Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > DVD Filmes > Santa Cláusula (1994)

Santa Cláusula (1994)

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: DVD Filmes
Santa Cláusula (1994)

Hoje vou-vos falar de um fime de Natal. Este filme, que é quase tão velho como eu, é mágico e sempre que o vejo, sejam quantas vezes forem, a minha imaginação transporta-se e fico apaixonada por aquele mundo mágico em que Scott Calvin vive na época de Natal

Elenco
Este filme tem como personagem principal o fantástico Tim Allen (Scott Calvin). A sua ex-mulher Laura Miller é representada pela atriz Wendy Crewson; o marido de Laura, Dr. Neil Miller é Judge Reinhold e o pequeno Charlie foi protagonizado por Eric Lloyd.
Mais à frente encontramos David Krumholtz como Bernard, o chefe dos elfos, Paige Tamada como Judy, uma pequena e doce elfo que traz bebidas quentes ao Pai Natal e Kerrigan Mahan e Frank Welker como as renas.

Podemos também encontrar:
*Peter Boyle como Sr. Whittle
*Larry Brandenburg como Detetive Nunzio
*Mary Gros como Srta. Daniels
*Rebecca Oatt como Ela Mesma

Produção e distribuição
O filme “Santa Cláusula” foi produzido no estúdio Outlaw Productions e distribuido pela Walt Disney e Hollywood Pictures. Saíu no dia 11 de novembro de 1994, nos Estados Unidos da América.

Sinopse
Scott Calvin (Tim Allen) é um industrial bem sucedido no ramo dos brinquedos. Tudo parece perfeito na sua vida, exceto um pormenor: a sua ex-mulher Laura (Wendy Crewson), com quem passa a vida a discutir, e o filho comum de ambos, Charlie (Eric Lloyd), um pequenino de seis anos, que luta com a dúvida de dever ou não acreditar no Pai Natal. Scott fica com Charlie na véspera de Natal, apesar da falta de vontade do menino, que preferia ficar com a mãe e com o padrasto, Neil (Judge Reinhold), um psiquiatra que criou uma excelente relação com o rapazinho.

No entanto, nessa noite, Charlie ouve um barulho no telhado e acorda o pai, que ao verificar o que se passa, assusta um homem gordinho e barbudo, que estava no telhado com um fantástico casaco vermelho, fazendo-o cair. Esse homem é nada mais, nada menos, que o Pai Natal! Ao procurar uma identificação do homem caído, Scott encontra, com grande espanto, um cartão que o identifica como o Pai Natal e, no verso, adverte que, em caso de lhe acontecer algo, a pessoa que encontrasse o cartão devia vestir o seu fato, acrescentando no fim “A rena saberá o que fazer”.

Frase relevante: “Seeing is not believing. Believing is seeing.” – dita pela elfo Judy a Scott Calvin, quando ele diz que, apesar de ver tudo aquilo à sua volta, não consegue acreditar.

Espero que tenham gostado do resumo desta história fabulosa. Recomendo a todos vós que vejam este filme intemporal!


Patrícia Carvalho

Título: Santa Cláusula (1994)

Autor: Patrícia Carvalho (todos os textos)

Visitas: 0

604 

Comentários - Santa Cláusula (1994)

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios