Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > Limpeza de pele

Limpeza de pele

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Beleza
Comentários: 1
Limpeza de pele

Uma pele bonita e radiosa é tão importante quanto a graciosidade e vitalidade do cabelo e a roupa que nos apresenta de forma positiva.

Peles escamadas, rugosas, queimadas pelo sol e principalmente com borbulhas e pontos negros, podem levar à loucura. Os tratamentos são muitas vezes caros e morosos o que leva a desistências e a desastres.

Se precisa de uma pele novinha em folha, de forma a que consiga brilhar ainda mais, não gaste muito tempo nem muito dinheiro. A solução está ao virar da esquina, não sabia? Faça uma limpeza de pele.

Em primeiro lugar, é necessário saber ao certo o que é a pele. Na realidade, a pele é um órgão. Este órgão faz parte integrante do sistema tegumentar (tal como as unhas e o cabelo), cuja função é essencialmente proteger. Protege os tecidos subjacentes e também regula a temperatura.

Existem três camadas de pele: - Epiderme, derme e hipoderme. A pele é um dos órgãos mais importantes no nosso corpo, pois transmite-nos sentidos (como a dor em caso de queimadura e a pressão) e ainda nos protege de desidratações.

Mesmo que a pele do nosso corpo esteja saudável, a pele da cara pode traduzir alguns problemas como borbulhas e rugas.

As borbulhas surgem de inflamações e alterações cutâneas da pele e quanto às rugas que tantos pensamentos e preocupações nos trazem, são causadas pela permanente expressão facial e pela gravidade tantas vezes preocupante.

Uma limpeza de pele faz desaparecer muitas marcas faciais e desconfortáveis aos olhos. As limpezas começam pela higienização. Com loções, retira-se toda a sujidade e restos de maquilhagem da cara. De seguida, e com produtos granulados, a pele é esfoliada. A esfoliação retira peles mortas e expõe a parte mais supérflua da pele.

Para amolecer a parte mais superficial da pele, faz-se a desincrustação. Esta ação vai fazer amolecer a camada mais supérflua da pele e remover os pontos negros e borbulhas.

Os vapores são fundamentais para a abertura dos poros e ajuda ainda mais na remoção de impurezas da pele. Por fim, e depois da extração total das impurezas, é a vez de se aplicar uma mascara que vai acalmar a pele e purificá-la.

Os processos não são caros e os resultados são magníficos. Mesmo com o apetecível resultado, pergunte ao seu dermatologista ou à sua esteticista se deve e quando deve fazer a sua limpeza. Todos os cuidados são poucos na hora de se por mais bonito.


Carla Horta

Título: Limpeza de pele

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

802 

Imagem por: sunshinecity

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    10-09-2014 às 17:37:55

    Preciso muito fazer essa limpeza de pele! Estou muito preguiçosa e então,seguirei suas dicas e susugestões! Muito obrigada!

    ¬ Responder

Comentários - Limpeza de pele

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: sunshinecity

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios