Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Seguros > Ao que se pode segurar?

Ao que se pode segurar?

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Seguros
Comentários: 1
Ao que se pode segurar?

Quem tem casa própria e a adquiriu através de um crédito á habitação, está habituado a ver contabilizado nas suas contas os valores de seguro de casa e de vida.

Quando o banco lhe empresta um determinado valor para a aquisição de um imóvel, tem de ter uma segurança, quer sobre o imóvel, quer sobre a vida de quem paga o empréstimo. Se algo acontecer á casa ou a si, a companhia de seguros indemniza o banco com o pagamento do valor ainda em divida.

Quanto aos seguros de vida, podem ser feitos nos mais variados moldes. Quer a nível de saúde, invalides e incapacidade de trabalhar, quer na própria vida, as companhias de seguros apresentam-lhe um leque alargado de seguros. Consultas em redes de clínicas privadas, internamentos, tratamentos, indemnizações para quem sofre um acidente.

Existem também os seguros de recheio que são já uma prática comum entre os Portugueses, mesmo que não possuam nenhuma obra valiosa dentro de casa. Televisões, mobiliário, eletrodomésticos, são hoje em dia alguns dos chamados recheios assegurados, para a lamentável situação de roubo, inundação ou incêndio.

Existem seguros para tudo e conhecemos muitos deles. Para o animal doméstico, para o carro, para as obras, acidentes de trabalho, responsabilidade civil para alguns ramos empresariais, enfim, um sem mais fim de seguros para subscrever.

O que muita gente não sabe, é que existem seguros digamos, pouco comuns, ou melhor, alguns mesmo estranhos.

Imagine que tem um daqueles aparelhos conhecidos por frigoríficos americanos, daqueles que fazem gelo aos corações e que até têm televisão incorporada. Que se deva fazer um seguro para o eletrodoméstico até se compreende, mas sabia que pode assegurar o que está lá dentro? Exatamente. Leu bem. Ao subscrever um seguro destes, terá de apresentar uma média do que costuma ter lá dentro. Ora vejamos, três frangos, mais dois bacalhaus congelados, mais uma mousse de chocolate, mais uma dúzia de ovos entre muitas outras coisas. Se faltar a luz, ou se o aparelho puro e simplesmente parar de trabalhar e se todo o recheio do frigorifico se estragar, o seguro paga. É verdade, não se esqueça de salientar se costuma ter marisco de alto calibre.

Outro seguro caricato são os dos filhos. Os de saúde e de vida, fazem todo o sentido, mas e se o seu filho decidir encostar-se a uma vitrine de cristais de Bohemia em exposição numa loja de antiguidades? Quem paga o desastre? O seguro. Assegure os disparates do seu filho e não se preocupe tanto com os estragos que ele possa fazer.

São feitos muitos outros seguros não só em Portugal, mas em todo o mundo. Nos seguros de carácter profissional encontramos os ditos normais, mas também outros mais específicos. Qual o profissional de guitarra que não assegura os seus dedos? Ou um futebolista as suas pernas.

A Tina Turner por exemplo assegurou um valor de aproximadamente 2.3 milhões de dólares pelas suas pernas. No entanto, saiba que avaliar a sua inteligência não tem preço? Não existe cotação de mercado. Caricato, não?


Carla Horta

Título: Ao que se pode segurar?

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

606 

Imagem por: comedy_nose

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    29-05-2014 às 23:04:02

    Muito interessante o caso da Tina Turner em colocar sua perna num seguro..ehehe
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Ao que se pode segurar?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Manutenção Automovel

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Automóveis
Manutenção Automovel\"Rua
Faça você mesmo a revisão do seu automóvel e poupe dinheiro em oficinas. Primeiro verifique com a ajuda de outra pessoa a iluminação exterior. Uma pessoa fica no interior do carro e liga as luzes, verifique á frente os mínimos, os médios, os máximos e os piscas. Depois atrás verifique os mínimos os stop a marcha atrás e o farol de nevoeiro.

A seguir verifique a iluminação do interior do veículo e do painel de instrumentos e a afinação do travão de mão.

Agora está na hora de verificar os filtros de ar, gasóleo e habitáculo. Dependendo da utilização eles podem fazer em média 40.00km, se estiverem sujos substitua-os por novos.

A seguir vem a mudança do óleo este em geral pode-se retirar pelo bujão de vazamento do cárter, convém substituir a anilha e o filtro de óleo. O óleo novo deve respeitar as especificações do fabricante, verificar no livro de manual de utilizador do veículo os litros de óleo do motor. Meter o óleo novo pelo bucal superior do motor com a ajuda de um funil, o nível do óleo não pode ultrapassar o máximo. Se não sabe a quantidade de óleo deite 4 litros e depois verifique o nível pela vareta de verificação de nível e vá deitando até chegar ao nível certo.

Agora é preciso verificar as pastilhas de travões, hoje em dia como quase todos os veículos têm jantes especiais consegue verificar sem desmontar as rodas. Substituir se necessário as pastilhas, ao desmontar repare como desmonta para depois voltar a montar tudo de novo. Por fim verifique a pressão dos pneus com um manómetro, a pressão indicada varia de carro pra carro se não sabe a pressão indicada ponha 2.2bar que é em média a pressão que todos utilizam.

Convém dizer que qualquer material que precise basta procurar numa loja de peças auto próxima de si ou então encomendar via net pois existem vários sites especializados em peças e materiais de manutenção auto. Vai ver que não custa nada se eu aprendi você também pode aprender e além disso fica a conhecer melhor o seu carro.

Com isto tudo pode poupar em média 200€ por cada revisão.
Obrigado e até a próxima.

Outros textos do autor:
Manutenção Automovel

Pesquisar mais textos:

Vendas Online

Título:Manutenção Automovel

Autor:Vendas Online(todos os textos)

Imagem por: comedy_nose

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    17-06-2014 às 04:55:10

    Há inúmeros benefícios para fazer a manutenção do automóvel, pois isso garante melhor preservação do veículo e se prolonga o uso por muitos e muitos anos.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios