Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Biografias > Roberto Carlos – O Rei

Roberto Carlos – O Rei

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Biografias
Roberto Carlos – O Rei

Considerado “O Rei”, é um verdadeiro romântico, encantador e fascinante cantor e compositor Brasileiro, mas se foi inicialmente definido somente por 3 adjetivos, continue a ler, pois vai encontrar muitos mais que qualificam este extraordinário e apaixonante homem.

Nasceu no interior de Espirito Santo, mais propriamente em Cachoeiro de Itapemirim a 19 de abril de 1941. Desde cedo despertou interesse pela musica começando a tocar violão ainda pequeno. Filho de um relojoeiro e de uma costureira, Roberto Carlos nunca perdeu a oportunidade de demonstrar o amor e reconhecimento que sentia pelos pais (tal é provado por “Lady Laura” e “Meu Querido, meu velho, meu amigo” dedicados á mãe e ao pai).

Aos 6 anos de idade, Roberto Carlos sofreu um acidente de comboio que resultou na amputação de uma das pernas, mesmo abaixo do joelho. Usa desde essa altura uma prótese, assunto que evita a todo o custo.




Aos 6 anos participa numa emissão de rádio e é convidado para comparecer e cantar ao vivo todos os Domingos. Começa então uma carreira inigualável daquele que é até hoje considerado o grande líder do novo Rock Brasileiro.

Estudou no Conservatório e lançou-se na musica com o álbum “Splish Splash” em 1962 com hits como “Parei na Contramão”. Com o álbum “É Proibido Fumar” lança “O Calhambeque” e começa a arrecadar êxitos sucessivos e permanentes.

Conhece as mulheres como ninguém e compõe como se as conhecesse desde sempre e as entende-se quando tantos dizem ser impossível. Para todas as idades, Roberto Carlos é um verdadeiro encantador de corações e canta com paixão, com melancolia, com agrado, com amor…

Casou várias vezes e tem 4 filhos (Roberto Carlos Segundo e Luciana do primeiro casamento, Ana Paula foi aperfilhada, e Rafael Torres que Roberto Carlos descobriu como filho já ele era crescido e após teste de paternidade).

Autor de vários sucessos, encanta e fascina tudo e todos e interpreta de forma única, singular e intemporal êxitos como “Como vai você”, “Detalhes”, “Falando Sério” e “Fera Ferida”. Encanta com musicas com ritmo como “Verde e Amarelo” e “É Proibido Fumar”.

É um dos artista que mais apoiou a ditadura militar Brasileira (ocorrida entre 1964 e 1985) tendo até sido reconhecido em documentos oficiais do Ministério do Exercito.

Continua a encantar com êxitos e lança quase todos os anos um álbum que se torna imediatamente em campeão de vendas. Os seus discos venderam até á altura mais de 120 milhões de cópias incluindo gravações em Italiano, espanhol e Inglês.

O Rei continua a encantar e a cantar para alimentar o romantismo dos nossos corações.


Carla Horta

Título: Roberto Carlos – O Rei

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

666 

Comentários - Roberto Carlos – O Rei

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como cuidar de Plantas de interior

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Bricolage Jardim
Como cuidar de Plantas de interior\"Rua
Cada planta tem um comportamento diferente, vou colocar aqui alguns cuidados que servem para a maioria delas.

LUZ:

Os principais erros no cultivo de plantas de interior é a falta de luz.
Se elas estiverem em locais onde não há luz suficiente, isso pode ser corrigido com a instalação de luz artificial, existe no mercado lâmpada que imitam a luz natural.


TEMPERATURA:

Mudanças bruscas de temperatura retardam e até paralisa o crescimento da planta, bem como causa a queda de folhas.


UMIDADE:

A maioria das plantas necessita de uma umidade atmosférica adequada.
Normalmente notamos que a planta não está com a umidade correta quando acontece ficarem amarelas e a queda de folhas.


IRRIGAÇÃO:

Conselhos básicos:
Uma planta em fase de crescimento vai precisar de mais água que uma que está em fase de dormência, ou já atingiu o seu tamanho adulto.
Durante a floração a planta precisa de mais água que em sua fase de crescimento
Em ambientes internos mais quentes é evidente que a planta vai precisar de mais águas que em ambientes mais frios.
Para saber qual é o momento exato de molhar, enfie o dedo no substrato, se sentir ele seco, chegou a hora

FERTILIZANTE:

Para que a planta tenha um desenvolvimento harmonioso convém usar periodicamente de fertilizantes que podem ser líquido ou sólidos.
No mercado existe a venda fertilizante com fórmulas específicas para cada planta.
Após a utilização do fertilizante regue a planta.

LIMPEZA:

Faça regularmente a limpeza de folhas secas e caule, pois elas são bastante positivas não só esteticamente como para a saúde das plantas.
Se estiver acumulada muita poeira sobre as folhas, espane, e depois passe um pano húmido
Atenção: Existe algumas espécies, que tem as folhas aveludadas, tipo a Violeta Africana, Begônia Rex, etc. que não deve ser colocada água é só usar uma escovinha bem macia.

TROCA DE VASO:

De uma maneira geral após 1 ou 2 anos as plantas de interior devem ser colocadas em vasos de tamanho maior.
Isso deve ser feito porque as raízes passam a ocupar um grande espaço e também porque o substrato vai perdendo sua composição inicial.
A época mais adequada varia de planta para planta, algumas devem ser feitas na primavera e outras quando estão na fase de repouso.
Aproveite para obterem mudas, separando brotos e dividindo touceiras.

Pesquisar mais textos:

Miguel Pereira

Título:Como cuidar de Plantas de interior

Autor:Miguel Pereira(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:09:31

    Muito bom! É tão gratificante cuidar de plantas. A gente vê o quanto elas florescem quando são bem-cuidadas. Amei as dicas!

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    18-04-2014 às 22:36:55

    Fantástico seu texto, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios