Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Utilidades Domésticas > Controle no orçamento doméstico

Controle no orçamento doméstico

Visitas: 8
Comentários: 1
Controle no orçamento doméstico

O que todos comentam hoje é a falta de dinheiro, as despesas são inúmeras e o dinheiro pouco, mas podemos reverter este quadro, afinal economizar é à base de tudo.

O que devemos fazer? Nada mais do que o controle das despesas e receita de nossa casa, sem esse orçamento fica difícil planejar a troca de um carro, ou a compra da sonhada casa, ou até mesmo a troca de um refrigerador, sem que paguemos juros tão abusivos, o bom é economizar para adquirir o bem a vista, tendo assim o poder de ganhar um desconto sobre o valor apresentado nos produto que geralmente tem embutido em seus preços um juro.

Sempre pensamos mais é mais fácil, pois podemos pagar em até 10 x sem juros, mais o que você não sabe é que o juro já esta embutido no valor das prestações. Abra uma conta poupança à parte para guardar o que economizar, mesmo que seja um pouquinho mais vá juntando e no final você vai ver que pode comprar uma nova geladeira.

Apesar de sabermos que muitos, hoje em dia quem consegue pagar o básico sem entrar no vermelho já se acha um vencedor, mais é possível quando se quer realmente, mais para isso é preciso um orçamento de todos os gastos como: despesa de luz, água telefone, celulares, gás de cozinha, escola dos filhos, aluguel e alimentação, com tudo isso em mão, passamos ver o que devemos controlar e não desperdiçar.

Temos que fazer um verdadeiro malabarismo para sobrar alguns trocados, pois é necessário diminuir o gasto com luz, apagando todas as luzes da casa e apenas uma acessa, outra coisa não passar roupa todos os dias apenas uma vez por semana, usar a maquina de lavar apenas uma vez por semana, a televisão só ligar quando necessário, e ao deitar desligar todas as tomadas da parede, deixando apenas a da geladeira. Gás de cozinha terminou o almoço desliga a mangueira. Água só usar o essencial e não ficar com chuveiro ligado enquanto passa o sabonete. Telefone ligar o mínimo possível e não ficar horas batendo papo. Celular só usar para recados. Já com os alimentos você pode comprar o essencial, nada de focar colocando no orçamento refrigerante que nem faz bem a saúde, e ensine aos de casa que no prato não pode sobrar nada, tem que por somente o que vai comer se desejar mais é melhor repetir, do que desperdiçar examine os pratos e veja quem deixou e da próxima vez fique alerta, desperdiçar alimento nem a DEUS agrada.

A única coisa que você nada pode fazer é com aluguel e colégio para seus filhos, pois não pode baixar e nem tão pouco tirar seu filho de um bom colégio para por em um inferior.

Nunca use o cheque especial, viva apenas com o que tem afinal cheque especial é só em caso estremo como doença. Caso você for ao shopping e ver uma peça linda que lhe agradou não compre, vire o rosto, afinal você não vai morrer se não comprar, Com tudo isso feito você vai ver o quanto economizou. Bom seria gastar e ter para gastar, mais que fosse com coisas importantes para você e sua família.



Waldiney Melo

Título: Controle no orçamento doméstico

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 8

723 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    07-06-2014 às 13:13:06

    Sempre digo que não precisamos do "muito" para viver. Na maioria, são desnecessárias. Que vivamos com o que precisamos, e não com o que queremos.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Controle no orçamento doméstico

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Cães e Humanos: Amizade por interesses

Ler próximo texto...

Tema: Animais Estimação
Cães e Humanos: Amizade por interesses\"Rua
Não é de hoje que os cães são considerados nossos melhores amigos, porém como toda amizade ela não é totalmente incondicional e livre de interesses, pense bem, você pode discordar a princípio, mas analise a fundo e verá que tenho razão.

Cães convivem conosco a mais de 10mil anos, foi lá atrás na pré história que essa amizade começou, uma das mais duradouras da história. Teorias dizem que essa conexão iniciou pois ambas as espécies precisavam de algo que não possuíam e juntos se completaram.

Em plena era do gelo onde a sobrevivência estava sendo testada a todo vapor, aquele lobo considerado mais corajoso se encontrou com um homem também corajoso e resolveram unir forças, talvez não conscientemente, mas deu certo para ambos, e ali iniciava uma amizade que duraria por milênios.

Nesse estágio da nossa história, corríamos perigo de sobrevivência; faltava comida, segurança e energia ! ... E então percebemos que esses lobos simpáticos poderiam nos dar uma vantagem na corrida contra a morte, afinal eles caçavam muito bem , coisa que tínhamos dificuldade em fazer pela falta de energia naquele momento; então pensamos, eles nos ajudam a caçar, nós dividimos o alimento e em troca eles ganham segurança e afeto, e foi assim que essa amizade nos ajudou a enfrentar todos os percalços do caminho, e hoje evoluímos tanto que não precisamos mais de seus serviços e ainda sim continuam sendo nossos melhores amigos, posso dizer então que realmente é uma amizade verdadeira, que surgiu da dificuldade e interesses mas que não se deixou abalar por nada.

Então, agora quando virmos alguém maltratar esses animais, desdenhar deles dizendo que "não prestam pra nada", "não fazem nada de útil", como a galinha que põe ovos, ou a vaca que dá leite, lembremo-nos o quão útil eles foram na nossa caminhada, não só no quesito físico mas também no emocional, numa época em que as aparências não importavam e nem o QI para se fazer um amigo, bastava ser corajoso o bastante pra ultrapassar barreiras e conhecer mais o outro, do jeito que ele viesse, garanto que vantagens incríveis nascerão dessa amizade, e não pense em vantagens como algo ruim, quando digo penso em a vantagem da gente se sentir o humano mais importante do mundo quando esses seres peludos nos olham nos olhos sem pedir mais nada em troca, damos e recebemos carinho como nunca, uma retribuição silenciosa a quem sempre esteve do nosso lado, no pior e melhor momento.

O maior interesse em uma amizade é que ela dure para sempre, e acho que com os Cães conseguimos isso.

Pesquisar mais textos:

Lara Lavic

Título:Cães e Humanos: Amizade por interesses

Autor:Lara Lavic(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios