Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Qual a função da nossa pele?

Qual a função da nossa pele?

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 6
Qual a função da nossa pele?

A pele é um órgão de revestimeno complexo, cuja epiderme assenta sobre um tecido de base, chamada derme, que por sua vez assenta sobre a camada do tecido adiposo subcutâneo, por outro lado. a derme contém os pêlos, glândulas sebáceas e glândulas sudoríperas.

Este tecido é irrigado por uma rede vascular, que fornece à pele, o oxigénio, através das artérias. Este é necessário como combustível para a elaboração das diferentes produções cutâneas e também drena ( através do sistema venoso) os produtos residuais, eliminados no decurso do metabolismo.

A derme é servida por uma rede nervosa constituída por corpúsculos, que informam o cérebro sobre as condições do meio exterior e suas variações(temperatura, dor), ou seja é a nossa sensibilidade do tacto, por sua vez, o cérebro ao ser informado, dita através do envio de fluxos nervosos, a conduta a adoptar face a uma sensação dolorosa ou agradável.




A pele é em suma a protecção adequada às agressões, protege, através da camada córnea superficial, amortece os choques e interpôem-se entre a a pele e os músculos dos ossos, além destas funções, protege da luz solar, elaborando uma pigmentação própria de cada raça humana,para poteger do ambiente.

A sudação é assegurada por glândulas que protegem contra o calor.

A circulação cutânea desempanha um papel importante na regulamentação térmica, traduzindo o estado do organismo, como palidez, vermelhidão febril ou de reacção a uma agrssão química, física ou infecciosa.

Ela reflecte ainda o estado do organismo, e pode manifesar-se sob a forma de icterícia, prurido,, erupções cutânes, alopécias (queda do cabelo(,estrias, herpes, hiperpigmentação,albinismo ou manchas de gravidez,por outro lado a pigmentação da pele é determinada pela melanima, pigmento que é distribuído pelas células de revestimento cutâneo.

O bronzeamento tem a ver com este pigmento que protege as camadas profundas da epiderme dos raios ultraviloleta da luz solar.

O albinismo é uma ausência de pigmentação, e constitui uma doença rara.
O vitigilo são manchas despigmentadas de tamanho variável que podem aparece em qualquer raça humana.

Para além destes estados na pele, pode ainda ser frequente as sardas nos loiros e ruivos, acentuadas no verão, as manchas do dorso nas mãos (depois dos cinquenta anos) ou as alergias provocadas por perfumes ou medicamentos. Estas provocadas naturalmente por reacções alérgicas e que reflectem o estado do organismo.


Teresa Maria Batista Gil

Título: Qual a função da nossa pele?

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 6

789 

Comentários - Qual a função da nossa pele?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Receptores digitais

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: TV HIFI
Receptores digitais\"Rua
Os receptores digitais são instrumentos que têm a função de receber sinal por via de canais digitais.

De acordo com a sua função, estes canais poderão ser satélite ou por cabo. Actualmente, já existem bastantes serviços de televisão por cabo que funcionam apenas com estes receptores, uma vez que é através deles que se consegue ter acesso não só aos canais de serviço, mas também a pacotes codificados.

O serviço de recepção de canais por satélite é um sistema independente para o qual é necessário ter um disco receptor satélite de modo a poder ter canais digitais fora dos serviços prestados pelos operadores de televisão digital.

Este instrumento permite que os próprios ecrãs sem tecnologia digital passem a usufruir desta através destes receptores. No entanto, a melhor qualidade só é garantida com um ecrã já com esta tecnologia.

Os receptores digitais permitem também aceder a uma multiplicidade de serviços, desde que devidamente configurados. Por exemplo, com estes receptores, é possível aceder a menus específicos de pausa de emissão para depois ser continuada, de serviços on-demand ou acesso a portais específicos, entre outros.

Esta pequena caixinha permite ao seu utilizador usufruir da televisão a um novo nível, de modo a que possa ter todas as comodidades no conforto do lar. 

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Receptores digitais

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    04-06-2014 às 06:53:28

    Gostei dos receptores digitais. Bom texto abordando isso.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios