Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Internet > Aprenda a seduzir e a atrair pela Internet

Aprenda a seduzir e a atrair pela Internet

Categoria: Internet
Visitas: 6
Comentários: 2
Aprenda a seduzir e a atrair pela Internet

O número de utilizadores que usam os sites de encontros na Internet é cada vez maior, e por isso estes locais tornaram-se locais de sedução e procura da alma gémea.

No entanto, para conseguir seduzir e atrair outras pessoas neste tipo de sites deve ter em conta alguns factores importantes:

- Carregar uma foto sensual – é um facto que os utilizadores com foto recebem muito mais visitas que aqueles que não colocam foto. Além disso, os mais procurados são aqueles que exibem fotos mais sensuais e “provocadoras”.

- Completar o perfil ao máximo – Existem muitas pessoas que levam estes sites realmente a sério e usam-nos para procurar um possível parceiro (a). Hoje em dia muitas das relações reais tiveram o seu início no mundo virtual. Tendo em conta estes factos, deve preencher o seu perfil de usuário ao máximo. Assim irá dar-se a conhecer melhor e inspirar mais confiança nas pessoas que procuram por possíveis relacionamentos mais sérios.

- Pesquisar por outros utilizadores – Pesquisar e visitar o perfil de outros utilizadores é uma boa forma de se fazer notar. Existe a possibilidade de fazer pesquisas avançadas e encontrar pessoas de acordo como o sexo, idade, região, interesses, entre muitas outras coisas. Quanto mais avançada for a pesquisa mais restrito será o nº de utilizadores encontrados, no entanto, serão pessoas como um perfil muito mais aproximado ao que você realmente procura. Ao visitar o perfil dessas pessoas irá despertar curiosidade e provavelmente a outra pessoa mais cedo ou mais tarde também visitará o seu perfil e tentará saber mais sobre si.

- Causar boa impressão no primeiro contacto – Normalmente os sites de encontros online permitem o envio de mensagens entre os utilizadores, e o primeiro contacto é sem dúvida o mais importante. Se você quer realmente causar boa impressão na outra pessoa e quem sabe iniciar algo mais sério então a sua primeira mensagem deve ser bem elaborada e ter alguma substância. A qualidade desse primeiro contacto irá determinar se essa mensagem será a primeira de muitas ou se será a “primeira e a última”. Normalmente, mensagens curtas e sem “conteúdo” não obtêm qualquer resposta.

Se você realmente quer distinguir-se, captar a atenção da outra pessoa e causar boa impressão deve enviar uma primeira mensagem bem escrita e que leve a outra pessoa a perceber que você realmente leu o perfil completo dela. Dessa forma, a pessoa saberá que você se deu a esse trabalho e que em princípio aquele será um contacto sério, e assim as probabilidades de obter resposta serão muito maiores.


Carlos Vieira

Título: Aprenda a seduzir e a atrair pela Internet

Autor: Carlos Vieira (todos os textos)

Visitas: 6

685 

Imagem por: Elven*Nicky

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    26-10-2014 às 03:12:43

    Nem sempre é fácil uma pessoa nos cativar pela internet. Já vi inúmeras pessoas desinteressantes e carentes. Assim, num tem como seduzir e atrair. Penso que tudo pode começar com uma amizade e aos poucos esses laços ficarem mais intensos. Encontrar um cara interessante e atraente está a cada dia mais complicado.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoWallace Randal

    13-09-2012 às 18:40:10

    Conhecer pessoas por meio da internet é muito comum e prático, porque ambas as pessoas estão em busca de um mesmo objetivo. Carlos, você tem razão ao falar que tanto o conteúdo quanto a ortografia são importantes. Também é necessário ser absolutamente verdadeiro, pois nenhuma relação é construída a partir de mentiras. Por fim, acredito que deve-se tomar cuidado redobrado, uma vez que é muito fácil omitir e mentir dados pessoais.

    ¬ Responder

Comentários - Aprenda a seduzir e a atrair pela Internet

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal

Ler próximo texto...

Tema: Literatura
Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal\"Rua
Gertrude Stein foi uma escritora de peças de teatro, de peças de opera, de ficção, de biografia e de poesia, nascida nos Estados Unidos da América, e escreveu a Autobiografia de Alice B. Toklas, vestindo a pele, e ouvindo pela viva voz da sua companheira de 25 anos de vida, os relatos da historia de ambas, numa escrita acessível, apresentando situações caricatas ou indiscretas de grandes vultos da arte e da escrita da sua época. Alice B. Toklas foi também escritora, apesar de ter vivido sempre um pouco na sombra de Stein. Apesar de ambas terem crescido na Califórnia, apenas se conheceram em Paris, em 1907.


Naquela altura, Gertrude vivia há quatro anos com o seu irmão, o artista Leo Stein, no numero 27 da rue de Fleurus, num apartamento que se tinha transformado num salão de arte, recebendo exposições de arte moderna, e divulgando artistas que viriam a tornar-se muito famosos. Nestes anos iniciais em Paris, Stein estava a escrever o seu mais importante trabalho de início de carreira, Three Lives (1905).


Quando Gertrude e Alice se conheceram, a sua conexão foi imediata, e rapidamente Alice foi viver com Gertrude, tornando-se sua parceira de escrita e de vida. A casa, como se referiu atrás, tornou-se um local de reunião para escritores e artistas da vanguarda da época. Stein ajudou a lançar as carreiras de Matisse, e Picasso, entre outros, e passou a ser uma espécie de teórica de arte, aquela que descrevia os trabalhos destes artistas. No entanto, a maior parte das críticas que Stein recebia, acusavam-na de utilizar uma escrita demasiado densa e difícil, pelo que apenas em 1933, com a publicação da Autobiografia de Alice B. Toklas, é que o trabalho de Gertrude Stein se tornou de facto reconhecido e elogiado.


Alice foi o apoio de Gertrude, foi a dona de casa, a cozinheira, grande cozinheira aliás, vindo mais tarde a publicar algumas das suas receitas, e aquela que redigia e corrigia o que Gertrude lhe ditava. Assim, Toklas fundou uma pequena editora, a Plain Editions, onde publicava o trabalho de Gertrude. Aliás, é reconhecido nesta Autobiografia, que o papel de Gertrude, no casal, era o de marido, escrevendo e discutindo arte com os homens, enquanto Alice se ocupava da casa e da cozinha, e de conversar sobre chapéus e roupas com as mulheres dos artistas que visitavam a casa. Depois da morte de Gertrude, Alice continuou a promover o trabalho da sua companheira, bem como alguns trabalhos seus, de culinária, e um de memórias da vida que ambas partilharam.


Assim, este livro que inspirou o filme “Meia noite em Paris”, de Woody Allen, é um livro a não perder, já nas livrarias em Portugal, pela editora Ponto de Fuga.

Pesquisar mais textos:

Liliana Félix Leite

Título:Autobiografia de Alice B. Toklas, de Gertrude Stein, pela primeira vez em Portugal

Autor:Liliana Félix Leite(todos os textos)

Imagem por: Elven*Nicky

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios