Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > Varizes: tratamentos a lazer

Varizes: tratamentos a lazer

Categoria: Beleza
Varizes: tratamentos a lazer

A beleza física é de extrema importância no mundo actual, é fácil verificar este facto no nosso dia-a-dia, quando conhecemos uma pessoa a aparência é a primeira coisa que nos chama atenção, quando estamos à procura de emprego o aspecto exterior pode ser mesmo um dos critérios utilizado inconscientemente pelo entrevistador para fazer a selecção entre dois candidato com os mesmos conhecimentos e competências. A beleza física é cada vez mais importante e as pessoas procuram mesmo seguir um determinado padrão procurando tudo que esteja ao seu alcançe para tal.


As varizes para além de serem um problema estético são veias que se tornam doentes, dificultam a circulação do sangue e se não forem tratadas podem vir a provocar algumas complicações. Hoje a medicina oferece várias soluções para controlar as varizes, sendo o laser a alternativa mais moderna e mais satisfatória para o paciente. Este tipo de tratamento é sugerido para o tratamento das microvarizes (pequenos vasos dilatados, tortuosos, situados abaixo da pele na gordura dos membros inferiores) e das tronculares (varizes grossas, saltadas e bem visíveis na pele).


Mas como funciona este procedimento?

Os aparelhos a laser produzem feixes de raios que emitem comprimentos de onda com certas características, que atravessam a pele sem a danificar e atingem a hemoglobina dos vasos sanguíneos. Por sua vez, a hemoglobina aumenta a temperatura do sangue e o vaso acaba por ser eliminado pelo calor. A maioria dos lasers têm a ponta fria, o que provoca a diminuição da temperatura da pele e consequentemente a diminuição da dor.
Este procedimento provoca uma ligeira dor, tolerável pelos pacientes logo não é necessário a aplicação de anestesia. É também costume após o tratamento o paciente sentir alguma ardência leve por algumas horas.

A grande vantagem deste tratamento é o tempo de recuperação no pós operatório, que é muito menor que na cirurgia convencional. Este tratamento é bastante simples e pouco agressivo, sendo realizado sem a necessidade de anestesia, podendo o paciente retornar às suas actividades no mesmo dia.

Os resultados são bastante eficazes, contudo com o tempo podem surgir novos vasos que podem ser eliminados através de um tratamento de manutenção. De forma a evitar o aparecimento de outros vasos deverá ter alguns cuidados com a pele, praticar actividades físicas, ter cuidado com a exposição solar, não ficar muito tempo em pé, usar meias de descanso e ao deitar elevar as pernas acima do nível do coração.


Rua Direita

Título: Varizes: tratamentos a lazer

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 0

643 

Imagem por: pedrosimoes7

Comentários - Varizes: tratamentos a lazer

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Tema: Utilidades Domésticas
Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!\"Rua
O seguro desemprego é instituído pela Lei Nº 7.998, de 11 de janeiro de 1990 e que tem por finalidade prover a assistência financeira temporária ao trabalhador desempregado sem justa causa. Foi sancionado pelo presidente da República do Brasil e também é regido pela Consolidação das Leis Trabalhistas – CLT.

Este benefício é concedido a todo e qualquer trabalhador que foi dispensado apenas em regime de sem justa causa ou quando houver acordo judicial e o juiz autorizar o pagamento devido ao ex-trabalhador da empresa.

Sua duração é de 3(três) a 5(meses) de forma contínua e dependerá do tempo em que ficou empregado. O valor mensal é calculado conforme o que o trabalhador ganhava durante o período em que estava empregado.

Essa assistência financeira e temporária tem algumas regras, por isso, é muito importante conhecê-la antes mesmo de solicitá-la nos órgãos responsáveis.

Para ter direito ao benefício:


- Precisa ter a carteira devidamente assinada da empresa;
- Ter trabalhado durante 6 meses na empresa (no mínimo);
- Não ter recebido esse benefício no período de 16(dezesseis) meses ininterruptos;
- Ter sido dispensado sem justa causa.

Quem tem direito ao benefício:


- Os trabalhadores demitidos sem justa causa;
- O pescador artesanal; e
- O empregado doméstico, desde que o empregador esteja recolhendo o Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS).

Como solicitar – Passo a passo:


1) Dirija-se à qualquer Caixa Econômica Federal ou ao M.T.E (Ministério do Trabalho e Emprego) da sua cidade munidos dos seguintes documentos:
- Rescisão contratual, carteira de trabalho devidamente dado baixa com a data de saída e assinada e carimbada pela empresa, as duas vias do seguro desemprego preenchido e fornecido pela empresa, cartão do PIS/PASEP ou o cartão cidadão, extrato do recebimento do pagamento do FGTS, comprovante de residência e os últimos 3 (três) contra-cheques;
2) Entregue todos esses documentos ao atendente. Eles vão fornecer o protocolo de entrada do seguro desemprego, vão lhe dizer quantas parcelas você tem direito e a data que você receberá a primeira (30 dias).

Bem, apenas isso e agora é só esperar para o recebimento do pagamento das parcelas. Para consultar, acesse este link: http://granulito.mte.gov.br/sdweb/consulta.jsf
Digite com seu número de PIS/PASEP e logo abaixo com o código no visor e clique em consultar. Vai abrir outra tela com as informações das parcelas.

Pesquisar mais textos:

Briana Alves

Título:Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Autor:Briana Alves(todos os textos)

Imagem por: pedrosimoes7

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios