Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Empresariais > Uma reunião de sucesso

Uma reunião de sucesso

Categoria: Empresariais
Visitas: 4
Comentários: 4
Uma reunião de sucesso

As reuniões são, normalmente, equiparadas a “secas monumentais”. Sobretudo se forem monólogos monocórdicos. Há, regra geral, quem esteja ali só de corpo presente, pois, na realidade, encontra-se a programar o que vai fazer quando tiver ordem de soltura, a desenhar fantásticas obras de arte, a compensar o sono em atraso, a fixar-se mentalmente em algo que lhe seja aprazível para combater o enfado, e mil e uma outras coisas mais interessantes do que estar a ouvir matérias rotineiras, discussões inúteis sobre teorias que nunca hão-de chegar à prática e pontos dispersos de uma agenda mal organizada.

A maior parte das reuniões, cansativas e chatas, despertam nos convocados a participar um sentimento de imediata repulsa. Até porque uma grande percentagem consubstancia uma amálgama de várias irracionalidades: perda de tempo, de dinheiro (sobretudo se for necessário patrocinar transporte e estadia), de horas de produtividade, promoção do descrédito, da incapacidade de gestão e da ineficácia, resultados muito aquém do previsto, etcétera.

Definir claramente os objectivos de uma reunião, pode torná-la menos difícil. Saber exactamente o que se pretende focaliza os pensamentos e as atenções. Por cada hora de reunião, serão precisas três de preparação. Do intuito da reunião dependerão: o número de participantes (e a respectiva categoria), o local, o tempo de duração, a forma de exposição e solicitação e intervenção, o formato (formal, informal, alargada, restrita, com ou sem moderador, …), entre outros.

As reuniões devem ser marcadas para a parte da manhã, em que todos estão mais frescos e um eventual atraso não se apresenta tão gravoso. A capacidade de síntese é uma característica fantástica, mormente numa reunião: não se conseguirá a atenção de alguém profundamente aborrecido. Todos os participantes devem ter em mãos uma cópia da ordem de trabalhos, para se poderem situar. Os elementos de suporte (blocos, canetas, águas, cafés, bolachas, material de projecção, etc.) têm de ser acautelados atempadamente.

Acatar sugestões de temas lançadas pelos cooperadores constitui uma forma de promover a centralização, fomentar o diálogo e enriquecer os conteúdos. Os presentes exibirão, deste modo, uma postura mais interessada e participativa.

De salientar que a concentração das pessoas se encontra no auge nos primeiros e nos últimos dez a quinze minutos da reunião. Convém que os pontos mais importantes sejam tratados nestes períodos. Em reuniões longas, fazer intervalos de dez minutos é útil para desanuviar e dar resposta a necessidades básicas, mas também para dissolver contendas infrutíferas.

A monopolização dos debates deve ser evitada a todo o custo. Se possível, introduzir umas piadas aqui e ali, para reter a atenção e aliviar o ambiente. Lembrar aos participantes que o objectivo da reunião é comum, desencorajando conversas paralelas e disputas individuais, a fim de manter o controlo da eficácia. O acompanhamento permanente da linguagem corporal dos interlocutores é fundamental para se ritmar devidamente o alinhamento e ajustá-lo, se for caso disso. No final, é de bom-tom resumir os assuntos tratados e recapitular as decisões.


Maria Bijóias

Título: Uma reunião de sucesso

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 4

779 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • SophiaSophia

    01-05-2014 às 16:14:30

    A reunião deve transcorrer em harmonia e isso é de responsabilidade de quem está à frente. Reuniões monótonos geram um desgaste chato e improdutivo. Essas dicas são muito boas!

    ¬ Responder
  • marlymarly

    30-01-2011 às 14:10:14

    me de dicas de como fazer reuniao para funcionarios de loja

    ¬ Responder
  • MARCELLO N BOMFIMMARCELLO N BOMFIM

    07-01-2010 às 15:08:21

    @Danilo
    Oi!
    Caro Danilo, o que eu acho que pode lhe ajudar para sua fobia é fazer um curso de teatro.
    lá você vai aprender técnicas apropriadas para sua fobia.
    abraços!!!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDanilo

    02-09-2009 às 10:25:47

    Olá estou estudando e tenho fobia em falar para muita gente.

    Quando tenho apresentações de trabalhos fico muito nervoso, tremo muito e gagejo. Não consigo me controlar.

    Estou me sentido muito mal com esta situação, já não sei o que fazer. Chequei mesmo a tomar calmantes mas não resultou.

    Pode me ajudar?

    ¬ Responder

Comentários - Uma reunião de sucesso

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Receptores digitais

Ler próximo texto...

Tema: TV HIFI
Receptores digitais\"Rua
Os receptores digitais são instrumentos que têm a função de receber sinal por via de canais digitais.

De acordo com a sua função, estes canais poderão ser satélite ou por cabo. Actualmente, já existem bastantes serviços de televisão por cabo que funcionam apenas com estes receptores, uma vez que é através deles que se consegue ter acesso não só aos canais de serviço, mas também a pacotes codificados.

O serviço de recepção de canais por satélite é um sistema independente para o qual é necessário ter um disco receptor satélite de modo a poder ter canais digitais fora dos serviços prestados pelos operadores de televisão digital.

Este instrumento permite que os próprios ecrãs sem tecnologia digital passem a usufruir desta através destes receptores. No entanto, a melhor qualidade só é garantida com um ecrã já com esta tecnologia.

Os receptores digitais permitem também aceder a uma multiplicidade de serviços, desde que devidamente configurados. Por exemplo, com estes receptores, é possível aceder a menus específicos de pausa de emissão para depois ser continuada, de serviços on-demand ou acesso a portais específicos, entre outros.

Esta pequena caixinha permite ao seu utilizador usufruir da televisão a um novo nível, de modo a que possa ter todas as comodidades no conforto do lar. 

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Receptores digitais

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    04-06-2014 às 06:53:28

    Gostei dos receptores digitais. Bom texto abordando isso.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios