Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > A Alimentação E O Aparecimento Das Rugas

A Alimentação E O Aparecimento Das Rugas

Categoria: Beleza
A Alimentação E O Aparecimento Das Rugas

Normalmente, tudo o que é bom costuma ter um “senão” associado. É exactamente isto que se passa com o açúcar. Quase toda a gente gosta de se deleitar com um docinho. A questão é que o que agrada nem sempre faz bem. Para além do aumento dos valores da glicemia, o açúcar desencadeia outros motivos de aflição, sobretudo nas senhoras, que vão do acréscimo de peso, à celulite, e mesmo às rugas. Na verdade, a aparência é um espelho do que se passa internamente.

O que acontece é que uma molécula de açúcar em excesso (por ingestão desregrada ou devido a metabolismo lento da glicose) cola-se a uma molécula de proteína (colagénio, elastina, …) e forma os AGEs, que constituem complexos açúcar/proteína rígidos que modificam a estrutura de tais proteínas, obstruindo a eficiência no cumprimento das suas funções mais importantes, o que, em termos de pele, acarreta o aparecimento de rugas.

Os AGES são ainda autênticas “indústrias” de radicais livres. Trata-se de potenciais agentes cancerígenos que se vão acumulando ao longo do tempo e reflectem na pele, que tornam opaca e envelhecida, os efeitos nocivos que causam ao organismo.

Não obstante as pesquisas efectuadas para debelar o desenvolvimento de AGES, os bons hábitos alimentares podem travar as suas consequências. De facto, existem alimentos que, ao fazer bem, auxiliam a luta contra os inestéticos vincos.

Assim, por exemplo, para gratinar ou panar carne ou peixe, é preferível usar nozes, sementes esmagadas ou farelo de aveia para formar a crosta. Do mesmo modo, é benéfico incorporar amêndoas nas refeições.

Os repastos devem ter início com as proteínas, começando por comer a carne e só depois os acompanhamentos. O consumo de peixes de água gelada (salmão, sardinhas, trutas, anchovas e arenque), assim como de ovos (mormente se forem provenientes de galinhas alimentadas com semente de linhaça) fornece o tão precioso ómega-3.

As maçãs, ricas em antioxidantes e flavonóides, devem ser comidas à razão de três por dia, no mínimo.

Os feijões, as lentilhas e as ervilhas, porque fontes de fibras, estabilizam os açúcares durante várias horas e, em acréscimo, ajudam a queimar gorduras. Devem ser ingeridos, preferencialmente, ao almoço e ao jantar.

Os temperos frescos, como o açafrão e a canela, também são aconselháveis, à semelhança dos alimentos biológicos.

A água, pura, bebida numa média de seis a oito copos por dia, tem um efeito de limpeza e hidratação. Por outro lado, deve abolir-se o café.

De evitar são, igualmente, as comidas processadas industrialmente (bolachas, refrigerantes, salgados, ketchup e todos os alimentos que contenham caramelo como corante).

Os especialistas recomendam ainda o consumo de chá verde ou suplementos à base dessa bebida, com probióticos, antioxidantes e substâncias anti-AGEs de ultima geração na composição (com prescrição médica!).



Maria Bijóias

Título: A Alimentação E O Aparecimento Das Rugas

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 0

633 

Comentários - A Alimentação E O Aparecimento Das Rugas

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O Mito da Entrevista de Emprego

Ler próximo texto...

Tema: Empresariais
O Mito da Entrevista de Emprego\"Rua
Aguardando há meses pela oportunidade de um novo emprego e após ser aprovado em várias etapas do processo de seleção eis que surge um empecilho: a entrevista de emprego.

Diversas dúvidas passam pela cabeça do candidato como o que vestir, como sentar-se, qual o tom de voz adequado, o que o entrevistador espera como resposta e como impressioná-lo provando ser a pessoa certa para a vaga a ser ocupada.

A verdade é que não há regra que garanta o sucesso em uma entrevista, porém, algumas atitudes e cuidados precisam ser tomados. Abaixo seguem 10 dicas que auxiliarão o candidato enfrentar essa fase do processo de seletivo de forma mais segura, não importando a área ou cargo pretendido.

1. Seja pontual. A pontualidade é uma forma de demonstrar respeito, consideração e compromisso com a empresa, porém, ser pontual não significa ser precipitado, chegando com muito tempo de antecedência. Para isso programe-se: quanto tempo você levará para chegar até o local combinado para a entrevista? E se houver algum tipo de atraso? Programe-se para que os prazos possam ser cumpridos. Se o atraso for inevitável entre em contato com a empresa e explique o motivo para o mesmo solicitando a possibilidade de remarcar o compromisso.

2. Vista-se de maneira condizente ao cargo que irá ocupar. Mesmo parecendo ser uma superficialidade, a forma como o candidato se veste pode influenciar a decisão do entrevistador, portanto, causar uma boa impressão é essencial. Para isso pesquise o perfil da empresa, se possível observe a forma como os funcionários se vestem e use na entrevista algo um pouco mais formal do que usaria todos os dias para ir ao trabalho.

3. Zele por uma boa aparência. Como descrito acima causar uma boa impressão é essencial, dessa forma, a higiene pessoal é indispensável. Vale ressaltar que perfumes e maquiagem exagerados são pontos negativos em uma entrevista.

4. Tenha em mente suas principais realizações profissionais e as evidencie. Quais os principais desafios que essas lhe trouxeram e o que aprendeu em cada uma delas. Se é seu primeiro emprego vale ressaltar suas experiências escolares e acadêmicas como trabalhos em grupos, projetos realizados, programas de estágio e trainee.

5. Tenha atitudes positivas. Um método de entrevista consiste em perguntas aparentemente absurdas que não possuem, necessariamente, respostas prontas. O que ele deseja na verdade é avaliar seu raciocínio lógico, portanto, seja criativo, argumente e crie estratégias para sair dessa saia justa.

6. Seja genuíno e autentico. Mesmo estando sob pressão seja você na entrevista. Não minta nem use máscaras. O recrutador provavelmente perceberá que você não está sendo sincero.

7. Tenha argumentos. “Por que você quer trabalhar aqui?” ou “Quais serão suas contribuições para essa empresa?” são perguntas básicas em uma entrevista de empregos. Portanto, tenha bons argumentos para esses questionamentos.

8. Mostre-se interessado. Faça perguntas plausíveis ao entrevistador.

9. Seja gentil e educado a todo o momento. Muitas empresas costumam analisar o candidato no momento em que esse inicia o processo seletivo.

10. Mostre-se confiante. Se você fará a entrevista de emprego é porque já passou por outras fases do processo seletivo, ou seja, tem muitos pontos a seu favor. Acredite no seu potencial .

Outros textos do autor:
O Mito da Entrevista de Emprego

Pesquisar mais textos:

Mabelly Venson

Título:O Mito da Entrevista de Emprego

Autor:Mabelly Venson(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios