Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > Esfoliação com óleos naturais

Esfoliação com óleos naturais

Categoria: Beleza
Comentários: 1
Esfoliação com óleos naturais

Estamos cada vez mais interessados no bem-estar físico e mental. Já os Gregos se interessavam pelo equilíbrio e se verificarmos bem, desde os Gregos pouco se inventou e muito se desenvolveu. Se o desporto, as massagens e as saunas têm vindo a ser substancialmente faladas pelo que produz no corpo e na mente, as esfoliações corporais têm vindo a ser cada vez mais conhecidas e praticadas. Mas se muitos tipos de esfoliações corporais podem ser feitas, as que mais se aderem e utilizam, são as feitas com óleo. Além do efeito bastante positivo corporais que produzem, os odores inconfundíveis oferece um bem-estar extraordinário.

Aqui ficam algumas ideias do que os óleos para esfoliação podem produzir.

Os benefícios da camomila são bastante conhecidos. Este óleo é considerado um anti-stress e irritação. Se o seu objectivo é relaxar, este óleo é capaz de ser uma boa opção. Problemas de acne, feridas, pele seca e até dores de cabeça, são resolvidos com camomila.

Os óleos à base de eucalipto curam infecções cutâneas, constipações e gripes. O sistema imunitário e respiratório fica em forma com eucalipto, pelo que uma esfoliação com este aroma ou óleo pode ser uma solução se padece destes problemas. A concentração, a produtividade e a imaginação também ficam a ganhar com o eucalipto.

Para ajudar a combater a obesidade, use o alecrim. Além de ajudar á regularização do sistema nervoso, o alecrim também ajuda na fadiga, enxaquecas e ajuda o crescimento capilar. Dores musculares e reumáticas também são ajudadas pelo alecrim.

Problemas digestivos? Faça uma esfoliação com hortelã-pimenta. Vai ver que ajuda, visto este óleo ajudar à digestão. Problemas de flatulência, cólicas e diarreias são muitas vezes o pânico, pelo que é bom saber que tem aqui um amigo. Dermatites, sarna e acne também acabam ou pelo menos atenuam.

Pele oleosa? No limão encontra um amigo. Óleos de limão para esfoliações são o melhor amigo para estas peles. Herpes labial e aftas também acabam com isto, mas aí não aconselhamos que seja com esfoliação.

Mas com tantos óleos à escolha e com tanta conversa sobre a esfoliação, quais são afinal os seus benefícios? A esfoliação é um dos melhores remédios contra a celulite e a circulação sanguínea. Melhora a tonalidade e a suavidade da pele e acima de tudo elimina toxinas. Retira peles mortas que estão espalhadas pelo corpo e faz com que no verão até consiga um melhor bronzeado. Por fim, resta dizer que se fizer uma, vai ver o resultado. A melhor resposta será a sua.


Carla Horta

Título: Esfoliação com óleos naturais

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

621 

Imagem por: matsuyuki

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    12-09-2012 às 17:52:46

    fiquei surpreendida com o seu texto. não fazia ideia que o alecrim ajudava combater a obesidade. eu vivo mesmo para aprender sempre mais e melhor. os meus parabéns pelo texto. e já agora vou seguir a sua dica e vou usar o limão para a pele oleosa. não sabia que limão também tinha efeitos positivos no rosto. sabia dos seus benefícios nos dentes, mas no rosto não. até já experimentei nos dentes.

    ¬ Responder

Comentários - Esfoliação com óleos naturais

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: matsuyuki

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios