Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Fotografia > Como posso fotografar o meu animal de estimação?

Como posso fotografar o meu animal de estimação?

Categoria: Fotografia
Visitas: 4
Comentários: 2
Como posso fotografar o meu animal de estimação?

Um albúm de família nunca esta completo se lá faltarem fotografias dos nossos animais de quatro patas que connosco habitam. Todavia, fotografar um animal de estimação nunca é uma tarefa fácil: exige tempo, muita sensibilidade e toneladas de paciência., requendo quase as mesmas habilidades e técnicas que são necessárias para fotografar bébés e crianças pequenas.

A parte mais difícil de fotografar cães ou gatos é fazer com que eles fiquem parados o tempo suficiente para que a máquina capte a imagem pretendida sem que eles se mexam e nos estraguem a fotografia. Assim, deverá estudar bem o seu animal e descubrir o período do dia em que ele está mais relaxado. Outra opção é tentar encontrar momentos em que ele esteja entretido a brincar, a comer ou mesmo a dormir.

Fotografe o seu bichinho num ambiente no qual ele passe muito tempo, como o sofá, o tapete, o pátio, ou seja, um espaço onde o mesmo se sinta confortável e plenamente à vontade. Opte também pelo factor surpresa ou esconda-se de modo a que ele não sinta a sua presença.

Outro truque para fotos bem sucedidas é deitar-se no chão ou ajoelha-se. Só assim conseguirá captar as suas expressões e transmitir o mundo pela visão de cada um deles.

A utilização do zoom é por vezes indispensável, já que muitos dos nossos animais náo deixam que nos aproximemos em demasia.

Capte a imagem com rapidez, já que o animal expressa-se de modo rápido e espontâneo. Utilize o modo de “desporto” da sua máquina, já que este modo é o ideal para captar um animal que não pára quieto. Este modo utiliza uma velocidade do obturador mais rápida para captar o seu bichinho. Além disto, o modo de “desporto” utiliza um sistema de focalização especial que ajusta constantemente o foco da câmara. Sem isto a câmara foca uma vez e mantém dessa maneira, o que faz com que a fotografia fique desfocada se o bichinho se mexer

A luz natural é a melhor para fotografar animais, já que umailuminação forçada os assusta.

Aproveite estas dicas, pegue na máquina e passe bons momentos a fotografar o seu amigo. São recordações para a vida.



Catarina Bandeira

Título: Como posso fotografar o meu animal de estimação?

Autor: Catarina Bandeira (todos os textos)

Visitas: 4

806 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • SophiaSophia

    04-05-2014 às 18:57:49

    Já tentei várias vezes fotografar meu cão e nunca sai como gostaria, pois eles se mexem muito. Já consegui tirar quando me escondo e ele está mexendo em algo, mas tem que ser bem rápida. Adoro meu cão e fotografá-lo é bom porque ficarão guardados por muito tempo!

    ¬ Responder
  • LarissaLarissa

    30-08-2009 às 19:03:38

    Meus animais não param nem um segundo .
    EU OS AMO
    ELES JA FAZEM PARTE DA MINHA VIDA...

    ¬ Responder

Comentários - Como posso fotografar o meu animal de estimação?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O que é uma Open House?

Ler próximo texto...

Tema: Imóveis Venda
O que é uma Open House?\"Rua
Este é um tema que vem pôr muito a lindo o trabalho de alguns mediadores imobiliários e do seu trabalho.

Quando temos um imóvel para vender, muitos são os métodos a utilizar e os meios que nos levam até eles para termos o nosso objetivo cumprido – A venda da Casa.
Quando entregamos o nosso imóvel para que uma mediadora o comercialize, alguns aspetos têm de ser tidos em conta, como a legalidade da empresa e quem será a pessoa responsável pela divulgação da sua casa, mas a ansia de vermos o negócio concretizado é tanta, que muitas vezes nos escapa a forma como fazem a referida divulgação e publicidade do imóvel.

Entre anúncios na internet e as conhecidas folhas nas montras dos estabelecimentos autorizados, muitas mediadoras optam por fazer uma ação que está agora muito em voga que é uma Open House. Mas afinal, o que é isto de nome estrangeiro que tanto se vê pelas ruas e em folhetos de anúncio?

Ora bem, a designação em Português é muito simples – Casa Aberta. E na realidade, uma Open House é isso mesmo. Abrir uma Casa para que todos a possam ver. NO entanto, requerem-se alguns aspetos que as mediadoras normalmente preveem, mas que é fundamental que o proprietário do imóvel também tenha consciência e conhecimento.

Por norma as imobiliárias só fazem este tipo de intervenção e ação em imóveis que têm como exclusivo, isto é, quando é uma só determinada mediadora, a autorizada a poder comercializar o imóvel.

Em segundo lugar, este tipo de ação de destaque requer à mediadora custos com tempo, recursos humanos e financeiros.
A mediadora começa por marcar um dia próprio que por norma é datado para um feriado ou fim de semana. Faz então publicidade local através de folhetos e flyres anunciando a Open House, o dia e a hora, tal como o local. Muito provavelmente serão tiradas fotografias ao seu imóvel.

Através de redes sociais também poderão ser divulgadas as ações.
No dia da Open House, o local será indicado com publicidade da sua casa e da imobiliária e começarão a aparecer visitas ao imóvel.

Sugiro que não tenha mobiliário e muito menos valores em casa. O ideal será o imóvel estar desocupado de todos e quaisquer bens, por uma questão de segurança, mas também porque as áreas parecerão maiores e isso com toda a certeza ajuda à venda.

A imobiliária será responsável pela limpeza e trato do imóvel, pelo que se ocorrerem danos, serão eles os responsáveis.
Neste tipo de ações, é normal que a concorrência das imobiliárias apareça e faça parcerias que para si só trará vantagens.

Uma Open House pode não ser uma ação de destaque em Portugal, mas por exemplo nos Estados Unidos, é o normal e mais agradável. Os clientes não se sentem pressionados como numa visita normal e os negócios concretizam-se com muito mais rapidez e naturalidade.

Pesquisar mais textos:

Carla Horta

Título:O que é uma Open House?

Autor:Carla Horta(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios