interruptores diferenciais, termomagnéticos,...), uma vez que eles fornecem informação sobre um possível mau funcionamento destes.


Maria Bijóias

Título: Transporte as ferramentas de uma forma segura

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 24

796 

Imagem por: Robert S. Donovan

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    04-05-2014 às 04:49:46

    Sempre com cuidado para não quebrar ou danificá-las. Ótimo texto!

    ¬ Responder

Comentários - Transporte as ferramentas de uma forma segura

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Cães e Humanos: Amizade por interesses

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Animais Estimação
Cães e Humanos: Amizade por interesses\"Rua
Não é de hoje que os cães são considerados nossos melhores amigos, porém como toda amizade ela não é totalmente incondicional e livre de interesses, pense bem, você pode discordar a princípio, mas analise a fundo e verá que tenho razão.

Cães convivem conosco a mais de 10mil anos, foi lá atrás na pré história que essa amizade começou, uma das mais duradouras da história. Teorias dizem que essa conexão iniciou pois ambas as espécies precisavam de algo que não possuíam e juntos se completaram.

Em plena era do gelo onde a sobrevivência estava sendo testada a todo vapor, aquele lobo considerado mais corajoso se encontrou com um homem também corajoso e resolveram unir forças, talvez não conscientemente, mas deu certo para ambos, e ali iniciava uma amizade que duraria por milênios.

Nesse estágio da nossa história, corríamos perigo de sobrevivência; faltava comida, segurança e energia ! ... E então percebemos que esses lobos simpáticos poderiam nos dar uma vantagem na corrida contra a morte, afinal eles caçavam muito bem , coisa que tínhamos dificuldade em fazer pela falta de energia naquele momento; então pensamos, eles nos ajudam a caçar, nós dividimos o alimento e em troca eles ganham segurança e afeto, e foi assim que essa amizade nos ajudou a enfrentar todos os percalços do caminho, e hoje evoluímos tanto que não precisamos mais de seus serviços e ainda sim continuam sendo nossos melhores amigos, posso dizer então que realmente é uma amizade verdadeira, que surgiu da dificuldade e interesses mas que não se deixou abalar por nada.

Então, agora quando virmos alguém maltratar esses animais, desdenhar deles dizendo que "não prestam pra nada", "não fazem nada de útil", como a galinha que põe ovos, ou a vaca que dá leite, lembremo-nos o quão útil eles foram na nossa caminhada, não só no quesito físico mas também no emocional, numa época em que as aparências não importavam e nem o QI para se fazer um amigo, bastava ser corajoso o bastante pra ultrapassar barreiras e conhecer mais o outro, do jeito que ele viesse, garanto que vantagens incríveis nascerão dessa amizade, e não pense em vantagens como algo ruim, quando digo penso em a vantagem da gente se sentir o humano mais importante do mundo quando esses seres peludos nos olham nos olhos sem pedir mais nada em troca, damos e recebemos carinho como nunca, uma retribuição silenciosa a quem sempre esteve do nosso lado, no pior e melhor momento.

O maior interesse em uma amizade é que ela dure para sempre, e acho que com os Cães conseguimos isso.

Pesquisar mais textos:

Lara Lavic

Título:Cães e Humanos: Amizade por interesses

Autor:Lara Lavic(todos os textos)

Imagem por: Robert S. Donovan

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios