Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Decoração > A diferença de uma moldura

A diferença de uma moldura

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Decoração
Visitas: 6
Comentários: 3
A diferença de uma moldura

Uma boa moldura faz muita diferença na decoração da casa ou do escritório. Sabe aquela tela que você já agüenta mais olhar, ou aquele quadro que já lhe parece tão fora de moda e até mesmo aquela foto que aparenta não combinar com nada? Tudo pode mudar completamente com uma simples troca de moldura.

A moldura não serve apenas para dar acabamento em telas e quadros ou manter as fotos sobre a estante, ela também é parte da decoração de um ambiente e realça a imagem a qual ela envolve.

Existe uma infinidade de modelos, cores e tamanhos de molduras, algumas são especificas para certos tipos de utilização. A moldura em caixa alta é muito usada em telas, por exemplo.

São encontradas molduras em madeira, metal, gesso, resina ou plástico, com acabamento fosco ou brilhante.

O vidro e o fundo utilizado na composição de uma emolduração também são muito importantes, nos casos em que é utilizado vidro sempre verifique se tem a opção entre vidro comum ou antirreflexo, em quadros ou porta-retratos em que a imagem fica distante do vidro, este deve ser comum. Já nos casos em que o vidro fica exatamente sobre a imagem, prefira o antirreflexo, assim você verá apenas a imagem do quadro sem qualquer alteração ou sombreamento.

O fundo de acabamento, aquilo que fica atrás da imagem, pode ser em mdf, eucatex ou plástico, se for possível opte pelo eucatex. Apesar de ele dar um pouco mais de trabalho na hora da montagem, devido ao pó, ele resiste mais ao mofo e a umidade do que o mdf e é mais resistente a quebras e rachaduras do que o plástico.

Mas as molduras não servem apenas para telas, quadros e porta-retrato, elas também renovam espelhos e dão um acabamento especial em móveis. Um bom espelho não é muito barato, então antes de trocar aquele espelho no qual você não suporta mais se olhar, pense em renová-lo com uma bela moldura.

Muitos marceneiros conseguem trabalhar bem o detalhamento de móveis com molduras, em banheiros, por exemplo, fica um charme o balcão com detalhes em moldura igual ao espelho.

Uma boa opção para quem gosta de fotos, mas não quer ter vários porta-retratos pela casa, são os quadros multifotos que podem ser encontrados prontos em lojas de fotografia e decoração e também em moldurarias e vidraçarias onde você tem a possibilidade de fazer no tamanho e formato que desejar.


Fabiane Martello

Título: A diferença de uma moldura

Autor: Fabiane Martello (todos os textos)

Visitas: 6

771 

Imagem por: Muffet

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • SophiaSophia

    26-04-2014 às 21:46:06

    Uma bela moldura tem grande valor e nos dá a oportunidade de colocarmos uma foto, algo que deixe lembranças em nossa vida e daqueles que estarão no lugar.

    ¬ Responder
  • Daniela VicenteDaniela Vicente

    17-09-2012 às 21:37:55

    eu gosto muito de molduras. favorece imenso a casa e dá um toque muito pessoal, com fotografias nossas, da nossa família, de férias, etc. acho que quem não gosta de molduras tem algum problema com o lado pessoal, que deve resolver. conheço pessoas que não gostam de molduras e nunca percebi bem porquê, mas acredito que está ligado a algo a resolver.há muitas variedades de molduras e parece-me algo fantástico para decorar a casa.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoWillians

    05-02-2013 às 18:18:14

    Tbm concordo, valoriza e harmoniza o ambiente da casa!!!

    ¬ Responder

Comentários - A diferença de uma moldura

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Organizar Qualquer Tipo De Evento

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Eventos
Como Organizar Qualquer Tipo De Evento\"Rua
Com todas as mudanças no mundo precisamos de pessoas capacitadas e qualificadas para se organizar um evento de porte. Não mais uma pessoa que faz tudo, que quebra-galho, mas um profissional estudioso no ramo para levar um evento de grande estima que atinja seu público de forma satisfatória e abrangente.

Para estar na frente exige-se muito trabalho, esforço e dedicação extrema para que se obtenha grande sucesso não somente para quem recebe como também para a própria instituição em que se realiza o evento. Isso tem causado uma procura por esses profissionais e até tem sido reconhecido como uma profissão que será valorizada muito nesses próximos anos.

Como Organizar?

Para estar na frente de um evento é necessário muita dedicação e amor. Muitas horas planejando e com uma grande antecedência. Pois, qualquer problema que ocorra no dia, será de responsabilidade de quem está organizando.

Então, todos os cuidados devem ser levados em consideração, devemos ter ações prevenidas e tudo deve ser listado, feito e dado uma atenção especial. Diante dos que se pretende fazer em um evento seja ele cultural, religioso, comercial, precisa de alguns parâmetros para serem seguidos cuja finalização tenha muito sucesso.

Eis quais são as etapas para você compreender melhor:
1. Objetivos: você deve primeiramente traçar um objetivo daquilo que se pretende realizar. Deve ser dividido em duas partes: a geral e a específica;

2. Públicos: quem são os públicos que serão atingidos? É um grupo de mulheres, um grupo de homens? Que faixa de idade? Essas e outras perguntas devem ser feitas;

3. Estratégias: essas estratégias consistem simplesmente em como você vai atingir o seu público, o que mais irá atraí-los para que possam ir ao seu evento?

4. Recursos: os recursos tanto materiais, humanos, físicos, todos esses recursos devem ser bem estruturados e anotados;

5. Implantação: Que métodos serão usados para o evento desde o início até o término do evento? Refere-se a todos os procedimentos;

6. Acompanhamento e controle: estipular alguém que irá acompanhar todo o processo e controlar, como por exemplo, as despesas;

7. Avaliação: feita após o término do evento, ela é produzida em formato de relatório e entregue a quem organizou o evento;

8. Orçamento Previsto: este deve ser feito bem detalhado. Uma das mais importantes partes de todo o evento. Pode buscar patrocínio, parcerias com empresas para assim evitar os gastos, mas tudo deve ser anotado e controlado.

Pesquisar mais textos:

Luene Zarco

Título:Como Organizar Qualquer Tipo De Evento

Autor:Luene Zarco(todos os textos)

Imagem por: Muffet

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios