Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Energias Renováveis > Botões ecológicos lusos

Botões ecológicos lusos

Visitas: 2
Comentários: 3
Botões ecológicos lusos

A ecologia já invadiu o mundo dos botões. Em Portugal, de há um tempo a esta parte, produzem-se botões feitos a partir de materiais reciclados e biodegradáveis (papel reciclado, algodão, farinha de sêmola de batata, milho marfim vegetal, serradura de madeira, pó de corno, cânhamo, tecidos, algodão, plantas, folha de madeira natural e frutos) e fibras vegetais naturais. De facto, estilistas e marcas de vestuário com reconhecido valor internacional aderiram de forma incondicional a estes botões tão ecologicamente sofisticados. Trata-se de um processo de fabrico único, cuja patente foi comprada à Itália há quatro anos.

Estes botões viajam até paragens na Europa (onde se destacam o Reino Unido, a Espanha, a França e a Itália), nos Estados Unidos, no Brasil, no Canadá, no Japão, na Índia e no Bangladesh, sendo que os mais pretendidos são os constituídos por metade (ou mais) de papel reciclado misturado com resina, poliéster e outras matérias-primas.

Os materiais biodegradáveis vão a triturar e são reduzidos a farinha, que entra depois como input em máquinas de amassar da indústria panificadora, resultando desse processo uma pasta que é depois comprimida, dissecada em talhadas, furada e cozida até que se formem os botões. As sobras derivadas do corte em rodelas, quer no sistema tradicional quer no ecológico, encontram aproveitamento na feitura de botões reciclados, obtendo-se a farinha por trituração.

Reza a História que os fabricantes de botões surgiram no século xiii, mas que somente nos séculos xv e xvi é que a indústria se estabeleceu realmente em França, onde progrediu. Os botões, outrora tidos com elementos úteis e depois ornamentais, devem à moda do século xiv o seu maior desenvolvimento. Com efeito, os membros da nobreza ostentavam trajes com botões por todo o lado (nas mangas, nos ombros, nos calções, …). Havia vestimentas a comportar 38 botões! Em ouro, prata, pérolas, forrados com sedas de cores, etcétera.

Consta que a primeira mostra de botões teve lugar em 1798, em França, grande especialista e exportadora nesta área naquela altura. Atualmente, existem botões de todos os tipos (quadrados, cilíndricos, em forma de flor, de animal, de fruto, de pessoa,...), com dois ou quatro buracos, com ou sem pé decorativos, enfim, dotados de características que lhes permitam assentar de modo irrepreensível nas diversas categorias de indumentárias. Na realidade, não há praticamente peça de roupa que dispense o uso de botões. A novidade é que, agora, as pessoas têm a possibilidade de se abotoar com a Natureza… literalmente.


Maria Bijóias

Título: Botões ecológicos lusos

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 2

776 

Imagem por: ahisgett

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Daiany Nascimento

    17-09-2012 às 19:40:41

    Apesar de serem simples e pequenos botões, esse tipo de material que os compõe podem resultar em outros equipamentos ecológicos. Assim, mais equipamentos colaboraram com o planeta. Obrigada!

    ¬ Responder
  • antonio siderlei baldanantonio siderlei baldan

    26-03-2012 às 20:37:51

    fibras farinha madeira,fibras de coco,fibras de cana de açucar,fibras de bambu,
    www.farinhademadeira.com.br
    www.inbrasfama.com.br
    Tenho dominio patentes Baldan farinha de madeira.41-21058282
    Abraços baldan

    ¬ Responder
  • Rita Freire BorgesRita Freire Borges

    23-06-2011 às 14:02:19

    Gostaria de saber onde encontrar esses botões aqui no Brasil, pois minha filha faz moda e a monografia dela é sobre botões. Agradecida Rita

    ¬ Responder

Comentários - Botões ecológicos lusos

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Manutenção Automovel

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Automóveis
Manutenção Automovel\"Rua
Faça você mesmo a revisão do seu automóvel e poupe dinheiro em oficinas. Primeiro verifique com a ajuda de outra pessoa a iluminação exterior. Uma pessoa fica no interior do carro e liga as luzes, verifique á frente os mínimos, os médios, os máximos e os piscas. Depois atrás verifique os mínimos os stop a marcha atrás e o farol de nevoeiro.

A seguir verifique a iluminação do interior do veículo e do painel de instrumentos e a afinação do travão de mão.

Agora está na hora de verificar os filtros de ar, gasóleo e habitáculo. Dependendo da utilização eles podem fazer em média 40.00km, se estiverem sujos substitua-os por novos.

A seguir vem a mudança do óleo este em geral pode-se retirar pelo bujão de vazamento do cárter, convém substituir a anilha e o filtro de óleo. O óleo novo deve respeitar as especificações do fabricante, verificar no livro de manual de utilizador do veículo os litros de óleo do motor. Meter o óleo novo pelo bucal superior do motor com a ajuda de um funil, o nível do óleo não pode ultrapassar o máximo. Se não sabe a quantidade de óleo deite 4 litros e depois verifique o nível pela vareta de verificação de nível e vá deitando até chegar ao nível certo.

Agora é preciso verificar as pastilhas de travões, hoje em dia como quase todos os veículos têm jantes especiais consegue verificar sem desmontar as rodas. Substituir se necessário as pastilhas, ao desmontar repare como desmonta para depois voltar a montar tudo de novo. Por fim verifique a pressão dos pneus com um manómetro, a pressão indicada varia de carro pra carro se não sabe a pressão indicada ponha 2.2bar que é em média a pressão que todos utilizam.

Convém dizer que qualquer material que precise basta procurar numa loja de peças auto próxima de si ou então encomendar via net pois existem vários sites especializados em peças e materiais de manutenção auto. Vai ver que não custa nada se eu aprendi você também pode aprender e além disso fica a conhecer melhor o seu carro.

Com isto tudo pode poupar em média 200€ por cada revisão.
Obrigado e até a próxima.

Outros textos do autor:
Manutenção Automovel

Pesquisar mais textos:

Vendas Online

Título:Manutenção Automovel

Autor:Vendas Online(todos os textos)

Imagem por: ahisgett

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    17-06-2014 às 04:55:10

    Há inúmeros benefícios para fazer a manutenção do automóvel, pois isso garante melhor preservação do veículo e se prolonga o uso por muitos e muitos anos.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios