Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Quando temos sono e não conseguimos dormir

Quando temos sono e não conseguimos dormir

Categoria: Saúde
Visitas: 4
Comentários: 4
Quando temos sono e não conseguimos dormir

Saiba o que você pode fazer para não perder o sono. O estilo da vida moderna é o grande responsável pelas noites passadas em claro. A insônia também pode ser um sinal de que algo não esta bem, pois a insônia não ocorre de forma isolada e deve ser avaliada sobre três aspectos principais como o físico o social e o psicólogo. As noites mal dormidas podem ser resultados também de doenças físicas como a apnéia, ou seja, parada respiratória, problemas de saúde que causam dores noturnas como, por exemplo, afibromialgia, distúrbios hormonais, hiper hipotireoidismo, como também doenças psiquiátricas e neurológicas, por exemplo, ansiedade, depressão, doença de Parkinson, derrame cerebrais e mal de Alzheimer. As relações na família e no trabalho e os hábitos errados cometidos no período noturno. A predisposição genética ainda é outro fator a ser considerado. Normalmente quem sofre de insônia tem alguém na família com o mesmo problema.

Constatar a insônia só é possível por meio de uma consulta clinica com um especialista em sonose, ou seja, doença do sono, o que envolve um analise do histórico do paciente, exames físicos e, em alguns casos, o exame complementar de polissonografia. Porem, alguns indícios podem ajudar a identificar a pessoa que sofre com esses distúrbios. Conheça agora algum desses sinais. A queixa principal é a dificuldade de iniciar ou manter o sono ou ainda o sono não reparador, ao menos por um mês. O distúrbio do sono, ou seja, a fadiga e a urna associada ao mesmo causam transtorno significativo ou perda do desempenho profissional, intelectual e social. O transtorno do sono ou o distúrbio do sono são problemas de saúde que devem ser tratados, sempre que possível, e prevenidos.

No entanto não existe uma forma que resolva a insônia de todas as pessoas de maneira uniforme. Cada pessoa necessita deu um tratamento específico, apropriado as características individuais, e que deve ser recomendado por um medica especialista. Entre os outros tratamentos não – farmacológicos se destacam terapia comportamental cognitiva, higiene do sono, controle de estímulos resistência de sono e de tempo na cama e técnicas de relaxamento. Já os principais medicamentos utilizados são os indutores do sono, ansiolíticos ou antidepressivos. A ainda medicamentos novos porem, não estão disponíveis. A alimentação rica em cafeína, xantina e outras substanciam estimulantes aumentam a insônia. Já os derivados do triptofano, como o leite, auxiliam a ter uma boa noite de sono.

Waldiney Melo

Título: Quando temos sono e não conseguimos dormir

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 4

802 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • Briana AlvesBriana

    22-07-2014 às 20:19:21

    É bem complicado mesmo ter sono e não conseguir dormir, ainda mais quando sabemos que precisamos mesmo. O ideal é não dormir à tarde, pois não conseguirás dormir à noite seja lá qual for o horário.

    ¬ Responder
  • tata

    05-06-2013 às 19:01:29

    todo dia durmo as 23:30 e fico morrendo de sono mas ele não vem e me faz ficar acordada até umas 3:00 isso me da até raiva e até choro de tanto sono!!!

    ¬ Responder
  • Denize

    03-09-2012 às 15:45:29

    Meu esposo não dorme mais que 3 horas (Tanto faz dia ou a noite) O que posso fazer para ajudá-lo? tem sono mas não consegue dormir! Como pode acontecer isso?

    ¬ Responder
  • Iverson Rômulo GonçalvesIsabel

    07-08-2009 às 05:20:06

    Gostei muioto desta materia, eu sofro de insonia desde dew ciança.

    ¬ Responder

Comentários - Quando temos sono e não conseguimos dormir

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como cuidar de Plantas de interior

Ler próximo texto...

Tema: Bricolage Jardim
Como cuidar de Plantas de interior\"Rua
Cada planta tem um comportamento diferente, vou colocar aqui alguns cuidados que servem para a maioria delas.

LUZ:

Os principais erros no cultivo de plantas de interior é a falta de luz.
Se elas estiverem em locais onde não há luz suficiente, isso pode ser corrigido com a instalação de luz artificial, existe no mercado lâmpada que imitam a luz natural.


TEMPERATURA:

Mudanças bruscas de temperatura retardam e até paralisa o crescimento da planta, bem como causa a queda de folhas.


UMIDADE:

A maioria das plantas necessita de uma umidade atmosférica adequada.
Normalmente notamos que a planta não está com a umidade correta quando acontece ficarem amarelas e a queda de folhas.


IRRIGAÇÃO:

Conselhos básicos:
Uma planta em fase de crescimento vai precisar de mais água que uma que está em fase de dormência, ou já atingiu o seu tamanho adulto.
Durante a floração a planta precisa de mais água que em sua fase de crescimento
Em ambientes internos mais quentes é evidente que a planta vai precisar de mais águas que em ambientes mais frios.
Para saber qual é o momento exato de molhar, enfie o dedo no substrato, se sentir ele seco, chegou a hora

FERTILIZANTE:

Para que a planta tenha um desenvolvimento harmonioso convém usar periodicamente de fertilizantes que podem ser líquido ou sólidos.
No mercado existe a venda fertilizante com fórmulas específicas para cada planta.
Após a utilização do fertilizante regue a planta.

LIMPEZA:

Faça regularmente a limpeza de folhas secas e caule, pois elas são bastante positivas não só esteticamente como para a saúde das plantas.
Se estiver acumulada muita poeira sobre as folhas, espane, e depois passe um pano húmido
Atenção: Existe algumas espécies, que tem as folhas aveludadas, tipo a Violeta Africana, Begônia Rex, etc. que não deve ser colocada água é só usar uma escovinha bem macia.

TROCA DE VASO:

De uma maneira geral após 1 ou 2 anos as plantas de interior devem ser colocadas em vasos de tamanho maior.
Isso deve ser feito porque as raízes passam a ocupar um grande espaço e também porque o substrato vai perdendo sua composição inicial.
A época mais adequada varia de planta para planta, algumas devem ser feitas na primavera e outras quando estão na fase de repouso.
Aproveite para obterem mudas, separando brotos e dividindo touceiras.

Pesquisar mais textos:

Miguel Pereira

Título:Como cuidar de Plantas de interior

Autor:Miguel Pereira(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:09:31

    Muito bom! É tão gratificante cuidar de plantas. A gente vê o quanto elas florescem quando são bem-cuidadas. Amei as dicas!

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    18-04-2014 às 22:36:55

    Fantástico seu texto, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios