Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > Celulite: o que é e como eliminá-la?

Celulite: o que é e como eliminá-la?

Categoria: Beleza
Celulite: o que é e como eliminá-la?

O que é?
A celulite é uma afecção benigna que afecta o tecido adiposo sob a pele. Trata-se de uma inflamação gerada pelo excesso de gordura no organismo, que causa inchaço no tecido conjuntivo e, consequentemente, as tais “ondinhas” que são a celulite. Esta é mais comum em mulheres que em homens.

Quais as causas?
A celulite pode ter como base a predisposição genética, alterações hormonais, alimentação pouco saudável ou má circulação sanguínea.

Como eliminar?
Como devem imaginar, não existem milagres. No entanto existem várias técnicas e tratamentos, umas mais simples que outras, que podem ser usadas.

-Exercício regular
O exercício é conhecido por ajudar a eliminar a celulite. Deve incluir meia hora de exercício no seu dia-a-dia. Os exercícios abdutores são bons para eliminar estas gordurinhas acumuladas. Caso não tenha tempo para exercício físico, opte por pequenas mudanças na rotina, como usar as escadas em vez do elevador, andar de transportes e parar uma paragem antes para poder andar um pouco a pé, não usar o carro dentro da cidade, entre outras.

-Alimentação correcta
A alimentação é muito importante na eliminação da celulite, especialmente para quem não tem tempo para se exercitar muito. O mais importante são os vegetais e a água. Inclua em todas as refeições vegetais, de preferência crus (saladas, por exemplo). Ingira dois litros de água por dia e use menos sal, pois este causa retenção de líquidos, que prejudica a celulite. Alguns chás, como a cavalinha, têm propriedades que combatem eficazmente a celulite.

-Tratamentos cosméticos
Alguns tratamentos mais conhecidos para eliminação da celulite são dispendiosos, feitos em clínicas estéticas ou massagistas. No entanto, existem tratamentos caseiros que podem ajudar a combater este problema mais depressa.

-Exfoliação
A exfoliação ajuda à activação da circulação sanguínea e à renovação das células da epiderme. Deve aplicar em cada duche um exfoliante.

-Massagens
As massagens anti-celulíticas têm como princípio “partir” a celulite para que esta seja mais facilmente expulsa pelo corpo. Para tal, proceda como neste vídeo:



-Hidratação e tonificação
É importante aplicar todos os dias um creme hidratante/refirmante que ajude a tonificar a pele.
-Drenagem linfática
Este tipo de tratamento é importante para expelir as toxinas através do sistema linfático. Pode fazer-se drenagem linfática em casa. Neste vídeo pode ver como fazer auto-drenagem:





-Roupa
Há algumas considerações a ter relativamente à roupa, para evitar prejudicar, principalmente, a circulação sanguínea. Estas são:
-Evitar roupa apertada;
- Evitar meias com canhão apertado ou collants demasiado justos;
-Evitar qualquer tipo de roupa que não deixe a pele respirar convenientemente ou que prejudique a circulação sanguínea (por exemplo: latex muito justo);
-Evitar saltos altos;

Se seguir estes passos com algum rigor, em breve a sua celulite não se notará. No entanto, é importante que continue a tomar cuidados específicos, pois a celulite é crónica e voltará se não tiver cuidado.


Patrícia Carvalho

Título: Celulite: o que é e como eliminá-la?

Autor: Patrícia Carvalho (todos os textos)

Visitas: 0

763 

Comentários - Celulite: o que é e como eliminá-la?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios