Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Arte > Arte Barroca: a vida retorcida e rebuscada

Arte Barroca: a vida retorcida e rebuscada

Categoria: Arte
Visitas: 160
Comentários: 3
Arte Barroca: a vida retorcida e rebuscada

Barroco significa pérola imperfeita. Esse nome está intimamente ligado as raízes barrocas da incerteza e da dúvida vividos no contexto em que essa arte surgiu. O barroco teve início no período histórico da Contra-reforma católica. Esteve presente de meados do século XVI ao século XVIII, cedendo lugar ao neoclassicismo. A arte barroca tomou espaço com a evolução da reforma católica, pois sua fonte inspiradora era a passionalidade dessa empreitada da igreja. A Reforma Católica tinha a missão de reestruturar a igreja, a fim de que novamente ocupasse um lugar de destaque, assim como de suspender o avanço protestante.

O barroco é uma arte dramática, de expressão de sentimentos que objetiva envolver emocionalmente as pessoas. Teve início na Itália e logo se expandiu para outros países da Europa, chegando a América. A religiosidade é bastante significativa. Os temas das obras barrocas, além da religião, eram a mitologia e o direito divino dos reis, teoria que acreditava no reinado do monarca pela escolha de Deus, poder vindo Dele, e não dos súditos. Nessa arte observa-se muito a ambiguidade e a dualidade de tudo. Céu e inferno, perdão e pecado, religião e ciências, entre outras duplicidades de sentidos.

A arte barroca envolveu a literatura, a escultura, a música, a arquitetura e a pintura. Nesta arte encontra-se presente a dúvida, visto que estava inserida em um contexto de retomada das crenças católicas, mas diante de avanços científicos bastante significativos. Avanços estes que deixavam o homem desse período histórico convivendo entre dois mundos, sem mais a certeza de que tudo era vindo de Deus e com a consciência de seu valor. A arte era rebuscada e de forte emoção.

Na pintura barroca as características mais marcantes são o uso de pinturas tridimensionais e a técnica do efeito da ilusão, em que pintor expõe a cena de forma tão real, dando a ilusão de que o real é a pintura, assim como o jogo de luz e sombra. Na literatura as marcas barrocas nas produções são o uso de figuras de linguagem como antítese, metáfora e hipérbole que dão o exagero, a religiosidade e a dualidade característicos dessa arte.

Em relação à música barroca, há controvérsias no sentido de sua duração. Pelos estudos acadêmicos ela teve maior duração do que o período denominado barroco. A música intitulada barroca tem como características a ornamentação musical, mudanças na notação musical e desenvolvimento de novas técnicas musicais.

Já a escultura barroca é muito valorizada pela dramaticidade apresentada pelas obras, compostas de rostos retorcidos, de luz e de exuberância na forma. A religiosidade e a dualidade, características fortes barrocas, também são destaques nas esculturas desse período. A arquitetura barroca é sinônimo de liberdade e de libertação em relação ao estilo simétrico formal. Ocorreu nos países cristãos da Europa e expandiu-se pelo mundo. Apresenta as características do exagero nas formas monumentais, da religiosidade, da exuberância e de grande ornamentação.O período barroco constituiu-se numa época em que o exagero, a busca pela perfeição da forma, os contrastes e a religiosidade imperaram no estilo de vida e arte do homem.


Rosana Fernandes

Título: Arte Barroca: a vida retorcida e rebuscada

Autor: Rosana Fernandes (todos os textos)

Visitas: 160

773 

Imagem por: Martin Beek

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    09-09-2012 às 12:44:52

    O seu texto está muito bonito e apelativo. Este tema é muito directo, mesmo para quem não percebe de arte, contudo precisa ser abordado. Eu gosto muito do Barroco, embora esteja muito ligada à Igreja. Em relação à pintura, concordo com tudo o que você diz. A música é uma total novidade para mim. Desconhecia completamente o sentido da música barroca. Contudo, é muito óbvia, pois a pintura também é assim, ornamental. Parabéns pelo texto.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãosofia

    09-03-2011 às 18:49:47

    por favor, diga-me o nome do quadro e o seu autor, eu preciso dessa informação para um trabalho... Brigada :D

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãosofia

    24-02-2011 às 21:13:26

    gostei muito , está bonito, mas podia-me diser, se faz favor, qual o nome do quadro e autor do quadro barroco demonstrado em cima?? :) obrigado

    ¬ Responder

Comentários - Arte Barroca: a vida retorcida e rebuscada

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Receptores digitais

Ler próximo texto...

Tema: TV HIFI
Receptores digitais\"Rua
Os receptores digitais são instrumentos que têm a função de receber sinal por via de canais digitais.

De acordo com a sua função, estes canais poderão ser satélite ou por cabo. Actualmente, já existem bastantes serviços de televisão por cabo que funcionam apenas com estes receptores, uma vez que é através deles que se consegue ter acesso não só aos canais de serviço, mas também a pacotes codificados.

O serviço de recepção de canais por satélite é um sistema independente para o qual é necessário ter um disco receptor satélite de modo a poder ter canais digitais fora dos serviços prestados pelos operadores de televisão digital.

Este instrumento permite que os próprios ecrãs sem tecnologia digital passem a usufruir desta através destes receptores. No entanto, a melhor qualidade só é garantida com um ecrã já com esta tecnologia.

Os receptores digitais permitem também aceder a uma multiplicidade de serviços, desde que devidamente configurados. Por exemplo, com estes receptores, é possível aceder a menus específicos de pausa de emissão para depois ser continuada, de serviços on-demand ou acesso a portais específicos, entre outros.

Esta pequena caixinha permite ao seu utilizador usufruir da televisão a um novo nível, de modo a que possa ter todas as comodidades no conforto do lar. 

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Receptores digitais

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: Martin Beek

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    04-06-2014 às 06:53:28

    Gostei dos receptores digitais. Bom texto abordando isso.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios