Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Veja quais são as doenças mais comuns da gravidez e como preveni-las

Veja quais são as doenças mais comuns da gravidez e como preveni-las

Categoria: Saúde
Visitas: 2
Comentários: 4
Veja quais são as doenças mais comuns da gravidez e como preveni-las

Todas as grávidas devem ficar atentas as possíveis doenças que podem aparecer durante o período de gestação, por isso, é importante fazer o pré-natal corretamente. A partir do momento em que a mulher descobre que está grávida, ela deve começar a ter um cuidado redobrado com a saúde, pois é nesta fase que ocorrem muitas mudanças físicas e emocionais. Então, veja quais são as doenças mais comuns na gravidez e como preveni-las para garantir a sua saúde e a do bebê.

Asma

A asma é uma das doenças que tem mais chances de atingir as grávidas. Ela é uma enfermidade pulmonar ocasionada pela obstrução das vias respiratórias. Essa doença piora na gravidez, pois, é nesta fase que ocorrem mudanças metabólicas que alteram a fisiologia da respiração. Além disso, os refluxos e infecções respiratórias também são fatores que podem contribuir para o seu aparecimento. Seus sintomas mais comuns são: tosse, chiado no peito, secreções e falta de ar. Para preveni-la evite tudo o que pode provocar uma crise asmática, como por exemplo: frio, poluição, cigarro e infecções respiratórias.

Anemia ferropriva

A Anemia ferropriva é causada pela falta de ferro no sangue, o que prejudica a produção de hemoglobina – proteína que realiza o transporte de oxigênio para as células. Essa doença pode surgir durante o período de gestação devido a vários fatores: alimentação inadequada, incapacidade do organismo de repor o ferro e diluição natural do sangue na gestação. Seus sintomas mais comuns são: fraqueza, palidez, fadiga, cansaço e dores nas pernas. Para preveni-la é importante manter uma alimentação equilibrada e rica em ferro. Alguns alimentos saudáveis e ricos são: agrião, espinafre, lentilha, feijão branco, frutas secas, gema de ovo, fígado, escarola, melão, abacate, entre outros.

Cistite

A cistite é uma infecção que prejudica as vias urinárias. É muito comum essa doença aparecer na gestação devido às alterações hormonais que a mulher sofre nesse período. Seus sintomas mais comuns são: urinar frequentemente, sensação de ardor ao urinar, dor no baixo ventre e sangramento. Para preveni-la é preciso beber muito líquido, principalmente água e não segurar a urina.

Diabetes mellitus gestacional

A Diabetes mellitus gestacional é uma das doenças que mais preocupam as gestantes. Ela pode surgir devido a uma mudança nos níveis de açúcar no sangue. Além disso, ela também pode continuar afetando a mulher mesmo após o parto. As suas reais causas ainda são desconhecidas, mas sabe-se que os seus fatores de risco são: histórico familiar, obesidade ou excesso de peso, mulheres cujos bebês nasceram com mais de 4 quilogramas, pressão alta e mulheres com mais de 35 anos.

Seus sintomas mais comuns são: sede, aumento no volume de urina, enjoos, vômito, infecções e visão turvada. Para preveni-la é necessário realizar o controle de peso e fazer exames de sangue periodicamente.

Distúrbios da Tireóide

Os Distúrbios da Tireóide também estão incluídos na lista das doenças mais comuns da gravidez. Ela pode surgir devido a mudanças que ocorrem na glândula localizada na região superior do pescoço, responsável pela produção dos hormônios T3 e T4. E, na gestação, essa glândula pode aumentar, os hormônios secretados pela tireóide podem sofrer alterações, e por isso, a doença pode aparecer.

Seus sintomas mais comuns são: cansaço, aumento ou perda de peso, sono excessivo, taquicardia e agitação (hipertireoidismo). Ainda não foi descoberta uma maneira de prevenir essa doença, mas quando diagnosticada, é preciso fazer um controle rigoroso na gravidez, para que ela não apresente complicações que possam atingir o bebê.

Estas são apenas algumas doenças comuns que podem surgir durante a gestação, mas além delas, também existem outras. Por isso, é muito importante que todas as mulheres grávidas tenham um cuidado especial com a saúde e sigam corretamente as indicações do médico no pré-natal.


Rua Direita

Título: Veja quais são as doenças mais comuns da gravidez e como preveni-las

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 2

784 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    22-07-2014 às 21:11:44

    Achei bem importante saber dessas doenças mais comuns na gravidez e como preveni-las. Assim, é possível ter uma gravidez saudável e sem riscos.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoSara sofia

    09-07-2012 às 11:25:07

    Eu estou grávida de 2 meses e estava tendo alguns sintomas que referiu no texto, obrigado pela descrição, agora vou ao médico mais rápido para me dar a certeza do que poderá ser. Obrigada

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoRita Santo

    09-07-2012 às 11:23:17

    Eu pelos vistos tive sorte, tive um bebe lindo e não tive nenhuma dessas doenças. Mas valeu na mesma, sempre podem vir a acontecer para o próximo.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoSofia

    09-07-2012 às 11:22:10

    Gostei de como fez um breve resumo sobre as doenças mais comuns e como preveni-las, estou querendo ficar grávida e assim já tenho alguns conhecimentos sobre o que me pode acontecer.

    ¬ Responder

Comentários - Veja quais são as doenças mais comuns da gravidez e como preveni-las

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os 10 melhores queijos holandeses

Ler próximo texto...

Tema: Alimentação
Os 10 melhores queijos holandeses\"Rua
Os holandeses são conhecidos como “cabeças de queijo”. A partir daí, podemos notar e concluir que não são apenas amantes de queijo, mas também grandes produtores.
O queijo está presente na Holanda há milhares de anos, desde os tempos de Júlio César, que ficou encantado com os queijos que encontrou no local. Desde então, os queijos holandeses dividem espaço com as flores como símbolo da cultura da Holanda, gerando a maior parte do combustível econômico do país.

Os holandeses fabricam 650 milhões de quilos de queijo por ano, exportando dois terços desse volume para outros países. São os maiores exportadores de queijo do mundo.
Além disso, cada cidadão da Holanda come por ano, em média, 15 quilos de queijo.

Conheça os 10 melhores tipos de queijos holandeses:

1- Queijo Gouda
O queijo recebe o nome da cidade onde é produzido e é responsável por dois terços de toda a produção de queijos da Holanda. É o mais famoso e copiado no mundo.
Trata-se de um queijo macio e cremoso, em formato circular, com os famosos furinhos no meio. Pode-se encontrar variações no tempero, como especiarias e ervas finas. Possui um nível elevado de gordura de 48%, mas que garante o sabor único, úmido e macio do queijo. É considerado um dos melhores queijos do mundo.

2- Queijo Edam
É facilmente reconhecido por possuir no seu interior a coloração amarelo claro e camadas vermelhas ou alaranjadas nas partes mais externas. Possui um sabor picante e é mais seco se comparado com o tipo Gouda. Por esses motivos, possui menos gordura, 40%.

3- Queijo Leiden
Possui menor teor de gordura em comparação com os anteriores por se tratar de leite coado na fabricação do queijo. É mais firme e robusto, com consistência mais rígida. Pode conter especiarias em seu interior. Possui maturação mais prolongada e é prensado, o que o torna mais firme. Além de conter pimenta cominho na preparação da sua massa, dando um sabor mais do que especial ao queijo.

4- Queijo Maasdammer
Queijo com sabor de nozes fabricado na cidade de Maasdam. Também possui os famosos buracos no seu interior e um sabor peculiar e distinto. Possui estrutura firme, consistente, devido a sua cura precoce, de aproximadamente quatro semanas.

5- Queijo Cablanca
Esse queijo de cabra é classificado de duas maneiras: um tipo é fresco e mole, mais suave e cremoso; o outro é semiduro e curado, semelhante ao aspecto dos queijos gouda.
Os primeiros possuem sabor agradável e leve, por serem mais frescos. Enquanto os segundos possuem sabor mais forte e cítrico.

6- Queijo Boerenkaas

Queijo feito essencialmente de forma artesanal, o que o torna um queijo único e exclusivo, além de mais caro que os demais. Pelo menos metade do leite utilizado na fabricação desse queijo deve ser originário de vacas que são criadas na própria fazenda produtora. Além disso, o restante do leite utilizado não pode ser proveniente de mais do que duas fazendas diferentes e próximas ao local original de produção do queijo.

7- Queijo Defumado
Esse tipo de queijo é um pouco diferente dos demais. É fabricado e praticamente finalizado, após isso, é derretido e novamente prensado em formato de embutidos. É geralmente vendido por fatia, em formato de linguiça.

8- Queijo de cravo da Frísia
É um queijo preparado de leite desnatado na região da Frísia.
Além do cominho, leva na fabricação da sua massa pitadas de cravo. Isso garante a esse queijo um sabor forte, seco e rústico. Sua consistência é firme.



9- Queijo Parrano
É um queijo de vaca que possui um sabor que combina com doces aromas.
É um queijo feito nos moldes dos queijos italianos, parecido com a textura do parmesão. Por isso mesmo, é bastante usado na gastronomia italiana.

10 – Queijo Graskaas

Esse queijo é especial pois é feito a partir do primeiro leite produzido pelas vacas após retornarem da pastagem, depois de passarem o inverno trancadas nos celeiros.

Pesquisar mais textos:

Filipe Mixa

Título:Os 10 melhores queijos holandeses

Autor:Filipe Mixa(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios