Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Relacionamentos > Relacionamento À Distância

Relacionamento À Distância

Categoria: Relacionamentos
Visitas: 2
Comentários: 1
Relacionamento À Distância

É um pouco mais complicado, mas só um pouco. Quem foi que disse que ver o seu parceiro todo dia é uma garantia de sucesso e felicidade? Com os avanços tecnológicos de hoje, um relacionamento de longa distância é mais do que possível, desde que, é claro, se veja quão profunda ela é e o que vocês estão dispostos a lutar por ele. Confiança, honestidade, alta comunicação e um pouco de criatividade são os ingredientes básicos para mantê-lo vivo.

Ser separado da pessoa que você quer é difícil, e às vezes você se sente muito ruim; mas se você quiser ter essa relação de forma agradável e não torná-lo um martírio, a primeira coisa a fazer é eliminar os sentimentos negativos e o pessimismo. O famoso "pense positivo" é uma das bases para o verdadeiro sucesso nesse relacionamento. Lembre os bons tempos, sonhe com o momento em que você estará com essa pessoa maravilhosa, imagine o que vocês vão fazer juntos e se convença de que este é apenas uma situação temporária e que vai ajudá-los a se conhecerem melhor e crescerem como casal.

- Os canais de comunicação devem estar ao seu alcance e devem ser usados: telefone celular, mensagens SMS , e-mails, web cam e, claro, uma carta de amor escrita pelas suas próprias mãos. Para que isso funcione a comunicação tem ter muita fluidez.

- Sentir que o parceiro vai precisar ouvir é outro pilar de um relacionamento de longa distância. Estabelecer horários para conversarem (para evitar decepções) e surpreendê-lo com algum bônus inesperado: uma mensagem que só você e ele sabem, uma bela imagem ou "fofocas" sobre um amigo em comum. Essas situações sempre novas trazem grande alegria.

- Você tem que começar a falar como se não houvesse separação entre vocês considerando as seguintes premissas: diga-lhe tudo o que você pensa, essa é uma maneira de compartilhar experiências. Uma discussão no trabalho, uma noite fora com os amigos, o filme de ontem à noite, dor de cabeça, enfim, conte os detalhes.

- Seu parceiro está interessado em você, portanto, deverá haver total confiança e sinceridade entre ambos. Você deve estar preparado para dizer (e ouvir) tudo, até o que você não acha tão legal assim, como: "Eu conheci uma garota muito legal "ou" não me chame amanhã porque estarei ocupado".

- Se o relacionamento está esfriando ataque o problema imediatamente a fale sobre seus sentimentos de solidão que você sente e o que haveis de perder. Isso vai mantê-lo vivo e excluirá "fantasmas" que podem assombrar seus pensamentos.

- Sempre use um tom divertido e um pouco de sensualidade. Em suas mensagens, fale de sentimentos, projetos e quanto você o quer, mas também tenha um toque de humor (traga um sorriso) sempre deixando uma lembrança agradável. O mesmo se aplica ao dizer-lhe que anseia dar uns beijos (não corte esses momentos, não seja sem graça! Porque manter vivo o desejo é fundamental).

- Além da comunicação, outro "segredo" para a relação à distância é dar importância aos detalhes. Não se esqueça do dia do aniversário, de presentear de vez em quando com flores, chocolates pelo correio.

- Uma coisa bem importante também é eliminar radicalmente o ciúme da sua cabeça. Se cada comentário em novas amizades você pensar o pior terá muita dor de cabeça e desconfiança. Na verdade, você vai se cansar muito rápido, então, mantenha o controle e sempre tenha diálogo aberto com seu parceiro.


Rafaela Coronel

Título: Relacionamento À Distância

Autor: Rafaela Coronel (todos os textos)

Visitas: 2

537 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Natanael

    09-07-2014 às 04:55:42

    Esse amor a distância nada mais é do que o mais verdadeiro amor porque não exige um toque físico e sim uma confiança plena na pessoa que ama.

    ¬ Responder

Comentários - Relacionamento À Distância

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como cuidar de Plantas de interior

Ler próximo texto...

Tema: Bricolage Jardim
Como cuidar de Plantas de interior\"Rua
Cada planta tem um comportamento diferente, vou colocar aqui alguns cuidados que servem para a maioria delas.

LUZ:

Os principais erros no cultivo de plantas de interior é a falta de luz.
Se elas estiverem em locais onde não há luz suficiente, isso pode ser corrigido com a instalação de luz artificial, existe no mercado lâmpada que imitam a luz natural.


TEMPERATURA:

Mudanças bruscas de temperatura retardam e até paralisa o crescimento da planta, bem como causa a queda de folhas.


UMIDADE:

A maioria das plantas necessita de uma umidade atmosférica adequada.
Normalmente notamos que a planta não está com a umidade correta quando acontece ficarem amarelas e a queda de folhas.


IRRIGAÇÃO:

Conselhos básicos:
Uma planta em fase de crescimento vai precisar de mais água que uma que está em fase de dormência, ou já atingiu o seu tamanho adulto.
Durante a floração a planta precisa de mais água que em sua fase de crescimento
Em ambientes internos mais quentes é evidente que a planta vai precisar de mais águas que em ambientes mais frios.
Para saber qual é o momento exato de molhar, enfie o dedo no substrato, se sentir ele seco, chegou a hora

FERTILIZANTE:

Para que a planta tenha um desenvolvimento harmonioso convém usar periodicamente de fertilizantes que podem ser líquido ou sólidos.
No mercado existe a venda fertilizante com fórmulas específicas para cada planta.
Após a utilização do fertilizante regue a planta.

LIMPEZA:

Faça regularmente a limpeza de folhas secas e caule, pois elas são bastante positivas não só esteticamente como para a saúde das plantas.
Se estiver acumulada muita poeira sobre as folhas, espane, e depois passe um pano húmido
Atenção: Existe algumas espécies, que tem as folhas aveludadas, tipo a Violeta Africana, Begônia Rex, etc. que não deve ser colocada água é só usar uma escovinha bem macia.

TROCA DE VASO:

De uma maneira geral após 1 ou 2 anos as plantas de interior devem ser colocadas em vasos de tamanho maior.
Isso deve ser feito porque as raízes passam a ocupar um grande espaço e também porque o substrato vai perdendo sua composição inicial.
A época mais adequada varia de planta para planta, algumas devem ser feitas na primavera e outras quando estão na fase de repouso.
Aproveite para obterem mudas, separando brotos e dividindo touceiras.

Pesquisar mais textos:

Miguel Pereira

Título:Como cuidar de Plantas de interior

Autor:Miguel Pereira(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:09:31

    Muito bom! É tão gratificante cuidar de plantas. A gente vê o quanto elas florescem quando são bem-cuidadas. Amei as dicas!

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    18-04-2014 às 22:36:55

    Fantástico seu texto, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios