Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Internet > Redes Sociais Virtuais -PERIGOS

Redes Sociais Virtuais -PERIGOS

Categoria: Internet
Visitas: 6
Redes Sociais Virtuais -PERIGOS

Redes Sociais são estruturas sociais virtuais compostas por pessoas e/ou organizações, conectadas por um ou vários tipos de relações, que partilham valores e objetivos comuns na internet.

1º perigo: ser vítima de um predador sexual.
2º perigo: assédio por parte de outras crianças.
3º perigo: roubo de identidade.
4º perigo: passar demasiado tempo nas redes.


1º perigo: ser vítima de um predador sexual.
Esse perigo existe, mas não deve ser exagerado. O risco de encontrar um pedófilo na Internet não é maior do que à saída da escola. Aliás 95% dos abusos sexuais em crianças têm origem no seu circulo familiar. Mas esse perigo existe.

2º perigo: assédio por parte de outras crianças.

As mensagens e imagens partilhadas nas redes sociais permitem que estas sejam muitas vezes utilizadas para insultar um determinado participante ou enviar fotos obscenas.
3º perigo: roubo de identidade.3º perigo: roubo de identidade.

Aqui existem vários graus. O primeiro é o roubo de uma fotografia que uma vez recuperada numa rede social pode ser modificada e utilizada para outro fim. O segundo é o roubo da identidade de uma pessoa e a ulterior criação de uma falsa identidade com a pessoa roubada.

4º perigo: passar demasiado tempo nas redes.

Como qualquer jogo de vídeo, as redes sociais também absorvem muito tempo. Estas podem fazer com que as crianças passem demasiado tempo nelas e assim reduzirem o tempo despendido para os trabalhos de casa e sobretudo reduzir a sua capacidade imaginativa.


A meu ver, os perigos das redes sociais estão:

Na falta de cuidado de muitos de seus membros ao exporem sua intimidade e informações particulares, as quais os tornam presas fáceis para pessoas mal intencionadas;
Na falta de moderação da grande maioria delas, onde todo tipo de conteúdo é livremente postado, haja vista que a produção de conteúdos ocorre de forma não centralizada, onde não há assim por dizer o chamado controle editorial;
Nos links embutidos em fotos e imagens ou abertos mesmo, que contém códigos maliciosos capazes de contaminarem os computadores com malwares ou que levem os membros das redes sociais a sites perigosos;

Na falta de limite que deveria ser imposta pelo próprio internauta, onde passa horas e horas nas redes sociais, ficando sujeito a tornar-se um viciado ou até mesmo adquirir doenças pelo uso ininterrupto do computador.


Miguel Pereira

Título: Redes Sociais Virtuais -PERIGOS

Autor: Miguel Pereira (todos os textos)

Visitas: 6

166 

Comentários - Redes Sociais Virtuais -PERIGOS

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios