Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Decoração > Decore com tubos de ferro

Decore com tubos de ferro

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Decoração
Decore com tubos de ferro

A decoração é cada vez mais um assunto que nos interessa. Não importa a nossa classe económica, o sexo e a idade. Nada disso interessa e o que tem mais valor é uma decoração pensada, estudada e conseguida.

Na eventualidade de não conseguir decorar sozinho, pode sempre pedir ajuda a uma amiga que percebo do assunto, ou então, abra os cordões à bolsa e contrate uma decoradora profissional.

Na decoração o importante é o bom gosto, e associado a isso, o nosso bom gosto. Cada um tem o seu, e o que vem do coração é o que faz mais sentido.

Decorar com cores ou papel de parede, com madeira, com vidros ou acrílicos, pedra mármore ou qualquer outro material, não interessa. Se gosta arrisque. Mas se já viu de tudo e nada o faz ficar boquiaberto, então siga a nossa sugestão. Decore com ferro.

Muitas vezes temos a ideia que decoração com ferros tem um “je ne cest quoi” de medieval ou de rústico, mas esta ideia não está na realidade correta. A decoração com ferro pode ser aquilo que se quiser.

O ferro pode ser trabalhado das mais variadas maneiras e feitios e não se limitam aos torneados das pernas de umas cadeiras.

Os tubos de ferro, por exemplo ser uma excelente alternativa para a construção de muita coisa no mobiliário lá de casa e para a decoração em geral.

Por exemplo, já tinha pensado em molduras em tubo de ferro? E num espelho com tubos de ferro torneados?

Se for mais artístico, experimente isto – desenhe um sofá em ferro. Com tubos de ferro, poderá desenhar um sofá magnífico, bastando para o conforto ideal, acrescentar-lhe uns almofadões bem fofos. Aproveite e desenhe uma poltrona e uma pequena mesinha de apoio.

Se quiser levar o seu projeto à avante, procure um serralheiro. Este tipo de artistas existem mesmo, e se descobrir um verdadeiro trabalhador, vai ficar encantada com tamanho talento e beleza nas peças.

O mais importante será ter imaginação. Desenhe e faça imensos rascunhos, apanhe e volte a desenhar. Quanto mais estudar e sonhar com as suas peças, mais vai adorar construir este projeto.

Revistas das especialidades de decoração trazem muitas vezes excelentes ideias em tubos de ferro, pelo que preste atenção e namore revistas.

Aventure-se e seja ousado. Impressione com as suas buscas e faça de um bom serralheiro o melhor amigo das suas ideias. Decore com tubos de ferro.


Carla Horta

Título: Decore com tubos de ferro

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

766 

Imagem por: spaceamoeba

Comentários - Decore com tubos de ferro

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A arte de trabalhar a madeira

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Serviços Construção
A arte de trabalhar a madeira\"Rua
A carpintaria constitui, digamos assim, a arte de trabalhar a madeira. É claro que, de acordo com o produto final, se percebe bem que uns carpinteiros são mais artistas do que outros…

Às vezes nem se trata tanto dos pormenores, mas mesmo de desvirtuar o que era a ideia inicial e constava da encomenda. Mal comparado, quase se assemelha à situação daquela aspirante a costureira que pretendia fazer uma camisola para o marido e, no fim, saíram umas calças!

Na construção civil, a madeira é utilizada para diversos fins, temporários ou definitivos. Na forma vitalícia (esperam os clientes!) incluem-se estruturas de cobertura, esquadrias (portas e janelas), forros, pisos e edifícios pré-fabricados.

Quase todos os tipos de madeira podem ser empregues na fabricação de móveis, mas alguns são preferidos pela sua beleza, durabilidade e utilidade. É conveniente conhecer as características básicas de todas as madeiras, como a solidez, a textura e a côr.

Ser capaz de identificar o género de madeira usado na mobília lá de casa pode ajudar a determinar o seu real valor. Imagine-se a possibilidade de uma cómoda velha, que estava prestes a engrossar o entulho para a recolha de lixo, ter sido feita com o que hoje se considera uma madeira rara.

É praticamente equivalente a um bilhete premiado do Euromilhões, dado que se possui uma autêntica relíquia! Nestes casos, a carpintaria entra na área do restauro e da recuperação. Afinal, nem tudo o que é velho se deita fora…

Por outro lado, as madeiras com textura mais fraca são frequentemente manchadas para ganhar personalidade. Aqui há que remover completamente o acabamento para se confirmar a verdadeira natureza da madeira.

É assim também com muita gente: tirando a capa, mostram-se autenticamente. Mas destes, nem um artificie com “bicho-carpinteiro” consegue fazer nada…!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:A arte de trabalhar a madeira

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: spaceamoeba

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    23-09-2014 às 13:23:35

    Uma excelente técnica que penso ser muito bonito e sofisticado. A arte de trabalhar madeira está sempre em desenvolvimento e crescimento.

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    01-06-2014 às 05:18:46

    É ótimo o trabalho com a madeira. Pode-se perceber grandes obras que se faz com ela. Realmente, é uma verdadeira arte!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios