Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Evangélicas > 7 Atitudes Que Os Filhos De Deus Jamais Devem Tomar

7 Atitudes Que Os Filhos De Deus Jamais Devem Tomar

Categoria: Evangélicas
7 Atitudes Que Os Filhos De Deus Jamais Devem Tomar

1- Nunca faça nada de qualquer maneira para Deus - Nem nós gostamos de receber algo de maneira relaxada, imagine Deus que é onipresente e Perfeito? Deus quer encontrar em nós corações dispostos a oferecer o melhor. Muitos servem a Deus com peso na consciência. Mesmo cometendo tantos erros, Ele nos aceita todos os dias. A maneira que Deus nos trata não existe outra igual neste mundo.

2 – Gostar das coisas que seu irmão na fé pratica de errado - Praticar o erro que os irmãos na fé praticam não é algo legal, já que eles possuem comportamentos errados e personalidades completamente diferentes das que verdadeiramente deveriam ter. Portanto, não são quesitos para divisão entre os irmãos. Se você vê seu próximo pecando procure ajudá-lo, mas sem apontar o dedo. Todos nós temos fraquezas e erros, por mais que lutemos para ser perfeito.

3 – Nunca fale: Você é pecador/mundano/leproso - Muitos filhos de Deus acreditam nas frases que pastores ou até mesmo irmãos na igreja dizem por mais duras que sejam. Quanto mais imaturos na fé forem, mais verdade isso é. Para confirmar isso podemos ver que a comunhão de muitas pessoas pode ser abalada grandiosamente. Existem outras maneiras de dizer sobre a vida de todos os servos de Deus. É necessário reconhecermos mais as qualidades do que os defeitos.

4 – Eu tenho vergonha de falar de Deus - Algumas pessoas possuem uma maior necessidade de orientação, pois são tímidas em público ao contrário de outras que gritam, pulam e correm falando do nome de Jesus Cristo. No caso dessas pessoas tímidas é necessário termos a atenção desejando conversar e ver elas se abrindo mais. Procure meios para que estas pessoas venham interagir mais em torno da evangelização. Busque alternativas para levar a pessoa a quebrar essa timidez para falar de Deus que é necessário.

5 – Nunca aceite viver na carne - Jamais devemos aceitar viver como filhos da carne dentro das igrejas. Mesmo sendo alguém na casa de Deus não podemos nos vangloriar e brincar com a nossa fé. Todos precisamos saber que somos preciosos e queridos por Deus e independente dos erros que cometemos não podemos deixar de viver em humildade com Deus.

6 – Eu cansei! Não vou mais na igreja! - Não é normal quando as pessoas não tenham mais vontade de frequentar a casa de Deus para ter mais comunhão. Isso prova um descuido em sua fé. O nosso amor a Deus é provado na atitude de buscar a Ele. A igreja não salva ninguém, mas é o lugar onde os salvos estão. Se você parar de buscar a Deus na igreja, o resultado será negativo, já que também estará tendo uma atitude igualmente errada. A reação correta, de acordo com a Palavra de Deus , é que os filhos se edifiquem porque sozinhos não podem fazer nada.

7 – Não chore! Seja racional! - Jamais devemos subestimar os nossos sentimentos por mais pequenos que sejam. Sentimentos faz a nossa vida agir conforme crianças imaturas, porém são também capazes de nos fazer sentir emoções boas. Não podemos de forma alguma nos basear nas preocupações e ansiedades e sim contar com a direção de Deus. Passamos por situações que nos causam medos e anseios e de acordo com a nossa fé temos crescimento. É importante não menosprezar uma guerra no interior, por menor que ela seja, pois para quem não se guarda na luta pode enfraquecer a sua fé.


Natanael Genoel

Título: 7 Atitudes Que Os Filhos De Deus Jamais Devem Tomar

Autor: Natanael Genoel (todos os textos)

Visitas: 0

487 

Comentários - 7 Atitudes Que Os Filhos De Deus Jamais Devem Tomar

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios