Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Relacionamentos > Quando As Pessoas Dizem Que Você Não Fala Muito

Quando As Pessoas Dizem Que Você Não Fala Muito

Categoria: Relacionamentos
Quando As Pessoas Dizem Que Você Não Fala Muito

Quando era tímido, não falava muito nas conversas, especialmente com as pessoas que não conhecia bem. Então, muitas vezes, recebia comentários e perguntas como: "Por que você não participa da conversa?" ou "Você não fala muito!"

Lembro-me de que esses tipos de observações e perguntas deixavam-me muito desconfortável e não sabia como reagir. Não gostava de ser tímido, e não gostava de jeito nenhum quando as pessoas percebiam que eu era tímido.

Então, resolvi compartilhar com você quais as mudanças que tive ao longo de um tempo. Você terá aqui uma dica prática de como agir quando as pessoas dizem que você não fala muito ou é muito tímido.

1) Não fique na defensiva ou tentando ser espirituoso
Normalmente, quando uma pessoa ouve de alguém que não fala muito, o primeiro impulso é se justificar.

Ela vai tentar explicar de forma bem elaborada e com um falso argumento. Não faça isso, pois é um sinal de insegurança. Também tentar ser espirituoso dando uma resposta inteligente, místico.

Defender-se e tentar ser espirituoso é uma reação que visa a aprovação gerada por ansiedade, e acredite, isso não dá resultado! Há uma alternativa muito melhor que é dar uma resposta básica:

Descobri que quando alguém diz que não falo muito, é melhor responder de forma simples e curta. Algo assim: "Sim, às vezes eu não estou com vontade de falar" ou "eu não tenho nada para dizer agora". Isso é suficiente!

2) Concentre-se em superar sua timidez, e não em escondê-la
Sinto que o foco em fazer os outros pensar que você é social, quando você realmente não é, só desgasta e não traz mudanças. Sua prioridade deve ser a de aprender a ser mais extrovertido socialmente (o que você pode fazer), em vez de gerenciar como os outros o veem.

Curiosamente, o momento em que você parar de se importar muito com comentários do tipo "você não fala muito" é justamente o momento que começará a ser mais falante e assim você pode não mais se incomodar com esses comentários. Isso significa que você começou a não temer a desaprovação, um medo que é a raiz da timidez e ansiedade social.


Vicente Silva

Título: Quando As Pessoas Dizem Que Você Não Fala Muito

Autor: Vicente Silva (todos os textos)

Visitas: 0

407 

Comentários - Quando As Pessoas Dizem Que Você Não Fala Muito

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios