Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Vermes Anelideos

Vermes Anelideos

Categoria: Saúde
Visitas: 43
Vermes Anelideos

Os anelídeos vem do latim annelus= ane, esse filo agrupa os vermes de corpo cilíndrico e segmentados,são providos de anéis ,só triblástico, celomados e protostomios e apresentam também simetria bilateral.seu representante é muito conhecido, é a minhoca.Os anelídeos são os primeiros animais a apresentar um sistema circulatório, que assim ajuda e facilita a distribuição de nutrientes e de gases respiratórios a todas as células do corpo.

O sistema circulatório, é um sistema fechado,o sangue circula o tempo todo dentro dos vasos.Seu tubo digestório é completo, e seu sistema nervoso é do tipo ganglionar e sua excreção e feita por nefridios que é um par por segmento.
Existem três classes do filo anelídeos , e são elas: Oligoquetas,Poliquetase Hirudineos.


A classe Oligoquetas, que vem do grego oligo=pouco+khaite=cabeleira,apresentam espinhos ou cerdas curtos, que são microscópicas na supervficie de seu corpo e que essas cerdas auxiliam em sua locomoção.Eles vivem em ambientes terrestre úmidos ou água doce.A minhoca , seu corpo é recoberto por um muco, que assim matem sua pele úmida.Os oligoquetas são animais hemafroditas, e sua fecundação é a fecundação cruzada.


Classe Poliquetas, vem do grego polus=muito+khaite+cabeleira,são animais que apresentam muitas cerdas e são animais marinhos.Eles vivem sobre a arei ou em tubos que escavam no fundo do mar ou nas praias,Algumas espécies se locomovem ativamente no fundo do mar a procura de alimentos ,e outras são fixas.As que são fixas obtém seus alimentos filtrando a água do mar com uma coroa de penachos, brânquias que rodeiam sua boca.


Classe Hirudínea, a classe hirudínea vem do latim hirudo=sanguessuga, e essa classe não apresentam cerdas nem parapodios, seu habitat é em água doce, embora existam algumas espécies terrestres que vivem em florestas úmidas.A maioria dessas espécies são ectoparasitas de outros animais,em geral vertebrados,em qual sugam seu sangue,eles possuem uma ventosa que auxiliam na sua fixação ao corpo do hospedeiro, como as sanguessugas.


Oligoquetos são hemafroditas de fecundação interna.Sobre as sanguessugas, elas possuem e produzem uma secreção salivar que contem anticoagulante, a hirudina.No passado essas espécies Hirudo medicinalis foram utilizadas pela medicina,hoje em dia não usado mais.Porem ainda as sanguessugas são utilizadas em certos tratamentos médicos. E a hirudina ,que hoje é sintetizada artificialmente é utilizada sem pomadas e cremes para eliminar hematomas.


Vanessa Camila Borri

Título: Vermes Anelideos

Autor: Vanessa Camila Borri (todos os textos)

Visitas: 43

0 

Comentários - Vermes Anelideos

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A arte de trabalhar a madeira

Ler próximo texto...

Tema: Serviços Construção
A arte de trabalhar a madeira\"Rua
A carpintaria constitui, digamos assim, a arte de trabalhar a madeira. É claro que, de acordo com o produto final, se percebe bem que uns carpinteiros são mais artistas do que outros…

Às vezes nem se trata tanto dos pormenores, mas mesmo de desvirtuar o que era a ideia inicial e constava da encomenda. Mal comparado, quase se assemelha à situação daquela aspirante a costureira que pretendia fazer uma camisola para o marido e, no fim, saíram umas calças!

Na construção civil, a madeira é utilizada para diversos fins, temporários ou definitivos. Na forma vitalícia (esperam os clientes!) incluem-se estruturas de cobertura, esquadrias (portas e janelas), forros, pisos e edifícios pré-fabricados.

Quase todos os tipos de madeira podem ser empregues na fabricação de móveis, mas alguns são preferidos pela sua beleza, durabilidade e utilidade. É conveniente conhecer as características básicas de todas as madeiras, como a solidez, a textura e a côr.

Ser capaz de identificar o género de madeira usado na mobília lá de casa pode ajudar a determinar o seu real valor. Imagine-se a possibilidade de uma cómoda velha, que estava prestes a engrossar o entulho para a recolha de lixo, ter sido feita com o que hoje se considera uma madeira rara.

É praticamente equivalente a um bilhete premiado do Euromilhões, dado que se possui uma autêntica relíquia! Nestes casos, a carpintaria entra na área do restauro e da recuperação. Afinal, nem tudo o que é velho se deita fora…

Por outro lado, as madeiras com textura mais fraca são frequentemente manchadas para ganhar personalidade. Aqui há que remover completamente o acabamento para se confirmar a verdadeira natureza da madeira.

É assim também com muita gente: tirando a capa, mostram-se autenticamente. Mas destes, nem um artificie com “bicho-carpinteiro” consegue fazer nada…!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:A arte de trabalhar a madeira

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    23-09-2014 às 13:23:35

    Uma excelente técnica que penso ser muito bonito e sofisticado. A arte de trabalhar madeira está sempre em desenvolvimento e crescimento.

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    01-06-2014 às 05:18:46

    É ótimo o trabalho com a madeira. Pode-se perceber grandes obras que se faz com ela. Realmente, é uma verdadeira arte!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios