Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Os segredos de um bom aluno

Os segredos de um bom aluno

Categoria: Outros
Visitas: 22
Comentários: 3
Os segredos de um bom aluno

Não há dúvida que, sobretudo após as férias, é difícil dar o arranque nos estudos. Depois, vêm aquelas perguntas do costume: «Estudar o quê? Para quê? Porquê?» Além do mais, a televisão e os jogos são bem mais apelativos… «Existe alguma receita mágica de combate à preguiça?» «Como é que se estuda? Por onde começar?»

Há alunos que vão para as aulas de mãos e cérebro a abanar… literalmente. Uma vez lá, põem-se a olhar para a morte da bezerra, entretêm-se com os próprios pensamentos e até uma mosca é suficiente para lhes desviar a atenção do que se vai passando dentro da sala. Tudo o que seja esforçar-se, fazer o que custa (estar concentrado, escrever apontamentos ou seguir as leituras pelo livro da disciplina) é sinónimo de juntar o inútil ao desagradável.

A questão é que, à semelhança do que ocorre com a nutrição, em que o que comemos hoje tem consequências no nosso corpo de amanhã, a alimentação da inteligência também precisa de ser cuidada. Até para não acontecer que nas vésperas dos testes se fique vermelho a tender para o roxo e se façam maratonas de pseudo-estudo, numa espécie de “dietas de engorda intelectual”. Se não se forem lavando os dentes sempre que se come, não vale a pena engolir à pressão uma pasta dentífrica inteira para remover as cáries, porque não resulta. Para compreender as matérias e saber responder às perguntas dos livros e dos testes, é necessário estudar mais espaçadamente ao longo do tempo. Se entre o comer e o assimilar da comida decorre um tempinho, entre aprender e compreender os conteúdos programáticos é o mesmo…

Antes de começar a estudar, organiza-se o material: cadernos, livros de texto, dicionários, etcétera. Olha-se para o horário e planifica-se a ordem de trabalhos. Pode encetar-se a tarefa pela leitura das aulas desse dia ou preparar as da jornada seguinte. Não tendo Internet em casa, os intervalos ou horas vagas podem aplicar-se, por exemplo, em pesquisas.

Tentar descobrir as ideias principais e sublinhá-las pode ajudar bastante. Elaborar esquemas de ligação entre elas e verificar se se está apto a responder às perguntas do fim do capítulo também. Modificar títulos ou subtítulos para melhor os memorizar é outra dica. Em acréscimo, definir metas e dar-se uma recompensa sempre que se atingem, como ouvir música, jogar no computador ou comer um chocolate.

Há quem dê aulas aos jogadores de futebol predilectos, alinhados através de cromos, e só termine quando gosta das repostas que lhes transmite. Os TPC são uma boa maneira de praticar exercícios e verificar potenciais lacunas (e não uma fórmula malévola dos professores para massacrar os alunos…). Resolver testes de anos anteriores e tirar dúvidas com colegas e professores constituem, igualmente, boas estratégias.

Em suma, trata-se de estudar o estudar, sendo que primeiro há que perceber e só depois memorizar. O mais importante é, de facto, compreender o mundo para o tornar melhor.



Maria Bijóias

Título: Os segredos de um bom aluno

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 22

797 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    17-08-2014 às 23:26:04

    O bom aluno estuda em casa, revisa e faz exercícios. Não porque é cobrado, mas ele vai muito além. Uma técnica que utilizo muito e tem dado certo é anotar tudo que achar interessante. É sensacional, pois realmente fica gravado na mente.

    ¬ Responder
  • Sofia NunesSofia Nunes

    16-09-2012 às 16:32:11

    Ser bom aluno requer esforço e autodisciplina, ainda que pareça que algumas pessoas têm uma certa predisposição nesse sentido. Sou aluna há muitos anos, e sei como ser bom aluno é um estatuto que se conquista, tornando-se muito recompensador ver o nosso trabalho apreciado por professores e colegas. O seu texto está muito completo e decerto que as dicas ajudarão muitos jovens que não sabem quais os passos a seguir para alcançar a excelência académica.

    ¬ Responder
  • Só Você Parts InformáticaAndressa.

    22-09-2010 às 23:36:27

    Boa Noite!

    Olha! Gostei muuuuito do texto
    acredito que vai me ajudar bastante!
    Continue assim ajudando as pessoas
    eu agradeço muito [:)]
    Muitos Beijos

    ¬ Responder

Comentários - Os segredos de um bom aluno

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dica caseira para remover manchas no rosto facilmente

Ler próximo texto...

Tema: Beleza
Dica caseira para remover manchas no rosto facilmente\"Rua
Com a chegada do verão, os cuidados com a pele precisam ser intensificados. É claro que, independente da estação, os cuidados com a saúde e beleza são fundamentais. Mas, no verão, alguns problemas de pele, principalmente da face, tornam-se mais frequentes e, com isso, surgem algumas preocupações. A boa notícia é que, a maior parte dessas preocupações podem ser amenizadas ou até mesmo solucionadas com dicas caseiras de cuidado com a pele.

Logo, certos cuidados como o uso regular de bloqueador solar é importantíssimo, não só para evitar manchas no rosto e no corpo, como também, para evitar doenças graves como o temido câncer de pele. Por isso, a boa hidratação, a limpeza correta da face e o uso de cremes faciais com proteção contra os raios ultravioletas UVA e UVB não podem ser menosprezados.

Outro detalhe relevante é a escolha da alimentação. Para ter uma pele saudável e bonita é preciso evitar o uso de certos alimentos. Sabe-se que os conservantes, corantes e similares, que estão sempre presentes nos alimentos industrializados provocam alergias e outros problemas. Essas substâncias podem fazer surgir ou intensificar doenças como o melasma, aquelas manchas escuras na face. E, essas manchas são sensíveis ao calor do sol e, dependendo da pele, o tratamento exige bastante tempo e recursos financeiros para cuidados e acompanhamento dermatológico.

Mas, você pode preparar em casa uma loção para limpar a pele, reduzir ou até mesmo remover essas manchas escuras. Você vai precisar de um pêssego maduro, um pouco de hidratante facial e uma bisnaga de Bepantol, que é um creme com vitamina A.

Dicas para preparar seu creme removedor de manchas na pele:

Primeiramente, faça o creme de pêssego: é só bater no Mix o pêssego com um pouquinho de água. Para facilitar, amasse o pêssego com uma colher antes de bater no Mix. Depois, peneire a massa de pêssego para o creme ficar mais homogêneo. Em seguida, misture a terça parte da bisnaga de Bepantol ao pêssego com uma colher, preferencialmente de madeira ou de plástico. Com um algodão e com movimentos suaves, aplique a loção no rosto e deixe agir por 40 minutos. Depois lave com água abundante. Evite o uso de esfoliante porque a pele ficará muito sensível. Essa loção pode ser usada até três vezes na semana. Não use sobras de creme.

Pesquisar mais textos:

Zilma Silva

Título:Dica caseira para remover manchas no rosto facilmente

Autor:Zilma Silva(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios