Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Água, Tempestade E Inundação

Água, Tempestade E Inundação

Categoria: Outros
Visitas: 4
Água, Tempestade E Inundação

É de um modo geral que as correntes de ar na atmosfera são muito persistentes. A qualquer momento elas tendem a se mover por todo o globo. Conseqüentemente, em certas localidades experimentam o mesmo tipo de condições ano e após ano. Com base em uma relação diária, o tempo não é tão irreversível. As correntes aéreas e a precipitação são afetadas por muitos fatores, principalmente pelas condições climáticas geográficas locais e das circunvizinhanças. O grande numero de fatores podem combinar com diversas maneiras, produzido por todo o tipo de tempo. Em determinadas ocasiões, esses fatores interagem de tal forma que um volume atípico de água em estado liquida pode se acumular em determinada área. Exemplo, as condições que causam a formação de uma tempestade. Caso a tempestade aproxime-se de uma região ou varias tempestades que se movam em uma área, que a terra recebera muito mais participação do que o de costume.

Uma vez que o curso das águas é formado de maneira muito lenta, e seu tamanho proporcionara o volume de água que normalmente de cumular naquela área. E quando ou ver um maior volume de água o curso normal transborda-se e as águas se espalham por toda a superfície terrestre. Em seu nível básico, a tempestade é um acumulo anômalo de água em uma área sobe a superfície terrestre. Em geral uma serie de tempestade que tem trazido volumes grandes de chuva é a causa mais comum das enchentes, mas existem muitos outros tipos de inundação com que a maioria das pessoas está familiarizada, isso ocorre quando uma grande quantidade de tempestade atinge uma área durante um período de tempo muito curto. Neste caso, os rios e as correntes que se deslocam a rumo das águas para o oceano que está sobrecarregado.

A variação de temperatura das estações ocasiona diferentes padrões climáticos. Já no inverno, por exemplo, o ar sobe os oceanos que poderá ser mais quente do que o ar sobre a superfície terrestre, trazendo assim o fluxo de corrente de ar que move a terra para os mares. Em contra partida, o verão e o ar sobre a superfície terrestre será aquecido, tornando se mais quente do que o ar sobre os oceanos. Isso faz com que a corrente de ar tenha o seu curso revertido. Assim, a água dos oceanos serão acumuladas e produzidas sobre a superfície terrestre. Este sistema de monções pode ocasionar um período de chuvas intensas que encontra se totalmente fora do recurso em relação ao clima durante o restante do ano. Em algumas áreas, essas inundações podem ser exarcebadas devido ao excesso de gelo das águas congeladas.

Waldiney Melo

Título: Água, Tempestade E Inundação

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 4

699 

Comentários - Água, Tempestade E Inundação

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Manutenção Automovel

Ler próximo texto...

Tema: Automóveis
Manutenção Automovel\"Rua
Faça você mesmo a revisão do seu automóvel e poupe dinheiro em oficinas. Primeiro verifique com a ajuda de outra pessoa a iluminação exterior. Uma pessoa fica no interior do carro e liga as luzes, verifique á frente os mínimos, os médios, os máximos e os piscas. Depois atrás verifique os mínimos os stop a marcha atrás e o farol de nevoeiro.

A seguir verifique a iluminação do interior do veículo e do painel de instrumentos e a afinação do travão de mão.

Agora está na hora de verificar os filtros de ar, gasóleo e habitáculo. Dependendo da utilização eles podem fazer em média 40.00km, se estiverem sujos substitua-os por novos.

A seguir vem a mudança do óleo este em geral pode-se retirar pelo bujão de vazamento do cárter, convém substituir a anilha e o filtro de óleo. O óleo novo deve respeitar as especificações do fabricante, verificar no livro de manual de utilizador do veículo os litros de óleo do motor. Meter o óleo novo pelo bucal superior do motor com a ajuda de um funil, o nível do óleo não pode ultrapassar o máximo. Se não sabe a quantidade de óleo deite 4 litros e depois verifique o nível pela vareta de verificação de nível e vá deitando até chegar ao nível certo.

Agora é preciso verificar as pastilhas de travões, hoje em dia como quase todos os veículos têm jantes especiais consegue verificar sem desmontar as rodas. Substituir se necessário as pastilhas, ao desmontar repare como desmonta para depois voltar a montar tudo de novo. Por fim verifique a pressão dos pneus com um manómetro, a pressão indicada varia de carro pra carro se não sabe a pressão indicada ponha 2.2bar que é em média a pressão que todos utilizam.

Convém dizer que qualquer material que precise basta procurar numa loja de peças auto próxima de si ou então encomendar via net pois existem vários sites especializados em peças e materiais de manutenção auto. Vai ver que não custa nada se eu aprendi você também pode aprender e além disso fica a conhecer melhor o seu carro.

Com isto tudo pode poupar em média 200€ por cada revisão.
Obrigado e até a próxima.

Outros textos do autor:
Manutenção Automovel

Pesquisar mais textos:

Vendas Online

Título:Manutenção Automovel

Autor:Vendas Online(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    17-06-2014 às 04:55:10

    Há inúmeros benefícios para fazer a manutenção do automóvel, pois isso garante melhor preservação do veículo e se prolonga o uso por muitos e muitos anos.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios