Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Receitas > Risoto de bacalhau - Uma pitada de sabor ao paladar!

Risoto de bacalhau - Uma pitada de sabor ao paladar!

Categoria: Receitas
Comentários: 4
Risoto de bacalhau - Uma pitada de sabor ao paladar!

O bacalhau é um delicioso peixe (aliás, vários peixes) que faz muito bem ao corpo, o bom funcionamento de nosso organismo e que é cheio de Ômega 3 (aquela composição fundamental que precisamos para combater o envelhecimento). O pai do bacalhau é Yapess Ypess, pois foi ele que deu início com a criação da primeira indústria de transformação do bacalhau na Noruega.

Algumas coisas interessantes sobre o bacalhau:

1 - O bacalhau foi trazido para o Brasil no século 19 pela corte de D. João VI.

2 - O peixe vive 20 anos e chega a atingir 1,80 metro, e a pesar 20 quilos.

3 - O Jornal do Brasil noticiou certa vez que Machado de Assis comia bacalhau todos os domingos.

4 - O bacalhau corresponde a cerca de 10% da indústria de peixes do mundo.

5 - Uma porção de bacalhau contém 13 gramas de proteína e 58 calorias (das quais, apenas 4 provêm de gorduras). O alimento também é fonte de vitamina C, D, B6 e B12.

Ingredientes:

- 300 gramas de arroz carnaroli.
- 02 postas altas de bacalhau dessalgado de uns 200 gramas cada.
- 300 gramas de bacalhau dessalgado em lascas.
- 400 ml de azeite de oliva.
- 1 cebola fatiada.
- 2 dentes de alho inteiros.
- 1 alho poró fatiado.
- 2 colheres de sopa de salsinha picada.
- 200 ml der leite.

Modo de Preparo:

* Ferva 800 ml de água, e afervente o bacalhau. Adicione o alho poró e os dentes de alho a essa água e mantenha-a em fogo baixo;

* Retire as postas e coloque no azeite. Lasque e reserve o azeite, as postas e o caldo da fervura;

* Retire as lascas e coloque em uma frigideira com o leite, cozinhe até secar;

* Junte o azeite e bata com um garfo até formar um creme. Reserve;

* Na água da fervura do bacalhau, adicione o alho poró picado e os 2 dentes de alho inteiros, ferva por 10 minutos;

* Numa panela, coloque um pouco de azeite e refogue as cebolas, adicione o arroz e refogue rapidamente;

* Junte o caldo da fervura do bacalhau e cozinhe até que o arroz esteja ao dente;

* Adicione o bacalhau cremoso e incorpore, coloque o bacalhau lascado e mexa levemente, adicione salsinha picada e sirva em seguida.

Assistam ao vídeo para um melhor entendimento de como fazer essa receita:



Rua Direita

Título: Risoto de bacalhau - Uma pitada de sabor ao paladar!

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 0

601 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãojoao

    08-05-2014 às 22:17:31

    saiu um espectaculo , a familia e amigos adoraram o Risoto de bacalhau - Uma pitada de sabor ao paladar!


    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    12-05-2014 às 13:21:21

    Que ótimo! A Rua Direita fica muito contente e agradecida por ter contribuído. Volte outras vezes aqui.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãojoao

    07-05-2014 às 23:20:47

    receita maravilhosa e com aprendizagem de historia, adorei , amanha vou experimentar

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    12-05-2014 às 13:19:53

    Agradecida, João. Esperamos que volte mais vezes.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Risoto de bacalhau - Uma pitada de sabor ao paladar!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios