Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Energias Renováveis > Energia Solar Termodinâmica ENERGIE

Energia Solar Termodinâmica ENERGIE

Visitas: 6

Perguntas mais frequentes.

O sistema pode fazer o aquecimento central de uma casa?
Sim, é uma das principais aplicações do sistema.

Os painéis podem ser colocados em qualquer direcção?
De preferência devem ser orientados a Sul.

Que é AQS?
AQS significa Águas quentes sanitárias (água dos banhos, cozinha..).

Quanto pesa cada painel?
Aproximadamente 8 kg.

Quantos painéis são necessários para AQS para uma família de 4 pessoas?
Para uma família de 4 pessoas, o sistema normal utilizado será o ECO 300 (300lts), podendo ser de 1 ou 2 painéis, dependendo do tempo que se pretende fazer a reposição de água quente.

Que temperaturas se consegue alcançar para os banhos?
Aproximadamente 50 ºC (temperatura permitida por lei).

Pode ser adaptado a qualquer tipo de aquecimento central (radiadores, pavimento radiante,...)?
Sim. Preferencialmente pavimento radiante, radiadores, convectores, ventiloconvectores.

Nos dias sem sol consigo ter agua quente?
Sim, como o fluido passa a baixas temperaturas no interior do painel consegue receber energia, mesmo em dias sem sol e à noite, e transmitir essa mesmas energia à água.

Necessito de ter uma instalação hidráulica especial?
Não. A sua tubagem actual de distribuição é compatível.

Os painéis tem que ser instalados no telhado?
Não só. Podem também ser instalados num terraço, varanda, solo, etc.

Qual o refrigerante usado?
Nos sistemas de AQS é usado o R134a, nos sistemas de Aquecimento Central e Piscinas é usado o R407c. ou outros ecológicos.

Em caso de fuga, o gás pode ser perigoso?
Não. São gases ecológicos e não tóxicos.

É necessário efectuar cargas temporárias do refrigerante?
Não.

Só há termoacumuladores até 500 lts?
Existem os sistemas de AQS Domésticos (até 500lts), e existem também os sistemas de AQS Industriais (depósitos até 6000lts)

O sistema AQS requer muitos cuidados de manutenção?
Não, simplesmente verificar uma vez por ano o ânodo de Magnésio (elemento de protecção do depósito Aço-Inox), e trocá-lo se for o caso.

A que distância deve estar o painel do depósito?
Não deverá ultrapassar os 15 mts de altura e/ou os 30 metros de distancia.

Qual o consumo de energia?
Depende do sistema em questão, mas são sistemas de pouco consumo quando comparados com a potência térmica fornecida. Ex.: O ECO 300I consome 390 W, numa situação extrema em que o compressor trabalhe 1 hora sem parar consumirá (0,039 Euros/h), com um contador bi-horário obtêm-se uma redução de 41% nos consumos.

Quanto tempo os painéis resistem à corrosão?
Os painéis são de alumínio anodizado, ou seja, não tem qualquer problema de corrosão.

Os painéis podem ser pintados?
Sim.

Como se fixam os painéis?
Deveram ser fixos pelos seis furos que possui para o efeito.

Pode ser utilizado para aquecer a água da piscina?
Sim. Sendo uma situação na qual se obtém um amortização bastante rápida do investimento.

Tem Garantia?
Sim. Os painéis 5 anos e o bloco 2 anos.



M.L.E.- Soluções de Climatização

Título: Energia Solar Termodinâmica ENERGIE

Autor: M.L.E.- Soluções Climatização (todos os textos)

Visitas: 6

788 

Comentários - Energia Solar Termodinâmica ENERGIE

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal

Ler próximo texto...

Tema: Literatura
Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal\"Rua
Gertrude Stein foi uma escritora de peças de teatro, de peças de opera, de ficção, de biografia e de poesia, nascida nos Estados Unidos da América, e escreveu a Autobiografia de Alice B. Toklas, vestindo a pele, e ouvindo pela viva voz da sua companheira de 25 anos de vida, os relatos da historia de ambas, numa escrita acessível, apresentando situações caricatas ou indiscretas de grandes vultos da arte e da escrita da sua época. Alice B. Toklas foi também escritora, apesar de ter vivido sempre um pouco na sombra de Stein. Apesar de ambas terem crescido na Califórnia, apenas se conheceram em Paris, em 1907.


Naquela altura, Gertrude vivia há quatro anos com o seu irmão, o artista Leo Stein, no numero 27 da rue de Fleurus, num apartamento que se tinha transformado num salão de arte, recebendo exposições de arte moderna, e divulgando artistas que viriam a tornar-se muito famosos. Nestes anos iniciais em Paris, Stein estava a escrever o seu mais importante trabalho de início de carreira, Three Lives (1905).


Quando Gertrude e Alice se conheceram, a sua conexão foi imediata, e rapidamente Alice foi viver com Gertrude, tornando-se sua parceira de escrita e de vida. A casa, como se referiu atrás, tornou-se um local de reunião para escritores e artistas da vanguarda da época. Stein ajudou a lançar as carreiras de Matisse, e Picasso, entre outros, e passou a ser uma espécie de teórica de arte, aquela que descrevia os trabalhos destes artistas. No entanto, a maior parte das críticas que Stein recebia, acusavam-na de utilizar uma escrita demasiado densa e difícil, pelo que apenas em 1933, com a publicação da Autobiografia de Alice B. Toklas, é que o trabalho de Gertrude Stein se tornou de facto reconhecido e elogiado.


Alice foi o apoio de Gertrude, foi a dona de casa, a cozinheira, grande cozinheira aliás, vindo mais tarde a publicar algumas das suas receitas, e aquela que redigia e corrigia o que Gertrude lhe ditava. Assim, Toklas fundou uma pequena editora, a Plain Editions, onde publicava o trabalho de Gertrude. Aliás, é reconhecido nesta Autobiografia, que o papel de Gertrude, no casal, era o de marido, escrevendo e discutindo arte com os homens, enquanto Alice se ocupava da casa e da cozinha, e de conversar sobre chapéus e roupas com as mulheres dos artistas que visitavam a casa. Depois da morte de Gertrude, Alice continuou a promover o trabalho da sua companheira, bem como alguns trabalhos seus, de culinária, e um de memórias da vida que ambas partilharam.


Assim, este livro que inspirou o filme “Meia noite em Paris”, de Woody Allen, é um livro a não perder, já nas livrarias em Portugal, pela editora Ponto de Fuga.

Pesquisar mais textos:

Liliana Félix Leite

Título:Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal

Autor:Liliana Félix Leite(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios