Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Biografias > Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

Categoria: Biografias
Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

Carlos Villagrán Eslava (Cidade do México, 12 de Janeiro de 1944) é um ator humorístico mexicano, mundialmente famoso por ter interpretado o garoto Quico, no seriado Chaves (El Chavo del Ocho).
Nascido em 12 de janeiro de 1944, Carlos teve uma infância pobre. Antes de se tornar ator foi fotógrafo de um jornal mexicano, trabalhava com esportes. Seu sonho era ser comediante ou jogador de futebol.

Carlos também é conhecido no México como Pirolo, pois antes de atuar em El Chavo del Ocho, tinha um personagem com esse nome em um circo. Certa vez, em uma apresentação, foi visto por Rubén Aguirre (Professor Girafales) que ficou encantado com o seu talento e o indicou à Roberto Gómez Bolaños. Carlos Villagrán deixou a fotografia aos 23 anos e começou a viver Quico no seriado El Chavo del Ocho, sendo que já interpretava o personagem também em circos e teatro.

No ano de 1978, Carlos Villagrán deixou o elenco do seriado. Devido à imposição de Roberto Bolaños, Carlos foi impedido de atuar com seu personagem no México, forçando sua ida PARA a Venezuela. Lá, fez o programa Federrico, que não fez muito sucesso, com a audiência em baixa decidiu retornar ao México, onde fez o programa ¡Ah que Kiko!. Carlos ainda protagonizou um programa no Chile chamado O Circo de Monsieur Cachetón.
No final dos anos 80 decidiu parar de fazer televisão.

Nos anos 90, se dedicou a viajar pela América Latina com um circo, fazendo apresentações em diversos países da América do Sul e América Central. No Brasil, o ator fez shows entre 1996 e 1997 em diversas cidades do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo.

Em 2013, em uma turnê pelo Brasil anunciou sua aposentadoria, aos 69 anos. O último show de sua carreira foi no dia 11 de Maio, em um circo no Rio de Janeiro. Sua turnê de despedida ainda passou por Porto Alegre, Belo Horizonte, São Paulo, Recife e Campos dos Goytacazes. Durante a turnê, em homenagem a sua paixão pelo futebol brasileiro, foi nomeado embaixador da Copa do Mundo do Brasil, na cidade de Porto Alegre. O ator recebeu o título das mãos do prefeito José Fortunati.

Atualmente, mora em Guadalajara, no México, com sua atual esposa. Carlos tem seis filhos de outro casamento.
Em 2014, Villagrán abandonou a aposentadoria e anunciou que irá fazer uma turnê pelo Brasil.1


Celso Junior Juniorcis

Título: Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

Autor: Celso Junior Juniorcis (todos os textos)

Visitas: 0

296 

Comentários - Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios