Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Literatura > Os contos de Eça de Queirós - resumo

Os contos de Eça de Queirós - resumo

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Literatura
Visitas: 240
Os contos de Eça de Queirós - resumo

O conto «Singularidades de uma rapariga Loura» começa por uma analepse, ou seja, um recuo na história (passado). Macário com quase sessenta anos relembra uma paixão antiga com um rapaz da estalagem. Macário apaixona-se loucamente por uma jovem do seu edifício, Luísa, e começa a ficar distraído e abstraído no seu trabalho.

Resolvem casar, mas o seu tio, com quem trabalhava, não aceitou e Macário é expulso de casa. Mais tarde. Desesperado, sem emprego, o seu tio aceitou-o de volta e deixou-o casar. Certo Macário fora com Luísa a uma ourivesaria para reservar um anel. Ao saírem o caixeiro dirigiu-se ao casal pedindo educadamente para pagarem o anel que Luísa tinha na mão. Macário pagou-o e levou Luísa para fora, onde lhe disse "És uma ladra". Virou as costas e foi embora. “No mesmo dia partiu para a província, nunca mais se viram”.

O conto «O Moinho» narra a história da D. Maria da Piedade casada com um senhor doente, que passava o tempo sempre de cama com problemas na espinha. Era vista onde morava como uma senhora de comportamento exemplar, até ao dia em que chega o primo Adrião. Apaixonaram-se, e envolveram-se num longo beijo no moinho. Os amantes arrependem-se, e Adrião decide partir, deixando Maria da Piedade novamente desamparada. Porém, esta não se fica e “Passa de santa a Vénus.”

O conto «Civilização» narra a vida de Jacinto, um homem muito inteligente com dotes económicos. Contudo, passa a vida aborrecido até ao dia em que decide ir para Torges. No caminho, os caixotes com todos os seus pertences intelectuais e técnicos perdem-se e a casa continua por ser restaurada. Ao princípio, tem dificuldades em integrar-se, mas depois apaixona-se pela vida campestre. “Quatro anos vão passados, Jacinto ainda habita Torges.” – diz o amigo.

A narrativa do conto «O Tesouro» decorre à volta dos três irmãos de Medranhos: Rui, Guanes e Rostabal, “os fidalgos mais famintos das Astúrias”. A história desenvolve-se à volta de um tesouro com três chaves encontrado pelos três irmãos. Nas costas uns dos outros preparam armadilhas para ver quem morria primeiro. “o tesouro ainda hoje lá está”.


Daniela Vicente

Título: Os contos de Eça de Queirós - resumo

Autor: Daniela Vicente (todos os textos)

Visitas: 240

817 

Comentários - Os contos de Eça de Queirós - resumo

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Organizar Qualquer Tipo De Evento

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Eventos
Como Organizar Qualquer Tipo De Evento\"Rua
Com todas as mudanças no mundo precisamos de pessoas capacitadas e qualificadas para se organizar um evento de porte. Não mais uma pessoa que faz tudo, que quebra-galho, mas um profissional estudioso no ramo para levar um evento de grande estima que atinja seu público de forma satisfatória e abrangente.

Para estar na frente exige-se muito trabalho, esforço e dedicação extrema para que se obtenha grande sucesso não somente para quem recebe como também para a própria instituição em que se realiza o evento. Isso tem causado uma procura por esses profissionais e até tem sido reconhecido como uma profissão que será valorizada muito nesses próximos anos.

Como Organizar?

Para estar na frente de um evento é necessário muita dedicação e amor. Muitas horas planejando e com uma grande antecedência. Pois, qualquer problema que ocorra no dia, será de responsabilidade de quem está organizando.

Então, todos os cuidados devem ser levados em consideração, devemos ter ações prevenidas e tudo deve ser listado, feito e dado uma atenção especial. Diante dos que se pretende fazer em um evento seja ele cultural, religioso, comercial, precisa de alguns parâmetros para serem seguidos cuja finalização tenha muito sucesso.

Eis quais são as etapas para você compreender melhor:
1. Objetivos: você deve primeiramente traçar um objetivo daquilo que se pretende realizar. Deve ser dividido em duas partes: a geral e a específica;

2. Públicos: quem são os públicos que serão atingidos? É um grupo de mulheres, um grupo de homens? Que faixa de idade? Essas e outras perguntas devem ser feitas;

3. Estratégias: essas estratégias consistem simplesmente em como você vai atingir o seu público, o que mais irá atraí-los para que possam ir ao seu evento?

4. Recursos: os recursos tanto materiais, humanos, físicos, todos esses recursos devem ser bem estruturados e anotados;

5. Implantação: Que métodos serão usados para o evento desde o início até o término do evento? Refere-se a todos os procedimentos;

6. Acompanhamento e controle: estipular alguém que irá acompanhar todo o processo e controlar, como por exemplo, as despesas;

7. Avaliação: feita após o término do evento, ela é produzida em formato de relatório e entregue a quem organizou o evento;

8. Orçamento Previsto: este deve ser feito bem detalhado. Uma das mais importantes partes de todo o evento. Pode buscar patrocínio, parcerias com empresas para assim evitar os gastos, mas tudo deve ser anotado e controlado.

Pesquisar mais textos:

Luene Zarco

Título:Como Organizar Qualquer Tipo De Evento

Autor:Luene Zarco(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios