Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Ansiedade Infantil

Ansiedade Infantil

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Comentários: 1
Ansiedade Infantil

Julgamos que ser criança é divertido. Que ser pequenino é fácil e que não existem preocupações. Imaginamos muitas vezes que as brincadeiras ocupam a vida dos mais novos e que não há forma de os aborrecer com o mesmo assunto durante muito tempo.

Pois bem… Infelizmente o mundo das crianças de hoje é tão stressante como o nosso (adultos) e nem de perto nem de longe que a infância dos nossos filhos pode ser comparada com a que foi a nossa.

Pensamos muitas vezes que a ansiedade é um problema de adultos e que não afeta as crianças que vivem num ambiente dito normal.

No entanto as coisas não são bem assim. Existe vários (muitos) motivos para que as nossas crianças sejam obrigadas a lidar com a ansiedade desde muito cedo.

Uma situação de transtorno de ansiedade pode levar a depressões profundas e de anti socialização, o que numa criança é perigoso ocorrer a nível psicológico. As crianças devem comunicar, descobrir, brincar, querer saber e ter gosto de aprender com a sociedade e na sociedade. Esta é a única forma (naturalmente com a ajuda dos pais) a uma integração na sociedade que o rodeia.

Normalmente este tipo de transtorno inicia-se muito cedo quando os pais são pessoas que apesar de presentes fisicamente são emocionalmente stressadas e ausentes. Falta de uma conversa, confiança depositada no filho, uma simples brincadeira ou de encorajamento podem ser pecados complicados na educação.

O dia começa de manhã e para muitas crianças é um momento de stress e muita agitação. Com o decorrer do dia, a pressão continua.

A não esquecer é também as situações que as crianças enfrentam todos os dias. A sociedade está cada vez mais competitiva e os enganos e erros já não são entendidos como há uns anos. Os julgamentos de hoje são mais rápidos e mais violentos e as crianças, com toda a sua honestidade, são também seres muito cruéis umas com as outras.

Para evitar este tipo de situações, tente manter desde sempre um elo forte com o seu filho. Ser pai e mãe é saber escutar, é saber estar atento. É saber estar sentado no chão e rir. Acompanhar de mão dada e larga-la no parque e somente vê-lo brincar. É o anti-stress perfeito para todos (pais e filhos).

Prepará-lo para todas as situações, encorajando-o e dando-lhe confiança é um trunfo de sábio. Por exemplo, antes do começo das aulas, explique-lhe como vai ser o novo ano. Espreite com ele os novos livros e interesse-se por tudo o que o rodeia. À hora de jantar, deixe-o falar sobre o seu dia e escute-o fazendo-lhe perguntas. Ele sentir-se-á incluído no ambiente e vida familiar.

Os “Não” também são importante e devem ser convictos. Os castigos não devem ser gritados, pois acredite que não ver televisão ou não jogar computador naquele dia serão um massacre para ele.

Eduque mimando. Permita que o seu filho veja em si um companheiro na jornada da sua vida. Ele poderá ser feliz com a pressão da sociedade, mas nunca o será com a ansiedade que vive dentro de casa. Deixe que o seu castelo seja o do seu filho também. Afinal, que melhor companhia do mundo se poderá ter que a de um filho.


Carla Horta

Título: Ansiedade Infantil

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

626 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Sofia NunesSofia Nunes

    16-09-2012 às 15:14:40

    Parabéns pelo seu texto, aborda um assunto altamente ignorado por pais, educadores e pela sociedade em geral. De facto, à parte da opinião que temos acerca das crianças criadas em famílias claramente disfuncionais, tendemos a pensar que as crianças de famílias “normais” vivem tranquilamente, à margem de quaisquer problemas e preocupações. No entanto, essa é uma visão irreal do mundo em que vivemos, no qual as crianças começam a experienciar muitas das dificuldades dos adultos.

    ¬ Responder

Comentários - Ansiedade Infantil

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dica caseira para remover manchas no rosto facilmente

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Beleza
Dica caseira para remover manchas no rosto facilmente\"Rua
Com a chegada do verão, os cuidados com a pele precisam ser intensificados. É claro que, independente da estação, os cuidados com a saúde e beleza são fundamentais. Mas, no verão, alguns problemas de pele, principalmente da face, tornam-se mais frequentes e, com isso, surgem algumas preocupações. A boa notícia é que, a maior parte dessas preocupações podem ser amenizadas ou até mesmo solucionadas com dicas caseiras de cuidado com a pele.

Logo, certos cuidados como o uso regular de bloqueador solar é importantíssimo, não só para evitar manchas no rosto e no corpo, como também, para evitar doenças graves como o temido câncer de pele. Por isso, a boa hidratação, a limpeza correta da face e o uso de cremes faciais com proteção contra os raios ultravioletas UVA e UVB não podem ser menosprezados.

Outro detalhe relevante é a escolha da alimentação. Para ter uma pele saudável e bonita é preciso evitar o uso de certos alimentos. Sabe-se que os conservantes, corantes e similares, que estão sempre presentes nos alimentos industrializados provocam alergias e outros problemas. Essas substâncias podem fazer surgir ou intensificar doenças como o melasma, aquelas manchas escuras na face. E, essas manchas são sensíveis ao calor do sol e, dependendo da pele, o tratamento exige bastante tempo e recursos financeiros para cuidados e acompanhamento dermatológico.

Mas, você pode preparar em casa uma loção para limpar a pele, reduzir ou até mesmo remover essas manchas escuras. Você vai precisar de um pêssego maduro, um pouco de hidratante facial e uma bisnaga de Bepantol, que é um creme com vitamina A.

Dicas para preparar seu creme removedor de manchas na pele:

Primeiramente, faça o creme de pêssego: é só bater no Mix o pêssego com um pouquinho de água. Para facilitar, amasse o pêssego com uma colher antes de bater no Mix. Depois, peneire a massa de pêssego para o creme ficar mais homogêneo. Em seguida, misture a terça parte da bisnaga de Bepantol ao pêssego com uma colher, preferencialmente de madeira ou de plástico. Com um algodão e com movimentos suaves, aplique a loção no rosto e deixe agir por 40 minutos. Depois lave com água abundante. Evite o uso de esfoliante porque a pele ficará muito sensível. Essa loção pode ser usada até três vezes na semana. Não use sobras de creme.

Pesquisar mais textos:

Zilma Silva

Título:Dica caseira para remover manchas no rosto facilmente

Autor:Zilma Silva(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios