Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Desporto > Sedentarismo

Sedentarismo

Categoria: Desporto
Comentários: 1
Sedentarismo

Quando era pequena,minha mãe me matriculou em várias escolas esportivas.Fui matriculada em ballet clássico e moderno,jazz,sapateado,natação,volley,basquete e outros esportes que nunca gostei.

Sequer fazia minhas aulas de educação física no colégio,fugia sempre para algum banheiro ou qualquer outro lugar que eu pudesse me esconder.

Cresci e continuei fugindo da prática de exercícios.Nunca gostei de me mexer,posso dizer que sou uma preguiçosa nata.O único esporte que gosto é levantamento de copo e de garfo.Porém o tempo foi passando e eu comendo cada vez mais.Fazia dieta e não conseguia emagrecer e então desistia e voltava a engordar.

Até o dia que fui em uma nutricionista e a mesma me receitou uma dieta e exercícios físicos.Não aditava só fechar a boca eu precisaria malhar para emagrecer.Tive que fazer matrícula numa academia e optar por um pacote de ginástica e musculação.

Os primeiros dias foram bem ruins,mas depois meu corpo foi se acostumando.Até chegar ao ponto que se eu não malhasse um dia,teria que compensar no próximo dia.Devido a tamanha falta meu organismo sentia.

Hoje,quando tenho que malhar o faço com o maior prazer do mundo.Deixou de ser uma obrigação e se transformou em uma atividade agradável.

Sou uma ex-sedentária,mais ainda não virei "rata-de academia".Me cuido e sinto satisfação nisso.Todos deveriam tentar frequentar uma academia,uma coisa que pode ser ruim no começo pode se tornar muito prazerosa conforme ganha-se prática.

Nem que seja uma simples caminhada diária de 30 min,é muito válido praticar algum exercício físico.Para aqueles que já tentaram malhar e não gostaram,aconselho praticar algum esporte.Pode ser uma natação perto da casa ou do trabalho.Uma aula de lutas marciais,um futebol com os amigos,um curso de salsa com marido ou a mulher,esgrima para os mais exóticos.

Existem centenas de esportes,vários tipos de dança e várias formas de trabalhar o corpo.Todas elas apresentam vantagens diferenciadas. A dança por exemplo queima calorias ou seja ajuda a emagrecer,já a musculação promove o enrijecimento da musculatura resultando num corpo definido.

Seja qual for sua escolha,seu coração vai ser eternamente grato!


Gabriela Torres

Título: Sedentarismo

Autor: Gabriela Torres (todos os textos)

Visitas: 0

631 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    30-06-2014 às 21:49:56

    O sedentarismo é um mal terrível na nossa sociedade. Mais pessoas a cada dia estão sedentárias, engordando ao máximo e trabalhando muito. É difícil mudar a rotina, até porque o cansaço se apodera de nós, mas temos que buscar forças e sair dessa! Depois que começa a fazer os exercícios, fica mais fácil! O importante é persistir sempre!

    ¬ Responder

Comentários - Sedentarismo

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios