Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Biografias > D. Carlos I e o princípio da queda da monarquia

D. Carlos I e o princípio da queda da monarquia

Categoria: Biografias
Visitas: 10
D. Carlos I e o princípio da queda da monarquia

Filho de de D. Luís I e de D. Maria Pia de Sabóia, D. Carlos I nasceu a 28 de Setembro de 1863, em Lisboa. A 19 de Janeiro de 1886, D. Carlos viajou para França para conhecer a sua prima, D. Amélia. O noivado foi celebrado a 7 de Fevereiro. Esta chegou à capital portuguesa a 20 de Maio de 1886, onde foi recebida em São Domingos para celebrar o casamento. Foram viver para o Palácio de Belém e, inicialmente, tudo correu bem na vida do recente casal. Até D. Amélia suspeitar das demoradas ausências do marido.

D. Carlos ascendeu ao trono a 19 de Outubro de 1889, após a morte do seu pai, Luís I, o Popular (1861-1889), irmão de D. Pedro V.

O novo monarca confrontou-se com sérias dificuldades durante o seu reinado, nomeadamente, o crescimento do movimento republicano. As pretensões portuguesas numa ligação de territórios em África (Mapa Cor-de-Rosa), foram ao encontro das pretensões de Inglaterra, ligar o Cairo, no Egipto, ao Cabo, na África do Sul. No dia 11 de Janeiro de 1890, Portugal acordou sobressaltado com o Ultimato britânico, que exigia a retirada imediata dos portugueses na zona ou, caso contrário, a terra Lusitana perdia o seu aliado de vários séculos. Como era de se prever de um monarca tão inexperiente, este recusou a guerra e cedeu às exigências da Inglaterra. Incentivados pelas novas ideias que abalavam a Europa, o povo revoltou-se contra a decisão de D. Carlos I. Devido a uma forte propaganda republicana, um ano depois do Ultimato, ocorreu no Porto uma tentativa de derrube do governo. Foi o começo do fim.

Para além do agravamento da crise financeira, a instabilidade financeira já se fazia sentir (partido Progressista e Regenerador). Em 1906, D. Carlos I decidiu chamar ao governo João franco, uma personagem odiada pelo povo, o eu fez com o movimento republicano fosse ganhando cada vez mais adeptos e simpatizantes.

No dia 1 de Fevereiro de 1908, D. Carlos e o seu filho, D. Luís Filipe, foram assinados no Terreiro do paço, em Lisboa. D. Manuel, futuro D. Manuel II, o Patriota, herdou, desta maneira trágica, o trono português.


Daniela Vicente

Título: D. Carlos I e o princípio da queda da monarquia

Autor: Daniela Vicente (todos os textos)

Visitas: 10

636 

Comentários - D. Carlos I e o princípio da queda da monarquia

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Maratona de Boston: O maior evento de corrida do mundo!

Ler próximo texto...

Tema: Desporto
Maratona de Boston: O maior evento de corrida do mundo!\"Rua
A Maratona de Boston é a mais antiga maratona anual do mundo e se classifica como um dos eventos de corrida de estrada de grande prestígio. O Boston Athletic Association gera esse clássico americano, que é patrocinado pela John Hancock Financial Services.

A Maratona de Boston tem se destacado como o evento máximo dentro do esporte de corridas de estrada em virtude de sua tradição, longevidade e método de ganhar a entrada na corrida (via qualificação). Para isso, você terá aqui algumas informações sobre esse evento que atrai milhões de pessoas e que tem a participação de patrocinadores, voluntários, corredores, imprensa e muito mais!!!

Aos Participantes:
Todos os participantes receberão:
* A entrada para a festa das massas na pré-corrida e festa pós-corrida
* Programa Oficial da raça e Racers Resultados Livro
* A T-shirt de manga comprida
* Transporte para o início
* Finalizadores receberão uma medalha comemorativa.

Desde 1996, a Maratona de Boston tem utilizado um sistema de cronometragem computador. Os relógios digitais que exibem o tempo decorrido estão localizados em cada milha e com o marcador de cinco quilômetros. A distância a percorrer é de 26 milhas, com 385 metros (42,195 km).

Informações sobre o evento:
A cidade de Boston oferece uma variedade de artes de palco, com emocionantes passeios aos locais turísticos, eventos esportivos, e áreas comerciais. Para ajudar a fornecer-lhe algumas ideias para quando você estiver esse evento na cidade, por favor consulte os seguintes links:

http://www.bostonusa.com/
http://www.massvacation.com/
http://www.cityofboston.gov/

Os voluntários:
Todos e cada um dos 10 mil voluntários são de vitais importâncias para a experiência que é dada aos participantes locais e internacionais da corrida. Pode-se ver a união no trato uns com os outros com todo o respeito, compaixão e empatia. Cada um encoraja uns aos outros para alcançar seus objetivos e cumprir ao máximo do seu potencial. A comunidade que você cria dentro do rol de voluntários é algo que todo mundo merece fazer parte.

Os patrocinadores:
Desde 1986, o Boston Athletic Association usou patrocínios para ajudar a manter a Maratona de Boston como a corrida mais venerada e respeitada no mundo. Graças ao principal patrocinador John Hancock Financial - que estará comemorando seu 30 º ano em 2015 - a Maratona de Boston oferece uma premiação de $ 806.000 para o qual os atletas competem todos os anos. John Hancock também fornece recursos financeiros para supervisionar a John Hancock Elite Athlete Team, que traz muitos dos melhores corredores de todo o mundo a cada dia Hopkinton Patriots. A empresa hospeda os atletas para a semana da corrida no "John Hancock Elite Athlete Village" criado no John Hancock Conference Center.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Maratona de Boston: O maior evento de corrida do mundo!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios