Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Tanorexia - o vício do sol

Tanorexia - o vício do sol

Categoria: Saúde
Visitas: 2
Comentários: 4
Tanorexia - o vício do sol

A tanorexia poderia definir-se como a obsessão por exibir, de forma constante, um tom de pele moreno. A paranóia pelo bronzeado permanente atinge sobretudo mulheres na faixa etária dos 20 aos 30 anos, mas recentemente começaram a aparecer casos em idades que rondam os 16-18 anos.

Dantes, ser-se dono(a) de uma tez mais “tostada” era sinónimo de se ser pacóvio(a), trabalhador(a) do campo, com toda a conotação de ignorância, falta de educação e de modos refinados, e uma vasta panóplia de características menos abonatórias que definem pessoas tidas como pouco bonitas e charmosas. Hoje em dia, porém, a cor dourada simboliza uma ambição desencadeada, em grande medida, pelos padrões de beleza e de moda impostos por revistas da especialidade e por modelos vivos (celebridades) que provocam a inveja de gente menos resolvida psicológica e emocionalmente.

Para conseguir a tão desejada tonalidade, recorre-se a banhos de sol prolongadíssimos (não raras vezes sem qualquer protecção), solários (fazendo várias sessões por semana, sendo que o recomendado pelos médicos é apenas uma) e cremes autobronzeadores.

A ânsia de se ser moreno(a), quando levado ao extremo, leva a que as pessoas nunca estejam contentes com o seu tom de pele, fazendo rigorosamente tudo (até arriscar a vida!) para ficarem mais morenas. Trata-se de uma patologia muito séria que, para além de queimaduras e do envelhecimento precoce da pele, é susceptível de conduzir a cancro da pele e à própria morte! O cancro da pele mata anualmente 50 mil mulheres em todo o mundo…

A tanorexia consubstancia um transtorno não completamente aceite pela comunidade médica, mas os seus efeitos adversos são inegáveis, tal como o seu grau obsessivo: o Inverno não sublima a necessidade veemente de uma tonalidade morena e os meios utilizados para alcançar esse objectivo são pouco relevantes, sendo que perder uma sessão de bronzeamento solar ou artificial é motivo de uma ansiedade tremenda.

As máquinas de bronzeamento artificial são duplamente perigosas: paralelamente aos efeitos perniciosos directos, causam dependência, ocasionada, segundo investigadores, pela endorfina, substância cerebral que produz uma sensação de relaxamento e bem-estar. As estatísticas confirmam que 90 por cento dos dois milhões de novos casos de cancro da pele diagnosticados todos os anos a nível mundial são consequência das radiações ultravioleta.

Não vale a pena fechar os olhos ou rejeitar algo que é uma realidade irrefutável. A tanorexia é uma doença grave. Os dermatologistas tentam insistir na importância de evitar ou controlar a exposição ao sol e de não prescindir, num ritmo diário, de um protector solar de factor 30. Do mesmo modo, aconselham a consultar um médico sempre que surjam manchas, para que o profissional de saúde avalie a situação e prescreva um tratamento específico que ajude a nutrir a pele.


Maria Bijóias

Título: Tanorexia - o vício do sol

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 2

766 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    22-07-2014 às 19:46:42

    Muito bom! Não sabia nem que existia um nome para vício do sol..heheh..Agora, já sei que é a tanorexia. Bem, não tenho esse problema não, pois pegar sol não é um hábito muito prazeroso, mas tem gente que realmente é viciada.

    ¬ Responder
  • SandraSandra

    30-09-2011 às 19:23:25

    Boa Tarde!

    Venho aqui registrar que sofro de tanorexia.

    ¬ Responder
  • MyleneMylene

    18-04-2011 às 13:19:15

    Adorei saber maissobre a tanorexia

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoTatiane reis

    22-03-2010 às 18:40:31

    muito bom saber dosso tudo aew!!

    ¬ Responder

Comentários - Tanorexia - o vício do sol

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O que é uma Open House?

Ler próximo texto...

Tema: Imóveis Venda
O que é uma Open House?\"Rua
Este é um tema que vem pôr muito a lindo o trabalho de alguns mediadores imobiliários e do seu trabalho.

Quando temos um imóvel para vender, muitos são os métodos a utilizar e os meios que nos levam até eles para termos o nosso objetivo cumprido – A venda da Casa.
Quando entregamos o nosso imóvel para que uma mediadora o comercialize, alguns aspetos têm de ser tidos em conta, como a legalidade da empresa e quem será a pessoa responsável pela divulgação da sua casa, mas a ansia de vermos o negócio concretizado é tanta, que muitas vezes nos escapa a forma como fazem a referida divulgação e publicidade do imóvel.

Entre anúncios na internet e as conhecidas folhas nas montras dos estabelecimentos autorizados, muitas mediadoras optam por fazer uma ação que está agora muito em voga que é uma Open House. Mas afinal, o que é isto de nome estrangeiro que tanto se vê pelas ruas e em folhetos de anúncio?

Ora bem, a designação em Português é muito simples – Casa Aberta. E na realidade, uma Open House é isso mesmo. Abrir uma Casa para que todos a possam ver. NO entanto, requerem-se alguns aspetos que as mediadoras normalmente preveem, mas que é fundamental que o proprietário do imóvel também tenha consciência e conhecimento.

Por norma as imobiliárias só fazem este tipo de intervenção e ação em imóveis que têm como exclusivo, isto é, quando é uma só determinada mediadora, a autorizada a poder comercializar o imóvel.

Em segundo lugar, este tipo de ação de destaque requer à mediadora custos com tempo, recursos humanos e financeiros.
A mediadora começa por marcar um dia próprio que por norma é datado para um feriado ou fim de semana. Faz então publicidade local através de folhetos e flyres anunciando a Open House, o dia e a hora, tal como o local. Muito provavelmente serão tiradas fotografias ao seu imóvel.

Através de redes sociais também poderão ser divulgadas as ações.
No dia da Open House, o local será indicado com publicidade da sua casa e da imobiliária e começarão a aparecer visitas ao imóvel.

Sugiro que não tenha mobiliário e muito menos valores em casa. O ideal será o imóvel estar desocupado de todos e quaisquer bens, por uma questão de segurança, mas também porque as áreas parecerão maiores e isso com toda a certeza ajuda à venda.

A imobiliária será responsável pela limpeza e trato do imóvel, pelo que se ocorrerem danos, serão eles os responsáveis.
Neste tipo de ações, é normal que a concorrência das imobiliárias apareça e faça parcerias que para si só trará vantagens.

Uma Open House pode não ser uma ação de destaque em Portugal, mas por exemplo nos Estados Unidos, é o normal e mais agradável. Os clientes não se sentem pressionados como numa visita normal e os negócios concretizam-se com muito mais rapidez e naturalidade.

Pesquisar mais textos:

Carla Horta

Título:O que é uma Open House?

Autor:Carla Horta(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios