Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alimentação > Aposte nos alimentos saudáveis mais em conta!

Aposte nos alimentos saudáveis mais em conta!

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Alimentação
Visitas: 8
Comentários: 4
Aposte nos alimentos saudáveis mais em conta!

A maioria das pessoas vê a conjugação do bom e do barato como uma missão impossível. A verdade é que isto nem sempre corresponde à materialização de uma realidade. No que se refere à alimentação, é completamente falso. Efetuando as escolhas certas, chega-se a uma lista de alimentos imprescindíveis a uma nutrição saudável que têm preços assaz acessíveis.

A aveia, por exemplo, é um dos alimentos mais baratos do mercado e pode ser utilizada nos pequenos-almoços, com fruta ou leite. É rica em fibras e em hidratos de carbono e constituiu um valioso auxiliar na redução do colesterol.

Relativamente aos ovos, passíveis de ser consumidos de variadíssimas maneiras, compra-se meia dúzia por menos de um euro. Todavia, é aconselhável não exagerar, por causa do colesterol.

As batatas, que admitem ser confecionadas de dezenas de formas distintas, são também um alimento muito barato e integram a base de uma alimentação saudável.

As sardinhas, de baixo custo quando não é época alta, detêm cálcio, magnésio, ferro, zinco e vitamina B. Combinam muito bem com batatas ou saladas.

Os espinafres são uma das melhores verduras do mercado, pois representam um manancial de vitamina C, ferro e minerais. Em acréscimo, existem durante todo o ano.

A abóbora, cujas sementes se afiguram como autênticas minas de magnésio, proteínas e minerais, pode ser consumida em saladas, sopas ou doces.

Não obstante o aumento verificado no preço do leite nos últimos anos, ele continua a ser um alimento económico e básico em qualquer dieta alimentar que vise a saúde. Isto aplica-se, de igual modo, aos derivados do leite, como o iogurte (que habitualmente é mais em conta em doses individuais), ricos em vitaminas A e D, potássio e cálcio.

As maçãs são dos frutos mais baratos, fáceis de adquirir e simples de transportar e ingerir onde quer que seja. Apresentam quantidades consideráveis de fibras e vitamina C. Não será por acaso que surgiu o ditado: «One apple a day keeps the doctor away», que é como quem diz: «Uma maçã por dia mantém o médico à distância.»

Paralelamente, o aproveitamento de sobras dá para reinventar refeições e, ao mesmo tempo que não se estraga comida, vela-se pelo equilíbrio alimentar. Pratos como arroz ou massada de carne e peixe, feijoadas e jardineiras têm um rendimento muito superior do que um bife ou um peixe à posta. Adicionalmente, a quantidade de gordura empregue na sua confeção é bastante mais diminuta. As sobras de carne, peixe e hortaliças prestam-se a fazer fantásticos empadões, recheios de tartes ou sopas. O pão duro pode transformar-se numa saborosa torrada e um resto de arroz branco, ao qual de adicione leite, casca de limão, adoçante e canela, converter-se num delicioso arroz-doce. Bom apetite!


Maria Bijóias

Título: Aposte nos alimentos saudáveis mais em conta!

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 8

775 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • SophiaSophia

    15-06-2014 às 18:19:41

    Isso vai depender da região que a pessoa está vivendo. As frutas, por exemplo, são mais baratas no sul do Brasil, já no norte são muito caras. O melhor é balancear mesmo os alimentos, sempre que possível.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • Daniela VicenteDaniela Vicente

    16-09-2012 às 19:04:03

    sabe a validade dos seus alimentos: uma caixa de cereais aberta tem uma validade de 60 dias. a única desvantagem é que ficam moles. pode colocar no forno se não gostar deles moles. a maionese tem uma validade de 60 dias. deduzimos que não dura muito tempo, mas no frigorífico aguenta-se. se cheirar mal é um sinal que está estragado. uma boa dica é colocar a data na embalagem de quando abriu.

    ¬ Responder
  • Daniela VicenteDaniela Vicente

    16-09-2012 às 19:02:38

    sabe a validade dos seus alimentos: uma caixa de cereais aberta tem uma validade de 60 dias. a única desvantagem é que ficam moles. pode colocar no forno se não gostar deles moles. a maionese tem uma validade de 60 dias. deduzimos que não dura muito tempo, mas no frigorífico aguenta-se. se cheirar mal é um sinal que está estragado. uma boa dica é colocar a data na embalagem de quando abriu.

    ¬ Responder
  • ronilsonronilson

    05-08-2011 às 20:37:44

    gostei

    ¬ Responder

Comentários - Aposte nos alimentos saudáveis mais em conta!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios