Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Literatura > Odeio-te

Odeio-te

Categoria: Literatura
Comentários: 1
Odeio-te

odeio-te , odeio-te pelo aquilo que és, pela maneira como me fazes sentir quanto estou ao pé de ti mas sobretudo pela maneira como me fazes sentir quando não estou, odeio os dias que passas por mim e não dizes nada, odeio olhar para ti e não te ver olhar para mim, odeio falar contigo e falares comigo mas não para mim.

Odeio os teus olhos e o quanto lindos são e acima de tudo odeio a tua estúpida franja, essa franja que não cabe na cabeça a ninguem e que só a ti te fica tão bem, odeio-a pelo aspecto que de dá, sim esse aspecto querido e fofo, há e quase me esquecia, odeio a tua voz, cada vez que a ouço e não a espero ela faz com que o meu coração bata mais depressa como se derrepente se tivesse perdido e não soubesse o caminho de volta.

Esta é uma pequena lista das coisas que me fazem odiar-te mas creio que a mais vital e que mais me irrita e inquieta a alma é o quando gosto de ti, o quanto te amo e adoro e o facto de não saber porquê, o facto de desde a primeira vez que te vi não saber viver sem ti no pensamento, e principalmente a consciência de não fazer parte do teu, essa sim é a verdadeira dor que sinto e não pode ser partilhada, a dor que me faz odiar-te como nunca odiei nem odiarei ninguém, não porque não o mereçam mas porque nunca me incomodarão como a tua inocência e ignorância o fazem.

P.S. Odeio-te por tanto te odiar, por tanto o querer fazer e não o conseguir, por tentar e tentar apagar-te da cabeça com pensamentos de ódio e só ouvir a tua gargalhada e vêr o teu sorriso belo, jovem, feliz e livre como tu, mas creio que o que mais odeio é este ser, este que escreve os seus pensamentos mas que no fim não os consegue juntar, nem a eles nem à coragem para se dirigir a ti dizer aquilo que sente, para gritar e aclamar ao mundo o quanto te odeia, ou venera e acima de tudo odeio-o por cada vez que abre a boca as palavras nao surgirem ou surgirem erradas ou desfalcadas fazendo-me parecer que no fim de cada frase ficam em falta as palavras: "Eu amo-te".

Este é só um pequeno texto que me saiu no momento não foi feito com o pensamento em profits nem nada do género, só foi feito com intenção de ser partilhado e receber feedback.


Luís Miguel

Título: Odeio-te

Autor: Luís Miguel (todos os textos)

Visitas: 0

601 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • patricia Santos

    02-05-2014 às 18:30:29

    MAS É ASSIM QUE COMEÇA AMIGO,QUANDO COMEÇAMOS A NOS EXPRESSAR NÃO PARAMOS MAIS..
    EU ME DESCOBRI ESCRITORA ASSIM,ATÉ UMA AMIGA ME DIZER..ESCREVE QUE PASSA..
    e PASSOU..BOA SORTE

    ¬ Responder

Comentários - Odeio-te

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Estratégia do arco-íris

Ler próximo texto...

Tema: Serviços
Estratégia do arco-íris\"Rua
Pessoas comuns estão a descobrir novas estratégias que supostamente fazem dinheiro rápido. Mas, a verdade da questão é que, isso é quase impossível. Ao longo de sua jornada de negociação, vai experimentar algumas vitórias e derrotas. Então, vejamos uma das estratégias que irá produzir mais vitórias do que derrotas: a estratégia do arco-íris. Esta é uma estratégia muito poderosa que qualquer um pode utilizar, especialmente novatos lá fora. Se é novo no comércio de opções binárias e gostaria de ganhar dinheiro online, esta é a estratégia ideal para si.

A estratégia do arco-íris envolve um período de 6, 14 e 26 períodos, períodos de média móvel exponencial. Estes permitem filtrar os movimentos menores no mercado e dar-lhe uma visão clara da tendência.

O mercado está numa tendência alta quando o período de 6 EMA está no topo dos 14 períodos EMA e dos 26 períodos EMA. A tendência baixa ocorre quando as EMA cruzam-se. Agora, os 26 períodos EMA devem estar no topo da EMA de 14 períodos. Em tendências altas, os comerciantes devem concentrar-se principalmente em opções de compra.

Uma opção de compra pode ser acionada quando o preço para baixo remonta à EMA 14 e começa a mover-se para cima. Uma opção de venda pode ser acionada quando o preço refaz para cima, e os períodos EMA 14 começam a mover-se para baixo.

As vantagens desta estratégia é que muitos dos sinais são precisos e não requerem muita análise para fazer um bom negócio. Com a gestão de risco adequada, pode fazer desta a sua principal estratégia. Mas, antes de tomar essa decisão, saiba que existem algumas desvantagens. O preço às vezes pode ir além dos 14 períodos de EMA. Alguns comerciantes podem não saber como reagir a isso.

Além disso, mesmo se os mercados são tendências, ainda existe a possibilidade de dar sinais falsos, mas com a gestão de riscos aplicadas, esses sinais falsos não causam muito dano. Combinar esta estratégia com coisas como Fibonacci, linhas de tendência ou médias móveis podem ajudar a reduzir as chances de perdas.

Em geral, a estratégia do arco-íris é um grande indicador. Ele faz maravilhas nos mercados de tendências e é muito fácil de usar para os comerciantes de todos os níveis. No fim de contas, é apenas uma questão de fazer uma boa gestão de risco. É uma ótima estratégia para iniciantes começarem a usar e obterem vitórias, experiência e bastante dinheiro.

Pesquisar mais textos:

Jerónimo Diogo Magalhães

Título:Estratégia do arco-íris

Autor:Jerónimo Diogo Magalhães(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios