Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Viagens > Aldeia de Alte – a pureza máxima da alma algarvia

Aldeia de Alte – a pureza máxima da alma algarvia

Categoria: Viagens
Visitas: 4
Comentários: 3
Aldeia de Alte – a pureza máxima da alma algarvia

Alte é, na concepção de muitos, a aldeia mais pura do Algarve. Trata-se de uma típica aldeia do Barrocal Algarvio, encaixada na Serra do Caldeirão, praticamente um oásis raro de paz e alegria no rebuliço do tempo presente.

A encosta pouco inclinada da serra acolhe casas brancas com chaminés rendilhadas. As ruas estreitas aludem ao campo. Subindo as escadas, via-se ter à Igreja Matriz, consagrada a Nossa Senhora da Assunção. Construída no século xii, esta casa de oração patenteia uma decoração de excelência, com talha e azulejaria barrocas, abóbada quinhentista e portal e pais baptismais manuelinos. O largo da igreja incita à admiração da ambiência circundante e, não muito longe dali, o pitoresco mercado da aldeia faz também as delícias do visitante.

A zona da Grande Ribeira e das Fontes Grande e Pequena constitui, muito provavelmente, a mais distinta riqueza paisagística da povoação. A ribeira de Alte atravessa a aldeia, desde a Fonte Grande até à Queda do Vigário. Durante vários séculos, as águas da ribeira, fornecidas pelas fontes, proviam as necessidades da aldeia, eram utilizadas para regar as hortas ali perto e funcionavam como ponto de encontro das mulheres que iam lavar roupa e encher os cântaros.

A área que envolve a Fonte Grande é cercada por um imponente arvoredo e equivale, sem dúvida, a um extraordinário património ambiental. Este fantástico espaço de lazer convoca a passeios e piqueniques em família. Em acréscimo, o anfiteatro ao ar livre aí existente desafia os dotes teatrais, sendo ainda palco de recitais de poesia e de concertos.

A Fonte Pequena, junto à ribeira, rende homenagem ao poeta altense Cândido Guerreiro, podendo ler-se aqui alguns dos seus sonetos mais conhecidos. As águas da ribeira serviam, noutras épocas, de força motriz aos nove moinhos da aldeia, a maioria dos quais estão actualmente em ruínas. A queda de água Pego do Vigário, onde acaba a ribeira, localiza-se pouco abaixo do povoado e decorre do caudal desta e da morfologia dos vales e encostas daquele território, de acesso não muito fácil.

Os turistas afluem sobretudo nos eventos anuais, em que é dado especial realce às tradições da aldeia, como sejam «Alte – Aldeia Cultural» e a festa do 1.º de Maio, momentos altos da vida da localidade. Música, actividades culturais, desporto, gastronomia e artesanato (onde se destacam os brinquedos em madeira, a olaria e os trabalhos de esparto) compõem o programa das festividades. Venha apreciar, divertir-se e desfrutar!


Maria Bijóias

Título: Aldeia de Alte – a pureza máxima da alma algarvia

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 4

799 

Imagem por: BrianForbes37

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • altense

    21-10-2014 às 12:12:32

    Tudo é verdade, muito boa descrição da minha aldeia de Alte. Obrigado por a dar a conhecer.
    O que me pena, no meio disto tudo, é a fotografia, não reconheço, mesmo nada, os serros. Vivendo cà hà uma eternidade nunca tal cor de atmosfera vi por aqui.
    Um bom artigo mas foto,muito aquém.

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    20-04-2014 às 17:40:15

    A Rua Direita adoraria conhecer o local, parece ser perfeito!

    ¬ Responder
  • Coelho da SilvaCoelho da Silva

    30-05-2011 às 16:15:06

    Fui profissional de seguros durante varios anos em Loule e, por inerencia da minha actividade deslocava-me diversas vezes a Alte. Era com grande prazer que me deslocava aquela localidade pois alem do convivio sempre agradavel com a populaçao podia desfrutar das belezas naturais de Alte muito em especial na zona da Ribeira Grande onde eu muitas vezes fazia um interregno da minha actividade só para poder descançar o espirito.

    ¬ Responder

Comentários - Aldeia de Alte – a pureza máxima da alma algarvia

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dica caseira para remover manchas no rosto facilmente

Ler próximo texto...

Tema: Beleza
Dica caseira para remover manchas no rosto facilmente\"Rua
Com a chegada do verão, os cuidados com a pele precisam ser intensificados. É claro que, independente da estação, os cuidados com a saúde e beleza são fundamentais. Mas, no verão, alguns problemas de pele, principalmente da face, tornam-se mais frequentes e, com isso, surgem algumas preocupações. A boa notícia é que, a maior parte dessas preocupações podem ser amenizadas ou até mesmo solucionadas com dicas caseiras de cuidado com a pele.

Logo, certos cuidados como o uso regular de bloqueador solar é importantíssimo, não só para evitar manchas no rosto e no corpo, como também, para evitar doenças graves como o temido câncer de pele. Por isso, a boa hidratação, a limpeza correta da face e o uso de cremes faciais com proteção contra os raios ultravioletas UVA e UVB não podem ser menosprezados.

Outro detalhe relevante é a escolha da alimentação. Para ter uma pele saudável e bonita é preciso evitar o uso de certos alimentos. Sabe-se que os conservantes, corantes e similares, que estão sempre presentes nos alimentos industrializados provocam alergias e outros problemas. Essas substâncias podem fazer surgir ou intensificar doenças como o melasma, aquelas manchas escuras na face. E, essas manchas são sensíveis ao calor do sol e, dependendo da pele, o tratamento exige bastante tempo e recursos financeiros para cuidados e acompanhamento dermatológico.

Mas, você pode preparar em casa uma loção para limpar a pele, reduzir ou até mesmo remover essas manchas escuras. Você vai precisar de um pêssego maduro, um pouco de hidratante facial e uma bisnaga de Bepantol, que é um creme com vitamina A.

Dicas para preparar seu creme removedor de manchas na pele:

Primeiramente, faça o creme de pêssego: é só bater no Mix o pêssego com um pouquinho de água. Para facilitar, amasse o pêssego com uma colher antes de bater no Mix. Depois, peneire a massa de pêssego para o creme ficar mais homogêneo. Em seguida, misture a terça parte da bisnaga de Bepantol ao pêssego com uma colher, preferencialmente de madeira ou de plástico. Com um algodão e com movimentos suaves, aplique a loção no rosto e deixe agir por 40 minutos. Depois lave com água abundante. Evite o uso de esfoliante porque a pele ficará muito sensível. Essa loção pode ser usada até três vezes na semana. Não use sobras de creme.

Pesquisar mais textos:

Zilma Silva

Título:Dica caseira para remover manchas no rosto facilmente

Autor:Zilma Silva(todos os textos)

Imagem por: BrianForbes37

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios