Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Biografias > Diana de Gales

Diana de Gales

Categoria: Biografias
Comentários: 3
Diana de Gales

A Princesa de Gales

Nascida a 1 de Julho de 1961 em Park House, Inglaterra,
A Princesa do Povo ficou marcada no coração de muitos. Amada por todos os que com ela privavam, era uma mulher de família, mas também de causas humanitárias.

O mundo ficou mais pobre no dia em que morreu…
A 31 de Agosto de 1997, morreu num acidente automobilístico no túnel da Ponte da Alma, em Paris, juntamente com Dody Al-Fayed (filho do dono da conhecida marca Harrod’s) e o motorista. As causas do acidente ainda são motivo de especulação.

Foi a terceira filha do Visconde Althorp e da sua primeira mulher, Frances Ruth Burke-Roche. Com sete anos os pais separaram-se. Diana e o irmão Charles foram viver com a mãe para Londres. Ainda em 1968, passou o Natal com o pai que se recusou a deixá-la regressar a casa da mãe.

Assim, os Althorp lutaram pela custódia dos filhos, que foi atribuída ao pai. Todo este processo deixou marcas negativas em Diana, que ficou determinada em constituir uma família unida e feliz. Conheceu o príncipe Carlos, que na altura namorava com a sua irmã mais velha.

Entretanto esteve três meses na Suíça a aprender actividades sociais, como etiqueta, artes florais, culinária. A 6 de Fevereiro de 1981, Carlos chamou Diana e pediu a sua mão em casamento.

Mesmo sendo filha de nobres, ela fazia a vida de uma mulher normal. Inscreveu-se em duas agências de emprego e começou a fazer tarefas domésticas e trabalhos de babysitter, até que se tornou professora num jardim-de-infância.


Bruno Jorge

Título: Diana de Gales

Autor: Bruno Jorge (todos os textos)

Visitas: 0

626 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • SophiaSophia

    24-04-2014 às 21:59:57

    Ela, além de ser linda é uma mulher admirável! A princesa Diana ficará em nossa memória para sempre!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    09-09-2012 às 21:45:07

    Quem não se lembra de Diana de Gales? Uma senhora elegante, que marcou a monarquia inglesa. Lembro-me perfeitamente acordar um dia, ligar a televisão e ver um funeral em directo. Na altura, nem me apercebi o que se tratava, pois tinha apenas sete anos. Hoje sei do que se tratava e sempre que vejo as imagens só conseguir sentir muita tristeza por aqueles dois rapazes que vão atrás do caixão. Parabéns pelo tema.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    09-09-2012 às 21:40:17

    Quem não se lembra de Diana de Gales? Uma senhora elegante, que marcou a monarquia inglesa. Lembro-me perfeitamente acordar um dia, ligar a televisão e ver um funeral em directo. Na altura, nem me apercebi o que se tratava, pois tinha apenas sete anos. Hoje sei do que se tratava e sempre que vejo as imagens só conseguir sentir muita tristeza por aqueles dois rapazes que vão atrás do caixão. Parabéns pelo tema.

    ¬ Responder

Comentários - Diana de Gales

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O que é uma Open House?

Ler próximo texto...

Tema: Imóveis Venda
O que é uma Open House?\"Rua
Este é um tema que vem pôr muito a lindo o trabalho de alguns mediadores imobiliários e do seu trabalho.

Quando temos um imóvel para vender, muitos são os métodos a utilizar e os meios que nos levam até eles para termos o nosso objetivo cumprido – A venda da Casa.
Quando entregamos o nosso imóvel para que uma mediadora o comercialize, alguns aspetos têm de ser tidos em conta, como a legalidade da empresa e quem será a pessoa responsável pela divulgação da sua casa, mas a ansia de vermos o negócio concretizado é tanta, que muitas vezes nos escapa a forma como fazem a referida divulgação e publicidade do imóvel.

Entre anúncios na internet e as conhecidas folhas nas montras dos estabelecimentos autorizados, muitas mediadoras optam por fazer uma ação que está agora muito em voga que é uma Open House. Mas afinal, o que é isto de nome estrangeiro que tanto se vê pelas ruas e em folhetos de anúncio?

Ora bem, a designação em Português é muito simples – Casa Aberta. E na realidade, uma Open House é isso mesmo. Abrir uma Casa para que todos a possam ver. NO entanto, requerem-se alguns aspetos que as mediadoras normalmente preveem, mas que é fundamental que o proprietário do imóvel também tenha consciência e conhecimento.

Por norma as imobiliárias só fazem este tipo de intervenção e ação em imóveis que têm como exclusivo, isto é, quando é uma só determinada mediadora, a autorizada a poder comercializar o imóvel.

Em segundo lugar, este tipo de ação de destaque requer à mediadora custos com tempo, recursos humanos e financeiros.
A mediadora começa por marcar um dia próprio que por norma é datado para um feriado ou fim de semana. Faz então publicidade local através de folhetos e flyres anunciando a Open House, o dia e a hora, tal como o local. Muito provavelmente serão tiradas fotografias ao seu imóvel.

Através de redes sociais também poderão ser divulgadas as ações.
No dia da Open House, o local será indicado com publicidade da sua casa e da imobiliária e começarão a aparecer visitas ao imóvel.

Sugiro que não tenha mobiliário e muito menos valores em casa. O ideal será o imóvel estar desocupado de todos e quaisquer bens, por uma questão de segurança, mas também porque as áreas parecerão maiores e isso com toda a certeza ajuda à venda.

A imobiliária será responsável pela limpeza e trato do imóvel, pelo que se ocorrerem danos, serão eles os responsáveis.
Neste tipo de ações, é normal que a concorrência das imobiliárias apareça e faça parcerias que para si só trará vantagens.

Uma Open House pode não ser uma ação de destaque em Portugal, mas por exemplo nos Estados Unidos, é o normal e mais agradável. Os clientes não se sentem pressionados como numa visita normal e os negócios concretizam-se com muito mais rapidez e naturalidade.

Pesquisar mais textos:

Carla Horta

Título:O que é uma Open House?

Autor:Carla Horta(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios