Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Telemóveis > Nova Revolução Digital, Que Bate À Porta Da Geladeira

Nova Revolução Digital, Que Bate À Porta Da Geladeira

Categoria: Telemóveis
Nova Revolução Digital, Que Bate À Porta Da Geladeira

O projeto do “Smarth House” , ou casa inteligente, que a Apple anunciará em conferência mundial, em San Francisco , é o mais recente indício do advento da NOVA REVOLUÇÃO DIGITAL, prevista por especialistas no assunto nos próximos dez anos.

Uma pesquisa realizada por uma empresa americana "Pew Research Center" com mais de 1.600 analistas, pessoas ligadas ao tema, descobriram que 83% acreditam que até 2025, a chamada a internet nas coisas, que visa conectar a vida cotidiana a um dispositivo eletrônico, terão seus efeitos disseminados no dia a dia das pessoas e que vão assim, sentir os seus feitos.

A expectativa é que isso seja normal no mundo de hoje, em uma década pelo qual ter uma embalagem de leite com chip, que lembra ao consumidor que a embalagem do leite já esta chegando ao fim, ou um sensor de pratilheira, que avisa ao vendedor do mercado vizinho que o seu leite esta acabando dentro da sua geladeira.

A mesma evolução poderia ser vista em sistema de monitoramento de sinais vitais de um paciente, ou em prédios e estradas para assim avisar que está para ser revisado ou esteja com algum problema, assim evitando um desmoronamento do prédio e estradas.

Uma proliferação continua até 2025 de sensores, dispositivos e artefatos interligados por internet, em um ambiente cheio de câmeras e sensores, disse umas das coordenadoras da Pew " Janna Anderson" professora.

O numero de aparelhos ligados na internet em 2013 foram mais de 13 bilhões, segundo Cisco System "a previsão é chegar em 2020 com mais de 50 bilhões de aparelhos. A Nova revolução digital já pode ser vista no Google Glass, e no relógio digital, segundo o professor da Universidade Santa Andrews, no Reino Unido, e o professor Per Ola Kristensson.

Alguns especialistas alertam que este avanço pode assim prejudicar a privacidade das pessoas já que tudo vai estar interligado na internet, será que o ambiente que vivemos vai ser respeitado por parte de outras pessoas?

O Brasil é visto como um país onde a tecnologia vai ser aplicada com sucesso.


Evandro da Silva

Título: Nova Revolução Digital, Que Bate À Porta Da Geladeira

Autor: Evandro da Silva (todos os textos)

Visitas: 0

592 

Comentários - Nova Revolução Digital, Que Bate À Porta Da Geladeira

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios