Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Ame Seu Trabalho

Ame Seu Trabalho

Categoria: Outros
Visitas: 6
Ame Seu Trabalho

Muitas pessoas ou quase todas, reclama de seu emprego, ou será que odeia o trabalho? Ou será que é um circulo vicioso? Um profissional desmotivado não tem o mesmo pique ou interesse, e isso faz com que não produz bem, e o resultado é não receber promoções. E com isso fica mais insatisfeito. Mas qualquer um de nós pode cortar essa cadeia e dar fim a esta síndrome. Sempre no domingo, as pessoas ficam imaginando no dia seguinte é segunda feira e começa a ficar de mau humor, em pensar que tudo volta na segunda feira, terça, quarta e por ai vai.

O primeiro passo é você fazer um mapeamento detalhado de tudo que não te agrada, e o que te deixa descontente, faça uma autocrítica bem sincera e bem criteriosa, anotando tudo o que te deixa mais infeliz no seu trabalho. Veja se detectando o problema, você pode, no entanto tomar atitudes e resolver o problema, no entanto, depois de algumas tentativas, você não obtiver o resultado, então se mexa com calma, sem se deixar levar pela emoção, procure outro trabalho. Saiba esta sempre feliz com seu trabalho, e nunca deixe ele se tornar um pesadelo.

Mas se de repente você gostava de seu trabalho e ele se tornou um pesadelo, o que mudou? Avalie todos os prós e contras do seu trabalho, faça uma lista, do que gosta e do que não gosta, e quais as tarefas mais chatas? Procure valorizar sempre os bons momentos. Veja os períodos de prazer que teve durante o dia e lembre-se deles quando começar a ficar desmotivada. Com a lista na mão procure solucionar ou minimizar os pontos negativos.

Se você tem dezenas e dezenas de tarefas pela frente, encontre soluções e veja como pode organizar melhor o seu tempo, e tente dar conta de todas para não acumular no dia seguinte.

Caso não consiga achar alternativa, converse com suas colegas e peça ajuda. Saiba que se existe alguns afazeres que lhe aborrece e se existe chance de você se livrar dele sem prejudicar os outros, é hora de você agendar uma conversa com seu superior, e cogite a possibilidade de redistribuí-los. Se for salário baixo, negocie um aumento, mas só se realmente você merece. É bom sempre tirar as pendências de sua frente, programe-se para por fim em projetos que não foram pra frente. Procure concluir de uma vez por todas para poder abraçar outros. Estabeleça metas com novas perspectivas e desafios em vista, e com isso fica mais fácil manter-se animada no trabalho.



Waldiney Melo

Título: Ame Seu Trabalho

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 6

773 

Comentários - Ame Seu Trabalho

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios