Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Automóveis > Dicas de como escolher o rack ideal para o seu carro

Dicas de como escolher o rack ideal para o seu carro

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Automóveis
Visitas: 64
Comentários: 1
Dicas de como escolher o rack ideal para o seu carro

Saber qual o rack mais indicado para o carro é uma preocupação que faz muita gente coçar a cabeça quando pensa em comprar. Uma das maiores atenções quanto a esse acessório é sobre a pintura do carro.

Arranhões e descascamento nas partes em que o rack fica fixado são muito constantes, por isso alguns proprietários que cuidam bem do carro, não querem nem pensar no assunto. Outros donos de veículo que não foram felizes aboliram de vez o uso do rack no carro.

Entendendo melhor para escolher um que atenda as necessidades sem causar danos à lataria, terá muita utilidade.

Pense no que costuma ou gostaria de transportar no carro com o rack, como prioridade para ter um parâmetro de peso.

Verifique se seu carro tem pequenas abas nas extremidades do teto do carro. É uma de cada lado, elas são para essa finalidade, facilitar a colocação e bagageiro.

Meça a altura das abas laterais do teto e a distância, depois consulte o manual do carro para saber a capacidade do peso que suporta.

Prefira comprar rack de teto, suporta mais peso e terá maior liberdade para transportar o que quiser sem atrapalhar a visão traseira.

O rack que dispensa uso de parafuso na instalação, é muito interessante, não arranha o carro e suporta em média até 30 kg com segurança. Nele se pode transportar prancha de surf, caiaque, etc..., porém, se for viajar para regiões onde a velocidade do vento é grande, o ideal é usar rack parafusado.

Dica: Ao usar um bagageiro que precisa parafusar, ponha um pedaço de borracha entre a lataria e os parafusos. Essa ação impede que o veículo seja arranhado.

A borracha não pode ser grossa, pois se for, a força empregada para fazer a fixação será maior e pode amassar a lataria.

Os melhores racks são os produzidos para oferecer resistência à corrosão. Exposição a chuva, sereno e maresia das regiões praianas, a ferrugem passaria para o carro, por isso é importante se informar sobre a quantidade de suportação do peso e se oferece essa garantia.
Quanto à linha que deve comprar, essa é uma escolha que tem a ver com a necessidade de cada um de modo que atenda a principal necessidade.


Sílvia Baptista

Título: Dicas de como escolher o rack ideal para o seu carro

Autor: Sílvia Baptista (todos os textos)

Visitas: 64

772 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    17-06-2014 às 05:22:23

    Penso que o rack deve ser um modelo que a pessoa goste e que se sinta confortável, saiba manuseá-lo e que combine com o carro.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Dicas de como escolher o rack ideal para o seu carro

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios