Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > O mês de Junho

O mês de Junho

Categoria: Outros
Visitas: 2
Comentários: 4
O mês de Junho

O mês de Junior é a época da colheita do milho, por isso a maioria dos pratos juninos leva praticamente este ingrediente. Falamos agora um pouco sobre as tradições juninas:

Santo Antônio 13 de Junho um dos santos mais comemorados durante a festa junina, com certeza o que mais possui devotos. O santo é representado carregando o menino Jesus em seus braços e ficou conhecido como o santo casamenteiro, sempre o mais invocado pelas moças solteiras em busca de um amor. Um costume muito praticado pela igreja e pelos fieis é no dia 13 de Junho distribuir aos pobres e afortunados os famosos pãezinhos de Santo Antônio, que deve ser guardado no pote de mantimentos, para garantir que não faltará comida durante todo o ano.

São João 24 de Junho é o Santo responsável pelo título de Santo festeiro por isso em seu dia as festas têm muita dança. São João é conhecido como protetor dos casados e enfermos, principalmente aos que sofrem de dores de cabeça e garganta.

São Pedro 29 de Junho o guardião das portas do céu é também considerado o protetor das viúvas e dos pescadores. No dia de São Pedro, todo homem que tiver o nome Pedro ou Pedro ligado ao seu nome deve acender uma fogueira na porta de casa.

Simpatias: nos dias 13, 24, e 29, datas em que se comemoram os dias de Santo Antônio, São João e São Pedro, respectivamente, é tradicional se fazer simpatia. Arranjar namorado: planta-se um dente de alho com o nome do pretendente, escrito em um papel. Na manhã seguinte, se estiver brotado, significa que haverá casamento. Prato com água: escreva o nome dos pretendentes em papéis branco. Pegue os papeis e torça-os bem forte. Coloque um prato com água e jogue os papeis dentro. No dia seguinte, o papel que amanhecer aberto tem o nome daquele que será o seu esposo. Fita branca: pegue uma fita branca e uma vermelha e amarre em Santo Antônio. Enquanto faz os nós faça o pedido. Reze um pai nosso e coloque o Santo de cabeça para baixo pendurado sob a cama. Só retire o Santo quando alcança a graça. No dia de São Pedro, junte um pouco de comida do almoço e do jantar de tudo que você tiver comido. Antes de dormir prepare a mesa com uma toalha branca, o prato com a comida e os talheres e vá dormir. Em sonhos você conhecerá seu pretendente.

Brincadeiras: as brincadeiras são a parte mais divertida da festa junina. Correio elegante, e jogo de argola, pescaria, tiro ao alvo. Musicas mais utilizar para dançar em festa junina são o forró, xote, baião.

Quadrilha: é originalmente francesa, a quadrilha se tornou uma dança tradicional da festa junina, com ritmo sempre alegre e movimentado. Cada região possui seu próprio tipo de quadrilha, mas a forma mais praticada no Brasil é a quadrilha caipira, na qual os participantes se caracterizam como caipiras, os movimentos marcados por um mestre-de-cerimônias e que termina com um a cerimônia de casamento com direitos a noivos, padres e convidados.



Waldiney Melo

Título: O mês de Junho

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 2

673 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • Kizua UriasKizua

    27-07-2014 às 21:57:52

    Bem interessante essas informações acerca do mês de junho. Não sabia que era a época do milho. Que brutal!!!!

    ¬ Responder
  • Carla HortaCarla Horta

    16-09-2012 às 23:07:07

    em Portugal em Junho ocorrem as festas dos Santos Populares. Nestas festas tão conhecidas e apaixonantes, vivem-se todos os anos muitas tradições. Comem-se sardinhas assadas, caldo verde, compram-se manjericos e saltam-se fogueiras. São festas típicas e únicas onde se dançam em arraiais com musicas tradicionais e ao vivo.

    ¬ Responder
  • nayaranayara

    07-07-2009 às 01:23:54

    quais são os nomes das danças de festa junina

    ¬ Responder
  • suellensuellen

    02-07-2009 às 00:02:57

    Muito obrigado pelo respeito de vocês; Eu quero sabe tudo sobre festa junina

    ¬ Responder

Comentários - O mês de Junho

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios