Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Arte > A beleza de Da Vinci

A beleza de Da Vinci

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Arte
Visitas: 4
Comentários: 1
A beleza de Da Vinci

Poucos são os que não conhecem, mas mesmo para esses, o nome não lhes é estranho e no mínimo já ouviram dizer qualquer coisa.

Falar de arte, independentemente da era ou época e não falar de Leonardo Da Vinci é quase como cometer um crime.

Se para si Da Vinci foi um pintor, saiba que este homem de ar carregado e assustador, foi muito mais do que isso.

Leonardo di Ser Piero Da Vinci, nasceu em Italia e é ainda hoje considerado uam das personagens mais importantes de toda a história renascentista. Mais do que um pintor, Da Vinci foi inventor, escultor, arquiteto, poeta, músico, matemático e cientista. Foi antes de tudo, um verdadeiro criador.

A busca incessante de Da Vinci pela procura e a ambição desmedida pelo conhecimento aprendizagem e criação, levaram Leonardo Da Vinci a ser reconhecido ainda em vida pelo seu extraordinário talento. Foi-lhe ainda atribuída a distinção de impulsionador da aviação e da balística.

Considerado louco por uns, Leonardo Da Vinci é hoje considerado um dos maiores pintores de todos os tempos.

Nascido de uma relação fogosa entre uma camponesa e um notário, Da Vinci passou toda a sua adolescência rodeado de artistas que o influenciaram positivamente e lhe permitiram que permanentemente se sentisse insaciado pela experiencia de novas técnicas.

Bem cedo, Da Vinci dá mostras do seu potencial quando ajuda o seu mestre Verrocchio a pintar “O Batismo de Cristo”. Neste quadro, o jovem artista retrata um anjo que segura a túnica de Jesus de forma tão superior que o mestre terá decidido nunca mais pintar.

As técnicas trabalhadas e uma imaginação soberba levaram Leonardo Da Vinci a criar o quadro mais conhecido, copiado e mais valioso de todos os tempos – A Mona Lisa (Também conhecida como La Gioconda). Esta obra notável encontra-se protegida no Museu do Louvre em França e foi uma das obras retratadas no fantástico livro “O Código Da Vinci” de Dan Brown.

Neste quadro, o artista mostra-nos a sua técnica de sfumato (após a feitura da pintura a óleo, quando esta ainda se encontra fresca, a tela é pintada com verniz). Se estudarmos bem a pintura do quadro, não conseguimos reparar nas marcas do pincel.

Apesar de outras obras magníficas (“A Virgem dos Rochedos” e “A Última Ceia”), Mona Lisa retrata o perfeccionismo do artista. A apresentação de uma mulher da época, com um sorriso doce e sedutor, e com o carismático olhar que nos persegue.

Um artista com dotes inegáveis e inigualáveis que marcou a história do mundo.


Carla Horta

Título: A beleza de Da Vinci

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 4

662 

Imagem por: oddsock

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Daniela VicenteDaniela Vicente

    17-09-2012 às 21:25:28

    para quem não sabe Leonardo da Vinci foi pintor por acidente. a sua área sempre foi a construção de máquinas inovadoras. as áreas em que dedicou durante a sua vida são inúmeras e em todas foi excelente e deixou um óptimo referencial para os seus percursores. ninguém tem informações que chegue para afirmar que Leonardo da Vinci. muitas são as especulações que envolvem este mestre do Renascimento, mas não se iluda. parabéns pelo tema.

    ¬ Responder

Comentários - A beleza de Da Vinci

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: oddsock

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios